Transcrição

salve salve salve família bem-vindos a mais um flor podcast aqui do meu lado Marcão oi oi oi é verdade ele Spotify e aqui na minha frente o Paulo Cruz E aí Paulo beleza do bom cara pô um dos caras eles estão vindo demais para ela aqui cara verdade verdade prazer prazer uma honra tá toque vai ser Maria o papo vai ser maneira mais gente vamos falar um pouquinho de nosso patrocinadores vou começar mandando um beijo aí para nossos apoiadores pessoa física obrigado pela moral se você não conhece o nosso programa de de apoio para você ser um apoiador no apoia-se dá uma olhada na descrição é que tem aí o link bonitinho senão bom acho que o melhor jeito e manda assim né porque a gente tem muita gente procura no site não acha né o apoia-se porque a gente procura a flor podcast no site da Posse não acha eu queria saber então fica isso se tiver a fim das dá essa moral aí que faz a nossa vida mais fácil é aquele também mandar um abraço pessoal da scythe leg que é um serviço que melhora a conexão com os jogos e e ainda mais agora nessa quarentena né cara se tiver querer assistir como leg com perda de pacote que as conectar algum servidor fora do Brasil experimento hesite leque você pode usar por três dias sem colocar o cartão de crédito e com certeza é melhor o seu joguinho com certeza Beleza sim muito tipo o modelo Affair né O ozônio que tem tá muito moto muita gente jogando né trava bastante ela vai tava aí mais cedo em Mônaco degenerando demanda mágico barulho foi ficando em quinto lugar foi mal já vi pior né quando eu tô jogando é pior e é claro é o flor acontece exclusivamente ao vivo ou vai acontecer quando a gente poder barriga desde banido ele cavalga na Twitch tá é E vai continuar sendo assim a gente gosta da parceria mesmo assim com a suíte é por mais que a gente discordo completamente dessa política né e acho que é um erro que eles deveriam rever a forma com que eles lidam né com a palavra mongolóide no a palavra banido né pode chamar até o trato né eu posso chamar alguém de quanto que o YouTube é melhor que Twitter só nesse caso tá ligado mas nesse caso e tu tá sendo melhor que vocês mas não muda o fato que eu acho que tu tinha uma ótima empresa é a melhor plataforma de streaming no mercado e o flor vai se tornar exclusivo lá assim que possível e toda vez que a gente tomar um banho lá a gente volta para cá né com raiva hahaha ai ai então um abraço para os nossos apoiadores do após também que o Igor Já falou mas reforçando e um abraço aí para tudo nunca comprei o corte do fogo c****** code do flor e melhor canal de corte do flor bom tanto tá com você milhões 16 tem que olhar para olhar porque sempre tá subindo c****** é isso bom Bora conversar Cara eu tô feliz mano que a gente tem você aqui hoje viu que ele vai esse ar condicionado vamos ver se o cara eu acho que eu consigo e o rosa Guimarães é eu acho legal porque eu queria ter esse papo que eu acho que a gente vai ter aqui a gente tem vários passos mas vai ter uma vertente que eu acho legal que tratar diretamente com você é porque provavelmente Primeiro passo é um cara que estuda né você puxa é professor de Filosofia você quer contar um pouco pra galera assim só precisa saber de quem é o Paulo Cruz tá ligado bom de novo Obrigado né por prazer uma honra aqui é um programar que tem uma audiência absurda né olha como eu tô falando você tem que não for você tem que a gente passa e tal então É legal assim ver esse momento acontecer quando eu falei com meu filho ontem que ele conhece o Monark né ele falou você vai no corpo de que eu levo mas eu não sou no fogo é ela falou assim aí a nossa cara eu vou falar com meus amigos vai no flor hahaha então se for barato que você tá atingindo Outra Geração e tal e sim eu eu tenho uma história curiosa porque eu a minha primeira formação não é essa né Eu fico um profissional de tecnologia por 20 anos e que isso eletrônica e entrei para trabalhar com isso em 1994 acho que muitos de vocês não estavam bem nascidos e aí é é mesmo é E aí eu comecei a fazer tecnologia em processamento de dados me formei em 98 E aí começou a carreira na área de their trabalhei 20 anos com isso no meio do caminho eu descobri que não era aquilo que eu gostava mais de gente do que de máquina né não é bem o meio do caminho