Transcrição

e Salve salve Viajantes sejam bem vindo apertem os cintos pois estamos indo para ver E aí e esse é o nosso Especial de Halloween né não sei se vocês perceberam a gente estão sempre com esse batom preto essas aranhas na mesa bem dar que sim pessoal me olhar você me colheu a situação Nossa garota deve ser uma garota meio mesmo chorando mas é assim que estamos hoje a gente tá com uma convidada muito especial que Preside a né Isso é isso Liz Vamp aqui com a gente Oi meninas Oi pessoal um prazer os assustar com vocês da Terra em umas dessas meninas né Essas Vampires bom e a gente tem a gente tem uma surpresa mostrar deles muito legal inclusive muito legal eu gostei muito que a vai aparecer na tela agora vamos ver aí ó essa nossa ilustração nosso emblema do dia ligado acompanha pode ir pode resgatar e falar eu fui eu tava nesse Episódio sabe olha que show é muito legal você vai receber uma você pode postar e tudo mais e se você quiser resgatar Vai vendo os podcast.com.br e o código É Vampira é olha ele se vocês se por acaso vocês me olharam estiverem com isso eu estiver com esse olho vermelho vocês podem se assustar meu porque eu tenho alergia a lente hahaha então acontece de fato de você tá gente conversar pois é dos dentes não eu não falo nada eu finjo que põe o próximo mas tudo bem tudo bem tudo bem esse dentinho funcionam bem também você tem os dentes não eles são eles são natural seus né tem eles crescem e se você pode mostrar agora aceita mas sei lá para o medo eu tenho medo eu tenho porque assim digita eu não sabia das informações Olha a senha normalmente não é inteligente você pegar e sair música nos dentes por aí porque daí você não pega preso alguma né quando É né você tá sabe sempre uma certa intimidade tá próximo ao pescocinho e tal daí normalmente olha Dona mente quem tomou as medidas eu tenho dado mais vida do que transformado em Bifão sabe então tá tudo bem entendi é que eu não tenho usado para o mal por mal exatamente mal é porque tem tem tem seres assim que poderíamos tornar sobe fiz mesmo né assim tipo porque assim pense bem falar bem e mal o vampiro ele tá na ele está no topo da cadeia alimentar ele não seria nem do bem nem do mal sem maniqueísmos que nem ser humano ser humano a é totalmente bom é totalmente mal também não não é então o vampiro é considerado mal pelo ser humano Exatamente porque o ser humano é o prato predileto do Vampiro né mas Ah tá está nas mãos dos Vampiros de repente melhorar até o a qualidade dos seres humanos vivem se na terra porque aquele ele pode simplesmente se alimentar e transformar um um ser humano em Bifão só em prato do dia mesmo ou então ele simplesmente da vida eterna aquele ser humano Então imagina se isso daí não sei não é bacana isso é legal sair da unidade óleo a eternidade com um pessoas que de repente sejam legais para curtirem né para passar a eternidade porque é o que eu falo sobre até o pessoal fala assim é porque aparência não sei o que tal né se o vampiro vampiro vai escolher alguém por aparência porém não é é primeiro alguém para a companheiro companheira sei lá alguém que quer Eu nunca escolheria para aparência porque Vampiro pode ter aparência que ele quiser né então assim se ele tem esses poderes o corpo para ele não significa nada significa essência então ele vai atrás de uma de uma essência sabe legal para passar os séculos com ele né então assim aí depende do que você vai fazer com séculos e séculos de vida né com essa coisa da eternidade o negócio que você falou eternidade legal depende depende do do da utilidade que você vai dar para a eternidade né você já está vivendo Há quanto tempo é pois é Teoricamente eu tenho data de nascimento né porque no caso a personagem EA filha do personagem Zé do Caixão com uma Vampira inglesa né então foi nos idos de 76 que ele esteve na Europa né conhecer A inglesa tal e nasceu a Liz Vamp na agora a criadora né a Liz Marins no caso eu sei lá eu usei um negócio bem estranho porque quando eu ainda não tinha personagem né porque a personagem tá completando 20 anos este ano a gente não deu para dar mega festa queria e várias coisas né por conta da flor M E agora que tá que as coisas estão voltando só que assim eu lembro Teve uma época né porque eu comecei com atrizes criancinha tal pelas mãos da minha mãe do meu pai da minha mãe teatro meu pai cinema né na adolescência já Creia as próprias já fui trilhar meu caminho né mas então eu trabalhei nessa época como durante alguns anos como modelo e Manequim no caso né mas por causa de convites não era uma coisa que eu queria as pessoas começaram a convidar e eu fiz essa coisa que vocês é então que eu peguei alguns trabalhos é porque eu sempre gostei muito de sobretudo bota chapéu não sei o que peguei alguns trabalhos por causa de um estilo europeu e já meio remetia a avamp sem eu saber que remetia isso portanto eu tenho dúvidas de Desde quando ela habita em mim e eu não sabia é estranho isso que o negócio de personagem né personagem que acaba parece que meio toma as pessoas que conhecem mais pelo teu personagem do que quem está atrás do personagem né como aconteceu com meu pai também né o José mojica Marins muita gente não sabe quem é né agora Zé do Caixão a maioria das pessoas né tipo conhecem quem é o Zé do Caixão e sempre houve uma confusão é comigo Acabou acontecendo meio que é a mesma coisa quando você nasceu só aqui no microfone sim é hahaha quando pode ser quando você nasceu o seu pai já era super conhecido o Zé do Caixão todo mundo conhecia e tá quando eu nasci ele já já tinha lançado o filmes como Zé do Caixão não é Portanto ele já tinha barba aquelas unhas e tal e para mim era uma coisa óbvio que é normal né porque pense bem um gatinho que de repente na Quando nasce a mãe era um é uma um cachorro uma queda é mãe e pai né cachorro cachorra acha um gatinho vai estranhar não vai né então tipo assim é o cara que aquelas unhas e daquele jeito para mim era normalidade as pessoas é que não achava que aquilo era normal né portanto Sim a gente isso o preconceito para caramba porque na escola sim poemas bullying direto engraçado né hoje se fala muito em bullying não é assim pode puxar você quiser puxar ele vai para onde você quiser hoje hoje se fala muito em bullying mas assim Sinceramente eu acho que muito muitos muitos são bem mais leves até do que a gente ia sofrer mas ninguém falava em bullying na época né tipo assim a criança quando dá para ser maldosa também é né e assim as criancinhas cercavam assim e ficava Zé da caixinha Zé da Carola nem era isso para o meu irmão era para minha irmã para mim era Zé da caixinha sabe assim tipo se fosse mulher se fosse homem e várias criancinhas e não era assim a cercavam os irmãos quando estão juntos não se acaba uma criança separada né e não tinha ninguém eu sempre a defender né atores é que os filhos da p*** do nascem com 30 anos eles tem oito anos um dia que nasceu Nasceu imbecil onde nasceu com 30 do novo e já teve oito já foi o imbecil zinho com oito anos nessas coisas assim o meu pai até ele não foi isso também exatamente tipo um pai e assim presente que levava na escola nada disso ele tinha já tinha uma carreira é muito na época ele já tava bem famoso né Então tinha muitos compromissos tal então não pegava levava escola tal então a única coisa que eu sinto não sinto essa coisa do pai ausente tal não na