é 20 anos não porque com 10 anos de profissão eu falo quando eu descobrir assim falou assim o o ano que eu casei foi 2004 tá coisa de 94 divulgado pela metade do caminho eu tive uma iluminação divina se não é é isso aqui que você tava lendo um livro autobiografia o chamado Thomas merton olha lá o livro chama montanha dos sete patamares então eu já gostava muito igreja né muita coisa diversa tá E aí essa primeira parte da história do mestre é a vida acadêmica dele ele lá na faculdade de Mestrado doutorado então lendo Aquilo é isso aqui ó pronto me deu um surto que eu quis abandonar o trabalho eu tinha acabado de casar foi o ano que eu casei e eu tava nessa empresa porque era de um 200 anos da primeira empresa que eu trabalhei com mais dois gerentes E aí eles montaram uma outra empresa e arrastaram para lá tava no Bradesco na época eles me ligaram Poxa bem aqui nós estamos conversando moto empresa então e aí fui para lá Oi e aí sorteio eu cheguei na empresa e ele viu que eu tava meio estranho meu gerente que era uma pessoa mais próxima de mim tá foi por que que tá acontecendo que ele tá fazendo assim eu quero que vocês me manda embora aí o cara tomou um susto né Como assim né pois não aguento mais eu não é isso aqui eu vou ser professor mas como você não tem informação você não tem nada você não vai ser professor do que foi lá não sei uma coisa eu sei eu não quero mais fazer isso aqui e aí ele pode trocar uma ideia de sei lá duas três horas ele falou Calma né vai conversar com o teu pai meu pai que faleceu em 2012 né porque ainda era Vivo e eu era muito ligado ao meu pai tá eu falo converso com a tua esposa tá não ela vai fazer assim o negócio né Aí fui conversar com meu pai com a minha esposa tá não calma vai devagar e tal aí voltei para o céu tá bom vai lá e fiquei mais de 10 anos na área aí fui voltar a estudar em 2009 quer que meu filho nasceu comprei um apartamento tal e aí né a vida tomou outro rumo e a área de né programação é tecnologia O que exatamente estava trabalhando no Bradesco tá ouvindo É não nessa nessa empresa que eu fiquei lá 11 anos nessa empresa eu entrei na grãozinho sete funcionários quando eu sair te a mais de 60 Conrado que legal vai preso technology trabalhava com tecnologia para celular e eu saí de lá Como o coordenador da área de suporte técnico área grande tal e não sei o quê e aí assim eu voltei a estudar em 2009 me formei em 2011 que são três anos de licenciatura E aí fiquei assim porque agora que vou fazer vou ficar de olho tá mas eu trabalhar com o trabalho exigia demais eu não tinha tempo de fazer outra coisa senão trabalhar e aí quando forem 2013 falei ah bom agora chegou a hora estava em férias na casa da minha sogra lá em Minas lá no meio montanha tal aquele esquema falei Putz agora acho que a hora hein aí Voltei para São Paulo um pouco mais de voltar a trabalhar entre a internet para ver se alguma coisa Oi e o concurso para professor tava aberto com do Estado falei pois é aqui mesmo Me inscrevi no concurso quando eu voltei a trabalhar no dia seguinte eu chamei o dono da empresa O diretor não é o presidente da empresa para conversar eu já expliquei para ele falar agora acho que a hora tal né não é que que você vai fazer né então sustenta que sua Poxa vai sair daqui vai ser professor vocês aqui você não ganha mal e tal falha eu tô há dez anos pensando nisso desse eu ganho mas você não ganhou agora acabou ou eu vou agora ou e vocês vão mandar embora daqui um pouco eu moro aqui eu não vou estar esperando e aí vai ser pior eu acho melhor eu ir agora porque agora eu tô determinado tô com vontade e o concurso de professor tá aberto eu já me inscrevi vou passar nesse bagulho aí vou começar com isso aí pô mas você vai para o vou passar pode ficar tranquilo que eu vou passar e aí ele ainda conversamos bastante aí no estimular voltar a estudar e tal e aí Me inscrevi no mestrado passei também no mestrado passei no concurso E aí começou 2014 eu saí da empresa em fevereiro e março eu tava dando aula e fazendo mestrado que dão eu tô nessa entendi mas é porque que tu se tornou uma referência do movimento negro da voz uma referência o antigo os meter fases da ficha vaca então eu tô mesmo também né não deixa de ser uma militância de uma outra vertente acredito leu aqui olha só pessoas negras poderiam cumprir o papel que você tá cumprindo né porque eu sou branco eu não pode fazer o que você pode fazer tá ligado eu acho é assim hoje hoje eu já tenho mais facilidade de me ver como de certo modo como um militante digamos assim não é apesar de ter uma outra visão e tal de tá em um diálogo às vezes em confronto com o menstrin do que a gente chama de movimento negro no Brasil mas hoje já tem facilidade de me colocar nesse lugar assim né E aí o que aconteceu eu estava feliz e contente dando minhas aulinhas de Filosofia e para mim assim essa questão do racismo eu sou eu vou fazer 45 anos da o ano que vem então assim eu já tava o ano que vem não eu vou fazer 45 esse anos tá velha mesmo velha já parou de contar o caramba favor da verdade ela se 75 p**** eu vou fazer que frente eu falei que eu tinha 43 onde eu tirei quer dizer eu sou eu sou o que a gente chama de nego velho velho e eu sou um cara assim que eu eu comecei a eu sair para rua porque assim eu sou o último filho de uma família de quatro homens e eu nasci dez anos depois do último que tinha nascido então a raspa do Tacho como se a minha mãe né então eu cresci Numa família de homens mais velhos tô quando eu tinha 15 o meu irmão próximo ele tinha 25 né então assim como 14 anos já tava na madrugada no samba com os meus irmãos já tava curtindo no meio da malandragem tudo então assim eu fui para rua muito cedo amadureci muito cedo conhecer as coisas muitos e tal então assim eu fui Tive o cuidado de fazer parte de movimentos assim de em prol do negro não sei o que está aí todo lhe essas essa literatura mais eu tive a minha fase de revolta na de ler mal com ex e que ele taca fogo nos branco na rua Oi e o caramba aqui todo esse troço ta restante uma hora eu falei cara o negócio é o seguinte vamos tampar Vamos trabalhar não é E aí assim uma coisa curiosa que eu era parado pela polícia direto e eu e eu queria brigar com os caras e meus amigos que faltaram Cala a boca cara eu falando aqui acabou com o c****** tá eu só que eu queria eu queria brigar com os polícia na rua e tal tipo uma fase bem revolta assim mesmo e aí quando eu comecei a ter meu segundo primeiro emprego eu comecei a trabalhar e comecei a usar a gravata camisa gravata tá depois que eu comecei a andar sem a polícia me parou nunca mais ela foi me parar muitos anos depois essa história sempre conta que acaba sendo divertida né por muitos anos depois que eu fui parado pela polícia de novo é porque porque eu ia pescar com meu irmão e com meu primo em alto-mar e a gente já que sair de madrugada tem um marcado de madrugada saí de casa era três horas da manhã se eu não tô enganado tava um frio e eu tinha trabalhado para caramba né eu não consegui dormir um pouco antes aí eu tava bom do solo falei para o que eu preciso sair aqui e preciso por uma música que precisa para eu ir despertar e aí camisa do Corinthians uma blusa de frio do Corinthians uma touca do Corinthians Racionais alto para caramba no carro e eu vou pela rua três horas da manhã amá-la e tu pediu cara podia ser qualquer um aí né com essa indumentária quando eu virei a esquina já perto da casa da minha mãe assim eu vi a viatura vindo assim na rua que eu virei falei isso aí tentei dar uma acelerada ainda para chegar perto da casa da minha mãe mais rápido não deu as Me Parar tal mas tranquilo então assim É mas esse assunto eu já estava pacificado com isso assim na hora que eles pararam foi foi tranquilo com dois mais sossegado ou foi até uma coisa curiosa porque me pararam em frente à casa um amigo de infância e os cara tá tudo bêbado tinha tomado um monte de cachaça tudo ali conversando de madrugada ainda estamos aqui ó e aí então meu apelido é PC meu apelido de de moleque assim né E aí percebeu beleza só que aí Os policiais depararam ali e é isso começaram é para que tá parando o carro cara eu moro aqui a miliano a mãe dele mora ali começaram a discutir com ela falando com os cara não fica na moral vou tá tudo certo tá não é porque é porque que tem que parar você cara só sei que eu fui embora e os polícia está discutindo com os caras lá cara L cada o velho a roda que isso deixa quieto né então assim mas eu estava classificado já porque assim poxa é uma encheção de saco de vez em quando acontece de