adolescência a gente já mudou mudou assim de figura né eu eu acabei virando mais a mãe do meu pai na adolescência ele passou por fazer alcoolismo as coisas assim e o que acontece na minha infância Eu só gostaria que um dia ele tivesse me levado a escola ou pego né e chegasse para as criancinhas Assim você faz eu todos vocês até para os pais porque até os paixão medo dele né então assim nunca mais ia me falar não nunca mais iriam abrir a boca né porque assim é muito fácil você fazer bullying quando você pega quando você se reúne com vários e pegam mais fraco frágil na mesma porque a a pessoa no meio de uma multidão na de criança assim de várias crianças é claro que ela tá mais frágil né agora nunca chegou nunca chegou uma criancinha sozinha entendeu para pegar E falar alguma coisa comigo aí então eu acho assim que começa a raiz o bullying é até a covardia e tá indo mais além veja veja os carteiros da internet tá é muito fácil você atrás de um computador você pegar né do um computador do celular você pegar e digitar palavras de ódio né E tava lá alguns ser um fake outros não mas mas é por aqui aqui eu sou o feriadão aqui eu sou Tá ok na rua ferrado Ana né mas aí Ninguém chega para você pessoalmente para trocar ideia não não não não e isso é eu tô falando um geral né tô falando com todo com todo mundo as pessoas primeiro eu acho que muita gente perde uma oportunidade muito grande de conhecer a outra pessoa né É porque você olhar você olha uma aparência e você a julgar E você já começa assim a emitir palavras de ódio sem você sequer Tentar conhecer a pessoa eu acho isso uma sacanagem sabe da das grandes Começa por aí né então eu acho que ela tá perdendo uma oportunidade de conhecer essa pessoa e ao mesmo tempo tá sendo covarde escrota sinceramente é a minha opinião na não sei vocês mas é verdade é verdade Você ainda recebe muito ódio virtualmente olha não que não entende né o seu trabalho e olha Digamos que é atualmente algumas coisas estão mais likes né tipo as pessoas que seguem os meus perfis de Instagram no Facebook normalmente a maioria são pessoas que gostam do meu trabalho é mas o que eu já escutei de coisas que que de repente se bem desagradável mas aí eu acho que tem a ver até com aí não é nem a questão do meu trabalho porque meu trabalho pode pegar as vezes em algum fanático ou fanática religiosa que de repente confunda a ficção com realidade alguma coisa assim mas assim tem um problema com pessoas que que eu falei deve acontecer com muitos filhos de artista e de repente a pessoa não conhecer a tua caminhada entendeu É porque eu trabalho desde criança na área artística né tipo a enfim eu sou sua atriz só se nessa não era de criança não é assim nessas conversei com uma atriz já na pré-adolescência comecei a escrever profissionalmente Aí trabalhei apresentei programa de televisão em mídia aberta apresentei também em programa de internet né mas época na numa emissora que é que era emissora da UOL né no caso e então sou escritora escreva o pênis depois é publicado futebol enfim eu tenho uma é um extenso a carreira só bate-papos palestras e certa sei lá quanto só pelo museu da imagem do Sul eu fiz mais de 50 e mais de 50 cidades é tipo então assim você você tem uma carreira enorme de repente chega alguém que não conhece o que você fez e aí acha que Ah tá mas ela ela tá aí ou ela conseguiu isso ou aquilo porque ela é filha do né tipo tá no caso desconsiderando até a minha mãe que eu acho uma sacanagem porque a minha mãe falecida já é um muito tempo eu conversei com a minha mãe também a minha mãe era de teatro né ela era atriz e produtora teatral e o meu pai de cinema né E então quando eu era criança assim eu trabalhava com os dois né eu conheci essa área com os dois mas ela foi tão importante quanto ele levava silêncio tudo é na verdade com ela eu ensinei papel de menina de menino porque eu não tinha peito bom né então eu fiz papel de anãozinho até só você entender esse jogo o corpo até comportava né é pequena né enfim né E então é isso aí para mim foram experiências com a minha mãe assim a gente ensinava tanto nos grandes teatros quanto também levava teatro para periferias né já o teatro já assim a peça já era vendida para escolas né E nós levávamos a peça a lugares que que se não fosse essa forma as pessoas não conheceriam que eram que ela tem a pouco acesso à cultura pouco acesso é que a minha mãe até tenha feito mais do que os gatos grandes né que a gente atobe Azevedo Cacilda Becker é enfim que a gente alguns né que a gente que eu lembro que existem né até agora em São grandes teatros né que nós ensinamos quando eu era criança é é de levar a periferia as escolas a nossa também é nós fazemos peça de gato em casas de crianças na época com síndrome de down eu era uma criança eu não sabia exatamente o que era aquilo só saber que era algo legal né só sentia que as vezes algumas coisas não dava não não entendi porque que as crianças não podiam fazer algumas coisas Eu só não entendi algumas coisas que eu passei a entender depois mas o trabalho que a minha mãe fazia com alguém que a gente não tinha dinheiro né porque meu pai Ganhou muito dinheiro mas também Gastou muito dinheiro assim tipo gastou em jogo gastou em muitas coisas assim fora empregar o dinheiro que ganhava no filme em outro filme né E tipo meio que ficar sem nada porque era pegava um dinheiro de um filme já porque tava no outro é eu tinha essa ele tinha alguns vícios né então acabava acabou que muito dinheiro foi se dessa maneira e a minha mãe que segurou a barra né com teatro com essas coisas né mas aí então Aí você como eu falei na adolescência Já fui já comecei a trabalhar sozinho né sozinha meu caminho tal as vezes fazia um trabalho com ela com ele mas já o foco eram os meus trabalhos né É E aí você veja anos e anos eu tenho quase de idade que eu tenho de carreira e aí vem às vezes gente que não não sabe o tanto que você falou para caramba né tipo assim na tua vida para você conseguir subir cada degrau Zinho né tipo porque meu pai tava usando as coisas dele eu tava fazendo as minhas né Se meu pai tinha que matar e o dia eu como filha de alguém teria que matar dois para ser para que fosse tão legal entendeu para provar que Você merecia tá ali meu é muito estranho porque assim você acha que era uma cobrança maior existe uma conversa mais muito maior porque do que se você não fosse vocês Claro as pessoas falam se a que é fácil sim fácil né é veja só se eu faço alguma coisa que não um trabalho que não saiu tão legal porque assim tem trabalhos primeiro que nem o trabalho que a gente faz vai agradar gregos e troianos isso Fato né mas assim tem trabalhos que eu faço que o que eu olho eu mesmo faço mas eu não gostei tanto desse trabalho tem outros trabalhos que ficam muito bons na Então tá se você faz um trabalho que não ficou tão legal é o que na Ótica da pessoa não tava tão bom aí a pessoa pega para chegar você fala assim pô mas também quem O que é só porque eu o pai dela sei lá o que o pai ainda nem nem essa história toda da minha mãe porque minha mãe não pessoal não foi telinha E não foi Telona né ainda uma mulher né falou assim só porque o pai ela pensa que sei lá o quê OK e as coisas boas ou ótimas que eu faço o que eu fiz o faço aí vem assim Ah é mas também papai ajudou a gente programa O de mérito o mérito não é seu e o de mérito do seu nada