a gente percebeu uma discriminação preconceito de qualquer E tá assim quando acontecia comigo bom e o que é oportunidade reagiu sempre reagir a isso nunca deixei passar batido assim mas pergunta aberta então seguindo minha vida e também esse negócio não vai ficar me me impedindo de fazer o que eu quero fazer é mas depois já como professor Itália um dia eu tava na internet lá e aí eu chegou a mim um vídeo daquelas moças que invadiram uma aula na USP 2014/15 se eu não me engano para falar de quota invadir uma aula tinha uma aula de economia e tinha um carinha que ficou gravando ele saiu ficou discutindo com o pessoal lá e tal eu eu olhei aquilo fiquei muito assustado eu o que que essa molecada tá fazendo já terminou o terceiro onde é que eles pensa que eles vão chegar com esse tipo de abordagem tal isso me irritou profundamente eu fiz um post no Facebook não é porque eu não puxa curtindo né e parece que eu terminei falando assim que a liberdade é um direito o radical inclusive um direito de ser preterido de ser rejeitado E aí um amigo que é o Bruno garschagen e ele tinha ele cuidava do podcast do Instituto mises Brasil na época aí ele me falou cara vamos gravar um podcast do mises porque eu gostei pra caramba do teu posto foi a cara não tem nada para falar isso aí já falei tá lá no posto para nós você tem sim vamos E aí participei desse podcast bombou né falei lá conversei com ele falei da minha vida e tal e aí tua esposa aquilo que eu pensava e aí pronto a partir daí eu eu me vi falando desse assunto dessa dessa minha perspectiva que não era perspectiva do grande parte do movimento senão todo o movimento é ele não era não era acreditar acostumado a ouvir não é o que a gente sempre ouve né é algo diferente aí algo diferente com propriedade O que torna interessante é e isso me levou a claro assim que que eu que tive que fazer tive que revisitar muita coisa que eu tinha lido na adolescência tive que renovar minha biblioteca quase toda porque assim eu fiz mestrado em si esse luz que é o autor das Crônicas de Nárnia e tem outra Cara meu negócio era ler Platão eu tava em outra então esse posto de repente eu fui envolvido por esse assunto falei bom é aquele aí Eu segui a máxima do Rabino Hillary que o Viktor frankl repete se não é eu quem se não agora quando ela então vou eu mesmo não tem ninguém falando isso desse jeito que eu quero falar então vou eu tá certo e aí eu seco o chamado veio não exatamente eu comecei meio de supetão assim meio falando que eu tava na minha cabeça sem muita base teórica digamos assim né quê que eu fiz eu fui visitar muita coisa carnaval fui armar aí para resolver Abrir até quase toda de livros a respeito do assunto e tal mas a minha o quê que eu tomei uma decisão de tentar ao máximo buscar a fonte primária então eu não vou ler a pessoa que tá escrevendo sobre racismo agora eu quero ler o cara que tava lá no movimento abolicionista E aí eu começo a cavocar esse troço e começa o ver minha voz se suando lá nesses caras eu falei caçamba cara então quer dizer esses caras já tavam falando disso que eu tô falando hoje né com esse tipo de abordagem que eu tô fazendo hoje as mais de 100 anos c****** Então muito diferente do discurso atual eu falei pô então ele ontem que a coisa se perdeu e aí eu vou descobrir inclusive com uma boa parte desses mesmos intelectuais que eu comecei a revisitar que também era uma reclamação deles que em determinado momento da história do movimento negro brasileiro eles tenham sido capturados politicamente por interesses políticos partidários diferença isso é algo que me parece por exemplo eu não sei se você tá falando exatamente disso mas eu fico vendo movimentos políticos que se apropriam do movimento negro para arrebanhar O nego é isso aí sabe Total manobra por isso que eu percebi falei ah não pera aí pera aí pera aí pera aí então quer dizer que agora a pauta do racismo no Brasil pertence a determinado grupo é o de ter uma ideologia que misturou a falta do racismo mar dezenas de outras virou pauta da minoria das minorias e isso fez com que esses esses partidos ou esse né os grupos de esquerda vai para ser assim para vocês uma maneira mais geral é uma maneira mais geral então falar sobre racismo no assunto da esquerda assim como falar sobre feminismo falar sobre qualquer assunto desse sensíveis não é assunto social digamos assim virou uma pauta dos partidos de esquerda e os movimentos todos no final da década de 70 o grande movimento que surgiu que foi em um movimento negro Unificado ele já nasce marxista então quer dizer aí a a a vertente marxista do dente tomou conta de quase tudo então o disco eu conheço discurso quase oficial não só do próprio movimento Mas das referências que o movimento da onde o movimento vai começar a beber urandir é isso mas será o que me chamava atenção antes de conversar sobre isso com outras pessoas e tal ao que me chamava atenção era por que que o que que o movimento negro especificamente assim porque eu não eu não tenho muitos muito convive com pessoas dos outros movimentos tem mas eu tenho um monte de amigo nele e a gente conversa sobre isso as vezes e eu eu tava me questionando Por que que esse movimento não se alinha mais com Já que é para se alinhar com uma vertente política porque não alguém que prega mais Liberdade num que o que o que significa que se busca não é igualdade não é liberdade por quê que porque senão se junta com ela alguém que tá mais querendo isso aí conversando com a Lê aquele também se entrar nessa cadeira eu perguntei isso para ele ele me disse que eu que parece que é só quem quis falar com os negros de certa forma foi o foram esses movimentos de esquerda se discorda disso é Eu discordo disso porque assim não é que só os movimentos quiseram falar com os negros aqui os movimentos falaram para os negros horas queremos conversar com vocês e aí os negros foram conversar com ele mas também porque aqui no Brasil é assim quando a gente vai falar de movimento que é que o que que é bom meu amor quem tem movimento à esquerda eu não tem direita no Brasil tá então até o momento não tinha uma coisa chamada direita ou enquanto o movimento porque assim se você pega os primeiros os primeiros grupos de movimento negro no Brasil para o o mais célebre de todos depois da Abolição talvez tenha sido a frente negra brasileira e a frente negra em movimento monarquista não é o grande líder da frente né Eu quero Arlindo Veiga dos Santos ele era monarquista ele ele tinha um um movimento para mudar que é que chama patrianovismo depois eles acabaram se ligando-a ao integralismo tal depois até hoje o golpe e acabar com os partidos da frente nunca viram um partido e eles tiveram que encerrar as atividades não quiseram voltar a ser só um movimento político e Educacional e tal mas aí desistiram mas o fato é que a frente Negra não era um movimento de esquerda eles tiveram uma divisão Logo no início porque o Arlindo Veiga dos Santos era um cara digamos assim conservador e o José Correa Leite era um sujeito mais Progressista eles brigaram logo no começo e aí o Correia Leite criou um outro jornal criou a chibata criou e tal e aí ele foi para uma outra vertente nas mais alinhada com que se pensa hoje no movimento negro não também não não também porque porque veja por exemplo você vai ler uma coisa que é muito curiosa o José Correa Leite Ele viveu até a década de 80 tal e aí tem um no YouTube tem uma reunião do movimento negro do m n u e que eles convidaram José Correa Leite Então tem um vídeo que nós sobre isso no you e quem versando eles convidaram os José Correa Leite tem 10 isso um desses líderes hoje outra coisa nada a ver que é o mundo esses caras da frente lembra que se separou da frente Negra queria um outro movimento mais Progressista digamos assim é o mais o fato é que quando os caras se reuniram em um se reuniu com o José Correa Leite perguntou a ele o que que ele achava do movimento negro atual da década de 80 ele falar eu acho que saiu a correria atrás de política ele falar essas ensaio Pois é aí os caras falam pelo assim mas é qual é a ligação que você vem entra o nosso movimento de hoje o seu da década de 30 a 40 eu não tem nada a ver o que vocês fazem não tem nada a ver comigo caraio que ia se cola o primeiro meu primeiro falo para eles têm no YouTube e ela no livro dele de entrevistas e que ele repete isso várias vezes aí ele falou e se o cara que era Progressista exatamente cara ele era contra por exemplo o negro ficar no pagodão se tornar o Escuta Aqui nós temos que nós temos que nos posicionar a