mais Caramba até o dia dos Vampiros lá que a crise eu te conhece um pouco na eu vi que você trouxe a revistinha ali do dia dos Vampiros é que é lei na capital paulista não é o dia dos Vampiros é para quem não conhece aí não conheço muito bom esse ano também não deu para fazer a a confraterniza Oi e a campanha da maneira que de que deveria porque também tá fazendo 20 anos de dia dos Vampiros né Eu não sei um ano depois a personagem Mas é uma campanha social portanto a campanha já começa a contar o primeiro ano da primeira edição né então foi em 2002 a primeira edição né então seria a 20ª edição Não deu para a gente se encontrar mas veja só a que o meu pai tinha criado o Dia dos Vampiros eu falei caramba o meu pai não tem nada a ver com isso um amigo meu é ficou revoltado quem sabe Há quanto tempo eu tava batalhando por essa campanha né até a inclusive saio foi em 2004 a matéria Porque aí se tornou lei na cidade de São Paulo tem uma coisa importante para as pessoas até saberem como nós estamos no Halloween né e o Halloween já é de tradição na na verdade foi criado na Europa na Irlanda depois ela foi para os Estados Unidos aí que estourou para o mundo inteiro né E tipo aqui no Brasil já há vários anos a gente comemora o Halloween com muita festa né e enfim é baile à fantasia é brincadeira é só coisas bem legais tá o dia dos Vampiros O que é dia dos Vampiros é tudo Treze de agosto então todo Treze de agosto é dia dos vampiros e existe uma campanha social tem motivo para se essa data sim na verdade quando quando eu criei a a data bom pensei no 13 porque o Treze na verdade além de todo o misticismo era meu número de sorte né e pesquisei se tinha você tinha muita coisa referente a 13 era o dia da e da Inteligência é e era o dia do azar tem aí eu falei se bom mas quem é inteligente não vai acreditar muito engraçado achei interessante essas coisas Parabéns que é o paradoxo agosto é o mês do cachorro louco é enfim né também essas coisas de de lenda de histórias né Vamos passando de gerações a gerações e agosto era um mês também que bom bem fim né que tem várias lendas envolvidas então basicamente foi por isso que eu esqueci que eu escolhi o Treze de agosto mas o que rola tá para vocês que não conhecem aí você que não não não tem não conhece muito né a fundo o dia o dia dos a primeiro eu queria aliar a minha a minha arte algo social relevante não sabia ao que o meu caramba filha de monstro tá bom suerlandia praticamente uma monstrinha Porque daí eu tinha virado vampira aí eu falei assim o que o que é de bacana dá para fazer com que eu tenho que as pessoas venham acreditar nas coisas né porque assim antes disso mas não é um negócio que você no caso fica divulgando essas coisas né mas antes do dia dos Vampiros Eu sempre gostei de fazer dia a hospitais assim mas vestidas de forma que as pessoas nunca nem reconheceriam quem tava atrás Sabe desde do palhaço assim ó tá eu fui mamãe não é Papai Noel sério sim em hospital chinelo tipo mas assim não entendi o Papai Noel é sempre que eu tenho que fazer agora atualmente papel de homem fica esquisito né Ah tá eu eu colocava assim coisas para as pessoas nem saber em quem tá atrás da daquela coisa né então comprava algumas coisas é sei lá o coisinhas mimos né coisinhas assim para para ajudar a entregar lá pessoal tal mas isso isso era durante uma época e Mas eu sabia que tinha alguma coisa que poderia abranger mais pessoas né E aí eu pensei quando elas Realismo Amp deu muita mas muita mídia né e assim não foi nem só no Brasil foi no exterior também a aí eu penso assim é a Então é isso aí né quando não é usado só porque até eu quando lembro eu ri porque você quando eu ficar tá próximo Vai Ficar milionária porque assim meu cabelo milhão muito perto não milionario assino artista no Brasil é uma viagem né aí cara mas foi assim foi um Delírio que durou poucos minutos assim leve logo você caiu aí eu acordada por aí meu que eu tô eu tô delirando para onde né Para que lugar aí eu falei não pera aí que eu tenho hoje foi assim tem eu tenho a mídia eu tenho a personagem tem amigo que ela é uma Vampira falei tá então tal inverter os valores vai ser o dia em que os vampiros Vão doar sangue ao invés de sugar aí aí eu pensei é mas assim é eu sou megalomaníaca então aí eu quis juntar as minhas paixões sabe dentro da campanha né Aí eu falei assim pensei comigo ele não E daí as pessoas podem ir fantasiadas é de Vampiros ou do seu personagem Predileto da ficção sabe é para doar sangue qualquer monstro o super-herói ou então o o vilão ou o que for é para para doar sangue mostrando que Na aparência física não tatuada Nossa índole então eu vou estar muito legal é É a minha luta se encontra preconceitos e discriminações que eu vi na pele desde criança né Eu vi muita gente viver né até hoje infelizmente as pessoas vivem né deu mas muita gente vive na pele palhaça você sai você mesmo tá falando assim aqui o pessoal falou assim ah que que é uma mesma Malu já tá vindo com esse olho preto será o que as pessoas têm muito mania de olhar é tatuado tem isso é coroa isso é é mulher vai até mulher até mulher as pessoas julgam por tudo né então eu falei bom vamos ser Monstros salvando vidas Então já já vamos estar batalhando vou assar para cair esses rótulos sabe assim para cair contra rótulos preconceitos e discriminações essa é a segunda a bandeira então primeiro a incentivar a doação sangue segunda [Música] luta contra preconceitos rótulos e discriminações e terceira Bandeira incentivo a diversidade artística porque eu pensei juntar todo o pessoal da área artística desde cantores atores é para fazer performances tal e com o povo né com todo mundo fantasiado tão e para mostrar que nós temos mais um mais do que um tipo só de gênero musical sabe assim mais do que um tipo só de tem comédia mas tem terror mas tem isso aqui tem aquele enfim fui procurar né Na época vou já ali já né Lígia de Paula Faleceu faz pouco tempo que era presidente do sindicato dos artistas de São Paulo eu fui procurar para a primeira parceria do tipo assim olha eu tive uma ideia né e eu queria dar para você divulgar no sindicato né para ter bastante artistas e tal e E aí vai ser muito divertido para as pessoas vai ter uma super confraternização tal ela falou isso você percebeu a ideia que você tá tendo né assim tipo a idade que você teve aí eu falei assim a ideia de uma campanha que a gente pode olhar muito sangue a gente pode mostrar a diversidade a gente ele falou assim não você você pode transformar isso em um dia e quando ela falou isso também é só aquelas coisas porque eu não sei não sabia nunca tinha passado pela minha cabeça transformar uma coisa em um dia eu falei Como assim transformar em um dia vou não por lei mesmo né porque o que eu fiz foi fazer a campanha né aí ela pegou falou assim eu vou te apresentar um amigo meu Vereador a aí um aí assim meio que eu falei assim cara não vai rolar né fala assim porque o que que eu tinha recebido de político até então de coisas assim internet de propostas de coisas legais que de repente Às vezes a gente tem alguma ideia que a gente quer colocar não é para político ver se melhora a cidade o melhorar o está sei lá a gente tem alguma ideia para propor projeto de lei então então as minhas experiências nessa área tinham sido péssimas né ou então o descaso é ou então cantada aí eu falei assim puxa o