gente tem que aprender a gente tem que se formar Nós temos que nos posicionar de frente a sociedade para tirar essa visão marginalizada que eles têm do negro vejo o cara que era Progressista na década de 30 e 40 tá então ele tinha consciência de que havia um trabalho doméstico a ser feito o nosso negros temos de defrontar o aprendi entendeu que parar de esperar abelha vôlei ninguém esperava nada né então mesmo Jazz não é um pouco isso do que tu tá falando você acha que foi longe demais Falo isso porque o Jason é um momento de que é ligado ao movimento negro com certeza ou tô falando m**** não assim ah eu acho que assim o que antes se a gente tem que fazer um paralelo que paralelo que eu que eu faria porque a discussão lá nos Estados Unidos a respeito desse tipo de causa que acabou a escravidão lá mas nós estiveram o jogo de de tentar equacionar as coisas e tal então se durou pelo menos 20 anos assim o a fase da reconstrução que ele chamou lá foi um período em que eles tentaram a do a terra tentaram tudo bem que o link ou foi morto logo depois E aí o presidente que assumiu ele revogou a lei que doava terra para presente escravos e tal mas surgiram muitas escolas estão assim no começo do século 20 já tinha centenas de milhares de crianças negras já estudando entendeu Já tá bom então assim eles encontraram um caminho Virtuoso para isso e o que é interessante Inclusive eu eu recupero essa essa discussão no curso que eu tenho sobre esse tema de racismo no Brasil e tal é que eu acho mais apropriado a uma discussão que aconteceu lá no comecinho do século 20 do que propriamente a discussão direitos civis do Martin Luther King do Mal como ex por exemplo lá no começo quem tava discutindo eram dois caras e o w e Bidu Boys PW William Edward burghardt dubois que foi o primeiro negro a obter o título de Doutor em Harvard em 1895 Santo Antonio Callado e o booker t Washington que era um grande orador o jeito que ele era diretor de uma faculdade chamada tanque e institute Ele nasceu escravo o treinar o mais velho que o do posse tal então e aí ele a escravidão termina ele tem 7 anos e ele tem vontade de aprender a ler de aprender é porque ele via as crianças brancas né com um livro na mão ele ficava fascinado com aquele ele queria estudar e aí aos 15 anos ele parte de uma cidade para outra uma distância de 600 km mais ou menos junto há uns caraminguá com a vizinhança e vai e aí passa a forma passar o fio passar o portal E aí chega na porta da escola todo maltrapilho bate lá falar eu quero entrar aqui que eu quero estudar porque ele ficou sabendo né que tinha uma e naquela cidade que tava ensinando crianças negras a Né tava ensinando crianças negras e vai então eu quero sair batom na porta mulher atendeu ele lá na porta aí que você quer ficar estudar todo bagunçado maltrapilho você vai abrir uma boa mesmo jeito vocês hábito depois de dormir a última noite ele está dormindo na rua tal uma morrendo de fome a mulher mostrou a biblioteca para ele falou assim ele tá bom então toma aqui um rodo tomar esse balde esse pano então limpeza aqui aí ele conta na outra biografia dele que ele ficou feliz da vida porque era uma coisa que ele sabia fazer eu vou limpar esse bagulho aqui vou deixar do jeito que eles vão ficar impressionados e ele fez isso ele entrou para a escola e ele trabalhava lá limpando fala Olha eu não tenho dinheiro posso continuar fazendo esse serviço de limpeza e posso estudar aqui e tal então essa foi a vida dele se formou acabou se tornando o professor nessa escola se tornou diretor dessa escola depois foi convidado para ser diretor de uma faculdade que estava surgindo abrindo e tal c****** se tornou um grande orador E aí ele saía palestrando pelos Estados Unidos para angariar fundos para construir os prédios dessa faculdade que existe até hoje tal qual é o nome dela cinema at asg at the institute legal E aí ele no meio do caminho o do Boys aparece esse cara o do Boy só que ele é um cara do Norte já nasceu numa família tem uma tem uma ascendência holandesa trouxe do Boys que as pessoas costumam de boa mas não é do pós mesmo que é Holandês E então esse cara tem uma outra vida daí Aí ele vai parar lá em Harvard se se forma Doutor vai para Alemanha passa uma temporada na Alemanha é um grande intelectual