ah sei lá eu tava assim meio dos grandes mamona olhe para minha surpresa o cara né José Laurindo né mas nosso faz anos que espero que ele esteja bem né vivo bem ele e a família tá puxar ele ele foi uma pessoa assim muito muito show né porque ele me escutou e inclusive negro uma pessoa que passou não tinha cotas em nada passou na USP sabe como fruta cara assim saber se tudo para caramba lá ruim falou muito tal ele falou assim a tua ideia vai pode realmente podem olhar muito jovens para eles terem essa vontade de ir participar de doar disso daquilo né e envia ele falou eu vou transformar isso em lei né aí pegou o meu projeto né Então tá meu nome até no projeto né no o segundo lá atriz não sei o que tal é isso isso aquilo tal então tá consumir o nome lá mas óbvio que para ver a lei tem que ser através de um político né e acabou que em dois mil Eu começo como 100/2002 a primeira edição da campanha foi em 2002 mas em 2004 passou a ser lei quer dizer 23 de setembro de 23 de setembro de 2003 mas a primeira campanha com com lei foi a de 2004 e assim é muito muito show a gente em São Paulo a gente se reúne em baixo do MASP né tem mão é que eu tô sem canal do vergonha que tem canal do YouTube né tô no Face tu no Instagram mas YouTube não é eu enfim eu vou começar a provavelmente nos próximos dias gente fica ligado fiquem ligados quem gosta do que eu devo falar de tema a Manú não só de do assim do Fantástico do gênero Fantástico mais assim é tem um vídeo até de quando foi dez anos o dia dos Vampiros que que até explica bem e tem muitas cenas de desses anos todos no embaixo do Mar Hospital pessoal todo o Judá caráter depois depois da confraternização de sorteios que as empresas doam do coisas assim para os pessoal que vai doar né para os participantes da campanha E ainda por cima é depois dessa coisa toda a tem é tudo de bom tipo assim desde performance desde sorteio você tal depois pessoal Vai doar sangue em cortejo mas vai igual igual Se fosse por um Recreio brincar sabe assim você brincando pela rua brincando com as pessoas sabe assim tipo fantasiado fantasiado se lembra de quantas pessoas que se unem olha e é cada ano é uma surpresa para gente né tenhamos que foram mais senhor temos que foram menos no primeiro algumas pessoas foram a então meu primeiro ano foi Foi bastante gente assim mas não nos 32 mil e 2 3 4 5 nós fazíamos no modelo diferente é nós ficávamos dentro do Hospital das Clínicas na pro sangue e vestidos a caráter tal recebendo as pessoas lá né aí eles ganhavam às vezes livro doado por Editora Sou eu mesmo doer HQ da Liz Vamp né para quando quando saiu para vários doadores só então eles vinham e envia as Teve até os mocinhos do Playcenter um ano lá no hospital na pro sangue nesses nesses anos eu tive e a média de aumento a doação né então eu para saber quanto quantas pessoas exatamente foram e doaram até porque o que eu queria mais era saber assim quanto deu sabe quanto deu de a mais de gente do ano né primeiro ano eu lembro que a só para vocês terem uma ideia na época que o que me informaram era que as campanhas bem-sucedidas que eles faziam dava quinze por cento de aumento nas doações né então no primeiro ano que uma coisa até decidida e de supetão assim a gente conseguiu dar doze por cento a mais tá enfim para um primeiro ano tava bacana no segundo ano nós conseguimos já quinze por cento já comparado com os 12 sabe assim então foi 15 em cima da já do da medição dos 12 do ano anterior em 2004 e nós batemos o recorde em doações voluntárias de sangue dos 20 anos da fundação daqui é maior maior Fundação né de da América Latina né foi 29 por cento então 29 cima dos quinze em cima dos 12 né aí depois acabou que eu perdi essa essa conta porque depois acaba a gente meio que mudou o formato da campanha começou a ser de fora para dentro até porque lá dentro nem comportaria mas o que a gente tem feito fora porque tem sido assim mas não vão do MASP cheio de gente fantasiada fazendo performances confraternizando sabe normalmente três mil pessoas Olha é Teve teve ano que foi menos teve ano que foi mais de 1000 teve ano que passou de 2.000 tipo assim É muita gente olha a gente não tem uma não dá para você é igual a sua essa esses lances de que acontece na Paulista não dá para gente saber exatamente o tanto porque tem gente aqui que vem da tia gente que tinha horário ia doar antes de concurso circula né circula já não somente exatamente então a gente tinha uma base Porque como tinha sorteio a gente não dava imprimir tipo 5000 5100 do Lazinho as lá não é para pegar e é uns números vinhos da para poder sortear algumas coisas né então pelo tanto de gente te pegava a gente tinha meio que uma ideia né mas assim era meio que uma ideia ali esse ano teve como é que tá com essas coisas não é esses dois anos a aí foi põe uma dificuldade assim o sentido se encontrar nem e nem o incentivei por pela internet se olhar até pouches meus né É nem no Face aí no Instagram eu não incentivei que que as pessoas se encontrasse lá não ser pessoas da mesma família né que que estejam é por causa do convite mesmo né não dava para só quem já tá junto na mesma casa então vocês podem e do lá Se quiserem indo à caráter tirar foto mandar para gente e a gente vai gostar né É muito legal porque ninguém desistiu de nenhuma das Bandeiras é só a gente só não tá conseguindo se encontrar lá zannos né só que eu deixei bem claro não só nas minhas redes mas em nos programas que o dem entrevista né Asus aquela que quase todas entrevistas online é que tipo assim tipo a gente deve que aprender né fazer dessa forma né tipo as entrevistas né durante a o convite mas assim é mais do que nunca e levava as pessoas a irem Porque durante esta época mesmo todo mundo com muito medo de hospital então a taxa ainda de de sangue diminui para caramba nos hospitais não é assim o a reserva nós tava tudo tudo assim nível abaixo bem abaixo então assim Aí eu falava para as pessoas é super importante mas é claro que pela minha responsabilidade para com as pessoas também aí você vai falar meu mas vocês vão estar sim em ambiente hospitalar porque ninguém tem intenção de por ninguém e isso você se você vai no ambiente hospitalar lá é tudo bem Tem Hemocentro que é fora do ambiente mas tem outros principalmente alguns públicos que são gente ainda eu o que eu falo de preferência para doar em local público porque aí chega o sangue chega mais fácil a e qual são os mesmo Sistema Único de Saúde né E que enfim as pessoas mais mais carentes que nunca aqui todo mundo é de Classe A aliás de classe B e assim financeiro outro dizendo a classe A merece ver aí a gente tem que batalhar pela vida de qualquer pessoa mas é que em alguns hospitais eles compram eles têm mais facilidade para comprar nesse sangue que em outros em outros que faltou faltou você simplesmente morre Então o que as pessoas não sabem é muitos não sabem é que a Picadinha não não vai ficar Dinha uma picadinha sabe que não dói mais do que uma injeçãozinha mesmo é e uma picadinha só que você leva você você salva de três a quatro vidas sabe o que é você você salvar três a quatro vidas com uma uma única e para salvar né três a quatro vidas com uma única bolsinha de sangue é muita coisa ainda Ganchinho Se bem que assim tem uma tem algo que eu tô enfim já que a gente tá no podcast assim se tiver alguém assistindo algum Hospital alguns hospitais que tiraram alguns lanchinhos dos doadores que antes deixavam pegar dois lanchinhos Porque sim a pessoa merece dois três quantos ela puder comer os lanchinhos aquele sangue Valeu absolutamente precioso e ninguém vai vender o seu sangue para comer lanchinho sabe a pessoa vai para para realmente reabastecer o organismo é tipo assim tão vocês que cortaram lanchinhos da pessoa uh de acompanhante da pessoa por e o que acontece Às vezes a pessoa não tomar um café mas um basiquinho tal então É sempre legal que ela vai acompanhante Porque se ela sair um pouquinho tu mainha né Tem um acompanhante e sim o acompanhante às vezes também às vezes a pessoa vem de longe para doar sangue Branca naquele local pô um lanchinho é por favor né então assim Aqui faça essa colocação porque é bem importante mas assim batido do ano que vem a gente volta né volta você fisicamente a coisa né muito esse se vai rolar no Masp o se informar se vai ser em algum ponto da cidade que possa comportar muita gente né e mas nesse esquema que eu falei a noite acaba rolando uma super festa a fantasia é o que eu o que eu sempre falo né com os parceiros é meu de al Quem deve para quem Doa o sangue né o algum agrado enfim porque senão não tem sentido a paciência entendendo tipo assim e valorizar né talvez aqueles se tem balada que Davi para mulher que vai sair mais curta o que vai ser lá com que fala isso Você tá entendendo Ó você Davi para doador de sangue Cara eu acho que isso aí é é uma coisa assim tão simples de das pessoas não só das baladas e outros lugares darem mimos tá porque ninguém tá comprando sangue de ninguém porque aquela não pode trabalhar de Amar com pressa ninguém que quer comprar sangue é uma demonstração de gratidão né também é tipo assim é e a gente que tem que pegar tentar fazer com que as pessoas entendam o vip como que ou como o que é vip mesmo very important persons on o que é uma pessoa muito importante é uma pessoa que apareceu na emissora x falando nada oi ou é uma pessoa que acabou de salvar ajudar a salvar três a quatro vidas sabe assim então a pessoa merece exatamente então assim as pessoas precisam passar a analisar o a importância Aliás o significado real das palavras e por simpática né se a gente fizer isso nós temos nas nossas mãos realmente mudar a realidade ao invés de só ficar reclamando que tá tudo ah não mas devia ser defender via ser diferente está nas mãos de todos nós ajudarmos com que isso seja diferente né meninas eu sei que por aqui vocês fazem aí uma parte bem bacana nesse sentido né e e também é valoriza uma figura feminina que é bem importante né super importante né mas enfim é uma consciência de valorizar várias coisas que eu acho que é várias coisas que devam ser valorizadas que deveria ser virar cultura no caso né diz eu quero aproveitar sua presença aqui para te perguntar uma coisa porque eu ouvi falar uma vez eu não sei se é verdade é verdade que o seu pai quando eu ia gravar os filmes ele Diga pouca verba então ele dava uns sustos de verdade das pessoas para não perder tem aqui na gravação tipo botar a pessoa de verdade não tava esperando uma barata e surgiu a barata assim a vão tá eu já vou responder isso só tinha um só 1 adendas né para ter parado assim Claro é o assunto porque assim esqueci de falar que a gente importou o Hallowen tá e o dia dos Vampiros já foi exportado por alguns países tá na Eslovênia que comemorou o nosso dia dos Vampiros no mesmo dia em dois Foi em 2011 que ele é que ele ficou E aí né não foi na verdade é porque foi dentro do festival do Groisman é fantástico e filme né não é pera grossman é é festival de cinema Fantástico e vinhos né laje da Eslovênia na Em Chamas e groso no festival e ir lá né Foi em 2011 e o convidado especial da do dia dos Vampiros é criação de uma Vampira Tupiniquim foi nada mais nada menos do que o Sir Christopher Lee o Drácula da Hammer né assim aí Igual eu falei assim cara eu falei o a grande né Aí eu falei assim o próprio Conde Drácula tava lá mas ela perguntar se eles adotaram o mesmo dia o dia 13/12 Então na verdade assim é como festival rolar vou lavar no fio em Julho A então lá eles fizeram no final de Julho mas sem problema nenhum porque aqui mesmo a gente adotou o treze mas de uns anos para cá nós nós temos feito no sábado mais próximo ao dia três mas para poder para mais gente poder estar presente lá então acabou sendo meio como o Halloween o Halloween L dia 31 sim mas assim que começa as festas começam Antes vão até depois ser uma semana depois um sim sim então é só sim quem quiser também fazer realizar o dia dos Vampiros no seu estado na sua cidade né em qualquer lugar é só assim o São Paulo capital a gente já faz né eu digo mas numa em outro lugar é só pegar obedecer tipo as bandeiras né O que o dia defende né só para não não foi é o ideal é o propósito disso e Pronto né E pode comemorar E aí pode se quiser se quiser que a gente direciona e como sem problema algum né mas assim muito legal saber que que o exterior começou a também a incorporar esse dia né E a questão é a vamos ver se Espero que o brasileiro o Valorize brasileiro né e que o dia se torne cada vez maior porque cerveja até o próprio Hello em que já era comemorado na Europa teve que ir para os Estados Unidos para se tornar Mundial Mundial sabe assim então Poxa né agora Cris respondendo à sua pergunta é realmente olha não é nem só uma questão de take não é tipo assim e ele tinha uma maneira de dirigir que para algumas pessoas rolava rolava susto mesmo né porque assim tipo enfim a gente tem que fazer o que funciona né e e depois a pessoa acabava agradecendo Por que acaba acabava tendo uma boa atuação graças a melhor possível graças a não ser atuação graças ao susto né é eu eu mesmo eu mesmo cheguei a fazer algumas coisas assim que nem fim não era aí já era na época do digital mas mesmo assim é É tem algumas maneiras de dirigir as vezes que o dia todo têm que incorporar um pouquinho aí no caso do meu pai que é à toa que era toda aí e eu também o mundo dos filmes O ator tava o ator estava com medo de dar um tapinha na moça mas almoço uma super atriz tal não era para machucar de maneira alguma mas ele não podia fazer assim sabe tinha que tinha que dar um pé aí eu peguei assim eu lembro que tava dizendo assim pra caramba mas primeiro Não primeiro ele tava meio assim de ele tinha que pegar era meio que um e****** que quer dizer que ele ia tentar né depois ela foi salva é Bom enfim né mas aí ele tinha que falar aí ele tinha que ser violento com ela tá chave dia sei lá não sei o que tal aí ele fala assim o não sei o que eu não conseguia xingar né meu Deus aí aí em corporei eu nele primeiro sabe que eu fosse Olhe É assim que você faz sabe assim E aí eu peguei ele não sei o quê não sei o quê não sei o quê aí eu peguei e falei o óleo e o tampinha é isso aqui daí eu falei sério eu bati no meu próprio pescoço nem tá pegando você se é assim que você quer ver assim que dirigiu o cara né mas botei o tava difícil negócio sabe eu eu cheguei a montar na menina e fazer como eu tinha que fazer sério você não é desse jeito não não vai convencer e E assim a moça tava super confortável né porque assim ah é uma coisa que vai dar por alguém risco é machucar de verdade não não tinha nada a ver sabe assim é uma Acabou acabou ficando legal a cena seu coração rolou mas assim mas eu sei que esse