que começa a primeiro admirando o booker t Washington que era mais velho que tava mais tempo no jogo mas depois eles começam a divergir é porque a posição do booker T Washington senso eu tô falando muito não cara vai lá nessa nessa que eu não sei estou assim porque a posição do booker T Washington que ele que o do Boys começou a chamar de acomodar acionista é que ele diz o seguinte ó em primeiro lugar não importa agora a questão da Integração a gente pode viver tão bem junto quanto separado então assim o que importa para a comunidade negra que está surgindo agora é no começo do século 20 e tal é ensino técnico e oportunidade de trabalho para que para que a gente economicamente cresça né para que os negros prosperem economicamente forma uma comunidade Negra economicamente pujante E aí depois a gente pensa nisso aí os filhos desses pode exatamente mas exatamente vai mais vim para jogo decisão com educação exatamente dói Inclusive a um famoso discurso dele que é um o compromisso de Atlanta porque começar a acontecer muitos casos de linchamento de negros causei de micro começar a recrudescer E aí ele tinha por exemplo grande isso grandes filantropos que o admiravam o próprio Ranger Ford o Leandro carne que contribuíram com ele e tal e ele era uma espécie de interlocutor lá no sul daquela comunidade Branca sulista nevo racista ainda e os negros e tosa chamaram ele falou cara vamos tentar dar um jeito nisso e ele faz um grande discurso chamado o Atlanta compra mais né E ele fala isso ele fala gente ao formou a gente se encontrar um meio-termo né então assim deixa a gente trabalhar e tal e e vocês cuidem da vida de vocês a gente se encontra uma outra hora né Oi e aí o do Boys Essa época ele já tava terminando a faculdade era professor e o do Boys faz manda uma carta para ele foi poxa aqui discurso muito bonito tá depois eu dobro começa a pensar em Face não é isso aí porque na verdade o que que o negro precisa é de Formação intelectual é de nós precisamos aí ele ele cria um termo que é o a décima parte talentosa o Talent tente só não precisamos conversar com esses caras intelectualmente de igual para igual os negros são de Formação intelectual e não só de trabalhar e que e adquirir patrimônio e tal Olha que debate interessante e os dois vão discutir a respeito disso um criticando o outro né e eu vejo essa discussão muito mais interessante para o contexto brasileiro atual do que a discussão dos direitos civis que vai acontecer depois de 60 anos quase tá então eu tenho uma aula do meu curso que é inteirinha sobre esse assunto sobre esses dois essa discussão e tal e eu acho que é muito bom então se a gente vai fazer um panela agora entrando de novo na pergunta que você tinha feito é exatamente nesse sentido então assim porque lá os negros rapidamente tomaram consciência que o destino dele depender deles não tá ver aqui pera aí então vamos formar uma coisa mais unida porque também logo depois da Abolição os confederados tem que a e criar o partido Democrata e criaram os movimentos de resistência contra a integração por exemplo a ku-klux-klan nascida nessa época entre os Democratas estar te ouvir uma confusão lá nisso aí começa a perseguir os negros começam a na época de eleição por exemplo eles mudavam as zonas eleitorais estão negro e ela voltar não tava lá não era aqui é eles começam a manipular os joguinhos do sistema exatamente faz para impedir o acesso né porque os até hoje né eles fazem isso é e hoje publicamos usam essa estratégia hoje em distritos ohsawa eles colocavam faziam formavam distrito justamente um da população que tinha mais probabilidade de voltar para ele estava tá ligado mano esse Arame assista Mas é mesmo princípio é então e veja aí quem fazer a isso antigamente eram os Democratas a gente isso é interessante é um dinheiro teu né hoje inverteu A então por exemplo se ver os primeiros políticos negros eleitos Eram todos os republicanos todos então não tinha político negro no partido Democrata então eles têm uma ligação com o Partido Republicano por conta da poluição do link o e coisa e tal e eles vão ter essa ligação até década de 30 então no depois da grande depressão no New Deal a coisa começa a mudar a inveja aí é vai começa aí né mas também tem uma questão de migração não é um