making off acaba acabou que a gente ficou sem esse daí eu eu até que eu gostaria de ter porque falou o negócio foi engraçado sabe assim uma dúvida eh você falou que desde que você era criança você conviver com o teu pai era natural eu era Estranha as outras pessoas estranharem porque quando você era normal lembra de quando a gente é criança a gente tem medo né medo do filme de terror e tá não sei você tinha que no dentro de casa como é que era você nunca teve medo de filme de terror Lucas essa história de cabeça boneco do Fofão é um problema sério porque assim eu quero que alguma coisa mais forte sabe assim a única coisa que eu que de repente eu posso me assustar essa você isso é uma com facilidade se eu tiver no lugar quietinha tal sabe assim introspectiva aí chegar alguém a pessoa só chegou Eu já eu já levo um susto mas foi assim mas agora susto mesmo com com filmes com maquiagem feia com gente Aparecida e outras assim e nada eu sobrenatural e tipo assim é frustrante Mas isso é porque você eu falo assim eu não sou parâmetro tipo pessoa pergunta mas o filme Se assustou e não sei o que fazer Olhe eu não sou parâmetro para isso mesmo no eu achei bom filme Eu acho que vale a pena assistir tá agora falar se eu tomei susto com confio e tá meio complicado ela liga mais a técnica foi se você analisa mais a técnica do filme Sim mas uma coisa que aí o meu irmão me assustava quando era criança com um negócio que nesse estado mas olha o negócio que ele me assustava não era filme de terror era era um livro de história com a imagem do Tiradentes picotado É sério aí ele vinha com aquela imagem então meu eu saía correndo eu saio correndo para fora do apartamento sério mesmo seus irmãos também viraram personagens ou ele não não é tipo meu irmão é professor é na verdade ele e é assessor do reitor do Instituto Federal né o irmão mais velho né mesma professora também há estudos de pai o pai e mãe professora aí minha irmã Municipal Estadual sabe assim eu professora que aula Nossa memória maior respeito por essa área sabe assim enfim cada um né porque tem os meus irmãos né também né Cada um foi para o bom caminho né é na realidade Todos gostam um pouco da área né mas é que está a maioria já acabou faz a fazendo uma participação Zinho especial aqui ó aí é porque é tanto Padre meu pai com ponto por minha parte né porque assim se você tem um material na sua casa você sabe que é produção Boy cuidado Meninas vocês estão correndo riscos de tá perto de mim porque assim ó duas figuras lindas assim né vou participar não viu não é porque assim a nossa Produções Boo a gente pega a gente vai analisando serve para quê para ela ser para que tão sabe não sei e vai fazer os convites aí ele vai rolando né isso a gente já tiver material em casa mesmo tá então vamos embora vamos fazer né então eles acabaram assim fazendo participação especial mais ninguém não seguir ninguém resolveu viver disso só maluco mesmo negócio para resolver pagar as contas e só viver não é bom a gente tenta pagar as contas à comunidade de Vampiro no Brasil um grande Olha na verdade não não não existe assim não é uma comunidade de Vampiros tem os afins é o pessoal que gosta de gosta do mito essas coisas têm os góticos que normalmente curtem vampiros mas aí é é a turma de góticos mas que tem muita afinidade com vampiros lá é aí tem tem também tenho uma turma que As Vampiros mas é vampiros com y mas aí é uma outra coisa quer é como se fosse uma vampira com Y não Vampiro com o y no meio na sogra é porque eu tiro alguns nomes no Instagram não sei que ela Vamp com y no final é mas aí talvez seja porque também não tinha wi-fi colocou e eu não sei né mas assim e já é já é uma coisa do como se fosse não não é uma religião é um modo de vida saber uma coisa que que não tem a ver exatamente com vampiros ficcionais né gostam também dos Vampiros ficcionais né mas não não tem a ver com vampiros ficcionais a agora sem E tem também tem um pessoal que é coloca presas mesmo presas fica não é fixa mesmo sabe assim tipo vai no mundo aumenta aumenta aumenta os caninos né e eu tenho alguns amigos Até que que colocaram isso né uma pessoa colocar um piercing em um alargador coloca os dentes né E foi legal também né mas assim é gente que por exemplo lá bebe sangue essas coisas tal é a em uma época eu conheci umas pessoas que que falaram que faziam fazia isso não indico Sinceramente não indico isso aí é melhor doar Ok é melhor melhor do ar é uma para uma prática assim não eram muitas pessoas mas não é uma coisa legal até porque você pode transmitir doenças Claro uns para os outros sabe assim então não é uma coisa uma coisa bacana não é melhor mesmo assim e essa notícia que saiu há uns dias aí do lance do filme do seu pai que vai para fora e como é que é esse negócio aí que alguém resolveu refazer como é que essa história né Pois é aí foi até engraçado sempre é porque assim normalmente a aqui no no Brasil né ontem a gente faz negociações com pessoal o brasileiro é louco para dar notícia antes da hora né é meu pai muitas vezes até acabou com determinados momentos né falando coisas de coisas que de negociações que estavam começando E aí que aconteceu a negociação não foi para frente aí a pessoa passa por mentiroso né tá que bom que agora não foi da nossa parte que que alguém falou né Não foi eu não falei nada ninguém da família falando falou nada tá todo mundo quietinho foram eles né foram foi o escritório daí o próprio e lá e o Woody né que é o famoso Frodo que fez o ator que fez o Frodo que que divulgou e sim né Nós estamos com uma parceria com eles né mas assim ainda não é certo Oi como vai como vai colar o roteiro se vai ser um remake Mou vai ser uma história a tendência que seja uma história inspirada no personagem mas não existe ainda o roteiro né então assim na minha opinião assim eu costumo divulgar as coisas quando elas estão um pouquinho mais avançados né confirmada a sério enfim eles têm um eles têm um contrato que nós nós demos a autorização por tempo limitado Para para que essa produção ocorra né então assim eles têm uma autorização Nossa para isso então eles têm um tempo X para para fazer a produção porque daí se não fizer daí a gente resolve se renova o prazo ou não né Aí é questão de direito de imagem né mas assim eles estão bem empolgados para fazer né E nós ficamos também foi o sítio o que faço um bom trabalho né Na realidade isso eu posso falar da minha da minha parte né eu gostaria assim que não perdesse a essência do personagem né porque maior preocupação essa coisa Inclusive eu vi muita gente falando sobre isso e eu vi alguns fãs até comentando né não vão tirar Sei lá o nosso Zé e vai virar outra coisa não sei o que tal a nossa cultura olhe aí eu tenho observação a fazer também poxa vida meu pai é o que ele conseguiu de apoio no Brasil é quase quase nada mais nada porque assim precisa você for ver o último filme que foi de 2008 o Encarnação do demônio várias produtoras tiveram que se unir para conseguir em concretizar o Encarnação do demônio e quantos anos depois da trilogia 40 anos meu pai teve que ensinar se mudar a história original né daí é como se ele tivesse ficado 40 anos preso por isso aqui daí ele tinha envelhecido assim tipo Claro tava bem diferente do Zé dos anos 60 né então é bem complicado isso né Aí é isso que eu falo assim as pessoas às vezes criticam algumas coisas mas é você veja da daqui do nosso país o que tá vindo para para o artista sabe se o que veio para o artista a ver jogo a minha situação com o legado do meu pai mesmo eu sou responsável pela imagem a pelo acervo Na verdade eu eu de uns anos né Vamos bons anos para cá eu me propus a recuperar o acervo do meu pai né porque estava tudo perdido na verdade algum algumas coisas Muitas coisas foram abduzidos da própria casa dela abscisão maneira Gentil de dizer né É por pseudo amigos assim sabe então assim já tinham tinham coisas que estavam na casa de outras pessoas né E parte das coisas eu consegui recuperar a parte infelizmente não né inclusive quem tiver coisas né dele e quiser doar para o acervo porque assim seria magnífico que tivesse um museu sabe alguma coisa mais parecida ainda sim Exposições macio assim alguma coisa que pudesse ficar um lugar que essas coisas pudessem estar guardados né E que pudesse só sair para alguma Mostra alguma exposição e voltar para aquele mesmo lugar porque as coisas documentos é tipo assim desde fotos históricas desde matérias é documentos é várias coisas não é de da história toda dele eu na minha opinião na minha visão faz parte da nossa cultura entendeu eu não entendo como como o meu quem sabe assim no caso que eu recuperei eu estou tomando conta na verdade eu estou pagando um self storage para para essas coisas ficarem pagando um selfie Store aí aí você veja Cadê a valorização do do legado do artista brasileiro se eu me propus a não vender e nem do ar sabe assim tipo Que isso fique nosso que isso seja seu seja saiu seu já de todos nós entendeu e não e não meu puxa Cadê o uma um poder público tá até empresas privadas poderiam ajudar também né Afinal de contas é o nosso patrimônio cultural que é um patrimônio que não é nacional que é um patrimônio até enfim é um patrimônio artístico internacional mas o Brasil é que Oi Isa divisa cultural para o Brasil então assim é importantíssimo que essas coisas sejam preservadas agora tem anos que eu tô simplesmente bancando essas coisas Sozinha sim então é isso é bem complicado aí aí você veja as pessoas algumas pessoas Ah mas assim é sei lá né O que o que vão fazer com o nosso património com o né porque o Zé nosso património um o nosso património sim mas o que o que o Brasil está fazendo tá mantendo né é o que o Brasil está fazendo Por isso né então é isso é uma coisa para se pensar os livros inclusive aqui se alguém tiver um um self storage legal que seja mais ou menos Central O que ele está atualmente é um da Bela Vista na é mas tem umas histórias assim tá super bem guardado tal mas assim [Música] Bom enfim vai ser alguém tiver um um selfie história de algum algum lugar certo mas não tem que ser uma coisa bem bem segura mesmo né porque os documentos não pode estar entrando e saindo gente documentos não podem estragar napa tendo Bom enfim tem que ter o ar o vento adequado né É mas assim Se alguém quiser né só que se propusera pegar e e auxiliar nessa coisa de guardar S acervo eu agradeço é porque tá bem complicado isso aí agora essa essa produção aí então se usa porque eu rolaria uma americana né e uma no México na segundo lá as negociações né E vamos ver não torcendo né como as pessoas também para que não perca Essência tal né mas assim a para quem não sabe até ela fala assim o Zé sei lá em algum lugar enfim achar que ele no mundo tá esqueci tá esquecido no mundo não tá aí é que tá veja só a coisa é uma coisa que eu senti muito este ano eu não sei se eu quero sabendo porque foi muito pouco divulgado no Oscar deste ano é o meu pai foi o único brasileiro homenageado Sabe aquela quando aparece as pessoas que faleceram no ano anterior tal né É você sabia disso não depois aí na cobertura do Oscar mas eu eu não lembro disso sim assim que foi apareceu apareceu naqueles quadradinhos que estavam pessoas que eu ia falecer então no vídeo é o vídeo que eles fizeram não apareceu no vídeo mas no site tinhamos e fica acho que acho que cerca de umas 200 pessoas do mundo inteiro do cinema do mundo todo mundo todo E o nosso brasileiro José mojica Marins o Zé do Caixão Ele é o único brasileiro ou homenageado no site do Oscar E aí você veja aí você veja assim Ah os nossos noticiários as é ruim com vidas até né com ligação com os cartao de passar matéria para o Brasil e aí quem teve acesso essa matéria que não jogou para frente Olha a responsabilidade ou a falta de responsabilidade social isso daí cultural disso daí que surge a o meu Deus cara temos gostosuras vamos dar gostosuras para esse povo mas as crianças quer falar travessuras Nossa também tô meio Ah eu gosto não velho meu depende olha vai lá e aqui temos pirulito mas é assim mesmo eles então aqui não é Manda aí no não rola um pescoço para mim Ah tem que falar potes vai rolar vai rolar um pescocinho para Vamp ela quer até o seu físico assim ó [Risadas] [Aplausos] E aí [Música] Eu entendi errado eu achei que era fazer isso daquela pessoa assim não eu fiquei sem entender pô pega os doces da os doces e o Pedrinho nem pegou o doce mas tem que ligar para ele porque você não morreu virou Bifão então o me leva leva levar faz doce quebra não Gabi pega mais pega mais aquele like é doce e e pronto leva todo o Whats tomou travessura e gostosura pronto que coisa mais rapelar ok a peladinha não sinto mais pescoço por um pescoço só não valeu quando chegar aqui que você tava falando da mídia que não dá valor resolvi habilidade sim pô um brasileiro no Oscar Tipo poderia ser o título do filme um brasileiro no Oscar em borra qualquer pessoa quando quando um filme é indicado quando alguém pode ser pode passar pode dar uma uma passam pelo Oscar já tá tudo quanto é emissora a fulaninha não sei o que que o filme che sou o ciganinho pode ser citado falar não sei lá o quê agora ele não foi é cogitado ele tá lá entenda eles sei lá lá e eu eu fiz assim ó e eu fiz do duas postagens até aí foi no meu Instagram e no meu Face é porque são iguais praticamente às vezes no Face só você pode por um texto um pouquinho maior né Então aí tem que às vezes cortar um pouco do Instagram Mas aí tem uma que eu coloquei até o porquê a foto dele está ele todo imponente lá no site do Oscar quem quiser pode ver na lá tá todo bonitão lá o nosso o nosso musiquinha né Aí eu coloquei uma foto dele com a senha aí eu coloquei uma faixa verde amarela sabe assim aí eu coloquei uma outra foto do verde-amarelo mas assim aí você pensa assim cara como né o Brasil tá tá honrando o brasileiro Déda meu número é é porque é o cinema independente entendeu tipo não é não é aquela coisa engessa Dinha Ou aquelas aquelas pessoas x y z E aí me diga se isso não é marginalizar a obra de uma pessoa ou então é falta de Cultura de quem é daqueles que são os responsáveis por fazer isso não fizeram porque assim existia a você você você sei lá né ele elas elas estão correndo alguma coisa só que só vai valer por exemplo se ele se ele ganhar Você tá entendendo se você seguir uma de vocês ganhar não não vai ser noticiado então é isso aí se não é um caso para ficar assim comeu nós nós assim que eu digo da família nós soubemos no dia seguinte do não soubermos aí no dia praia porque não é eles fizeram lá em kaduna e não nos comunicaram só que eles reconheceram o meu pai como uma grande pedra né do cinema Mundial né e colocaram ele exatamente com quantos brasileiros na história do Oscar estiveram lá a gente conta nos dedos foram pouquíssimos pouquíssimos é Oscar reconhece um artista com certeza não então é e tipo assim aí no dia Ah tá eu ainda eu vi o numa emissora até que uma pessoa tava comentando né sobre o Oscar e na verdade uma emissora que Normalmente eles deveriam tá sabendo de bastante coisa eu vi essa pessoa ainda comentar que não gostava de filme de terror Ah e não falou assim mas se do nada assim comenta sabe como a gente está conversando aqui é porque tá aí a pessoa gostar não gosto de filme de terror não tem problema nenhum tem que ser um negócio comédia tem gente que não gosta de terror também mesma coisa de romance a mesma coisa não tem problema do gosto pessoal Leve quem tá falando mas aí a pessoa falar isso e e não falar sobre sobre a Tá mas o nosso ícone terror ou não é o José mojica Marins não sei o caixão foi homenageado com celular no site tá é incrível eu vou sim pô caramba incrível então é É isso aí eu sobre até o essa coisa da empresa do Elijah Wood né É que eu não sei até que ponto é também eles incomodo não com meu só dava Frodo Frodo vai produzir né foi o do vai produzir filme de Zé do Caixão é então assim aí eu fiquei isso remeteu à Zé do Caixão é mais que Mujica até até a maioria das pessoas até me chamo pela minha personagem do que pelo meu nome também mas tudo bem mas assim OK sabe sem sem problema assim eu não sei no no caso do comendo não não o conheço né Bem tal para saber se e Isso incomoda incomodo né se incomoda ou não né não sei é porque a pessoa fez vários outros papéis né E aquele lá ficou marcado né e do Aero do Harry Potter incomoda Oi o ator que fez o Harry Potter onde é chamado de Harry Potter que o Daniel F ele se incomoda é que ser chamado de Harry Potter então ele fez outros papéis sim sim é tenta até fazer papéis diferentes e tenta ao máximo separar e muda o visual e e é sempre atrelado ao papel do Harry Potter mas por um lado é bom porque você teve um grande pois ela e popularizado no mundo todo onde as pessoas olham para você saber exatamente o que você fez por outros e ficar taxado numa coisa só né sim sim aí eu até né porque assim aí a empresa a empresa deles né tá me seguindo no E aí você tem engraçado mas eu faço eu não como eu não tenho muita intimidade eu não sei se as pessoas têm senso de humor né É que eu achei engraçado o jeito que o pessoal começou a me avisar assim o Frodo tá Beijo seguiu todos assistindo aí eu imaginei o Frodo vice na vida não e Imagina assim na aí tem a personagem a Liz Vamp como personagem Frodo tá sendo tem que fazer pelo menos trazer um presente manda para gente que fizesse desenho mostrar a gente postar nos status do Fruit mas eu não sei que foi nossas coisas que você trouxe [Música] você quer que a gente já conversou essa cartilha é estava no desenho meu história em quadrinhos a tudo né saber que isso aqui é animado não é uma coisa tipo assim é que fazer fazer e não precisa ser chato a gente tava dando a gente tá falando didaticamente do quero dia mesmo se você tiver no dia você só ri entendeu Você só se diverte você acaba salvando vidas tão bem tão bem legal também é mais ou menos isso né É aí essa aqui essa aqui ó HQ da personagem né que tem tem projetos em andamento referente ao nascimento da elas Quiser Brincar Essa é mais esse é mais recente não é essa não essa não tem uma mais recente do que do que é essa né mas eu adoro sabe aqui porque eu adoro traço do meio desse desenhista nossa muito bom mesmo aí só no finalzinho você explica isso aquilo mas é é bem legal né assim então essa Mas super-heroína então essas cartilhas informativas Ó mas quem quiser quem quiser ajudar uma campanha social tipo gráficas e quiser imprimir é para ser distribuídas né seis jovens isso é bacana também gente é super é na época o Playcenter tava funcionando tudo né eu pensei em você foi um grande parceiro eles é todo ano eles doavam eram 500 passaportes para ser distribuído para os doadores ou Olha na verdade eles me deixavam livre para distribuir para doadores mas também é sortear ou dá para quem estivesse ajudando a campanha porque às vezes por exemplo tem um amigo até muito amigo que ele é atura enfim ele é meio multimídia na área ele é transplantado mas assim ele é era um é não é um dos dos atores quer é a alegria do do dia dos Vampiros sabe porque o cara assim super alto astral super assim é um disco né e talentoso também né tipo assim tá mesmo tempo servir com ele ele dava susto é monte de gente 12 muito legal mas então transplantado ele não podia doar sangue claro né mas lá esse zona né já precisou mas por isso que ele sempre deu em frente o valor é isso é mas tá aí você vez passaporte do Playcenter é claro que ele ganhava um passaporte porque o cara tava dando a arte dele para campanha e eu tinha era um 500 passaportes dava para pegar e para também dar um mimo para algumas pessoas que estavam agregando tanto a campanha né então assim é a Espero que não é dia três é o dia mais próximo do dia três eu não sei que dia que a gente vai realizar no ano que vem em agosto né que a gente faça uma super campanha e que assim compra abraçando mordendo o pescoço e fazer não é e eu adoro nos dias dos Vampiros eu sempre saio super bem alimentada aliás né é bom você já mordeu o pescoço aí você foto de mim eu sei que você ela é uma prova é a gente vai fazer essa foto boa eu nunca saio do lugar sentado em cada né Tá certo não sei que já pediram almoço aí agora o meu é verdade amiga a gente vai fazer essa foto então obrigada por ter vindo foi eu que agradeço vocês são ótimas meninas desejo muito sucesso e brigada vocês também que estão curtindo né que estão prestigiando as meninas lindas aqui né E também ficaram lá comigo como com elas até agora né Deixa aí gente sociais deixar seu Instagram eles mas a a arroba Liz Marins feliz com z na Liz Vamp 2 Liz mesmo eles Marins Liz Vamp Tudo junto não tem tudo não tem nem ponto nada@a Liz Marins Liz Vamp ou escreveu Liz com Z é tanto no Facebook quanto no Instagram é mas é isso bom né papo não falta tem pa poder até né mas assim é pois é é hora de dar tchau entende que você que ficou até aqui se inscrever no canal do ventos que a gente arrumou a 500 você coloquei um Feliz Halloween não sei se você vai aproveitar você vai para uma festinha ou só bater aí na casa dos vizinhos só pedido ouvindo gostosuras ou travessuras eu fazia muito isso no meu condomínio que meu condomínio tinha 13 blocos imagina com quanto caramba eu não voltava voltava assim ó feliz a eu receber uns dias atrás tipo no grupo do condomínio sabe gente vai rolar vai rolar É para já que combina né as portas para deixar amanhã vamos lá tem porta errado minha mãe é a melhor é a melhor do condomínio ela enfeita a casa toda ela se fantasia ela coloca doce para tudo faz fumaça no Caldeirão minha mãe faz a casa é o Point do Halloween a casa da minha mãe mora aonde na zona norte Luiz vamos vai passar vai passar vai passar lá agora é na zona norte não posso revelar aqui onde ele falou nada mas agora está melhor se inscrever aí bombom Halloween para todos e sigam@ou menos podcast em todas as redes sociais porque esta altura cara agenda da semana já saiu já saiu é isso é isso aí gente Beijos beijos vampíricos especiais até mais seja

Trivia

Curiosidades do episódio

O que o pessoal achou

Comentários


Compartilhe com seus amigos