movimento lento ver se é uma coisa desse shift né é demora umas regras algumas décadas é é mas é eles conseguiram se unir bastante em torno dessa coisa nós temos aqui eu não posso fazer filme no seu estúdio Então tá bom vou comprar uma câmera né porque aqui eu consigo com pouco dinheiro comprar uma câmera e vou começar a filmar e vou fazer meu filme eu mesmo né aí eu não posso te dar na sua escola não importa tem escola para gente aqui e aí eles se organizaram enquanto comunidade Negra e conseguiram atingir digamos assim patamares de relevância que a gente aqui no Brasil têm mais dificuldade de atingir mas eu seria possível aqui no Brasil bom então eu não acho que se quis hoje atualmente seria possível criar se ai a comunidade negra brasileira para se juntar e tal eu acho importante desse pense isso enquanto o ideal tá Apesar de eu não saber qual é a efetividade disso né É mas eu acho importante mas eu achava é porque tipo é a comunidade negra é uma comunidade que tem uma história muito forte que o tio Zune né sim é por exemplo eu não tenho eu pessoalmente não tem esse senso de comunidade porque eu não sei eu não sei quê que eu sou Tá ligado não eu sou eu sou branco Ok mas não sou tão branco assim se eu fosse o Igor que fique leva então eu não tenho como que eu vou ter essa ligação de comunidades sim mas vocês têm que vocês têm porque tem uma história aí né mas para e você não aproveitar isso né Eu acho que é um erro né se é natural que forme uma comunidade forte esse é natural que forma uma comunidade Ah é né a gente gostaria que seja o uma comunidade da melhor qualidade possível E aí a gente pode analisar a comunidade é não não vou dizer da comunidade Negra mas da militância negra no Brasil como você avalia se acha que é uma distância nega tá fazendo um bom trabalho estão acertando nas estratégias eles estão convencendo estão sendo eles estão fortalecendo essa comunidade de certa forma bom então aí a minha discordância com o movimento começa aí na começa quando eu eu vejo assim houve uma mistura de por exemplo causa racial com causa social Ah tá então eu acho que esse é um grande imbróglio do assunto racial no Brasil então por exemplo que automaticamente coloca o preto como se ele necessariamente precisasse de ajuda social também é então o Finn vai ser isso né o final vai ser isso porque assim essa essa mistura de causa social com causa racial digamos assim é oferece ao ao movimento um uma militância a social e Essa militância social tem uma visão de mundo que é o seguinte a por quê que existe um problema social no Brasil a porque o Brasil é um país que os tem uma burguesia né E essa burguesia toma conta de tudo E aí o preto que é pobre tal que é o proletariado fica lá largado né então é quando a gente mistura essas duas né as instâncias digamos assim de problemas você pega desigualdade mescla com as Smooth isso exatamente assim vira assim o preto é o pobre então assim ele é pobre porque ele é preto porque ele ele é próprio que negro é porque a escravidão porque acabou porque houve um isso é verdade né então você quer dizer faz sentido né Aí eu fui Mércia aí né faz sentido porque teve abolição e é sempre bom frisar que assim o o abolicionismo o brasileiro foi um projeto popular e que culminou na assinatura da Lei Áurea e nesse momento de assinatura tinham vários projetos em cursos para inserir os escravos na sociedade que eu tinha um monte de projeto em curso inclusive o mais robusto deles eram do André Rebouças que é o meu grande ídolo é de da negritude brasileira é o Rebouças que eram o gênio de capacidade absurda ele tinha um projeto de reforma agrária de mas era um projeto liberal e Liberal absolutamente Liberal baseado em Adam Smith baseado em em Frederic bastiat a baseado em João Batista e sai Ele leu esses caras e Ele preparou um projeto que era Liberal ele falava olhar a única maneira de inserir o ex-escravo é dando a ele Liberdade econômica e espírito de associação de livre Associação tá livre iniciativa e senti que ele pode fazer algo por conta própria é isso exatamente então assim eu tenho liberdade para poder empreender então o que que ele queria ele tinha uma ideia por exemplo de fazer produção em escala pegar Grandes propriedades na e arrendar alas para os escravos e improbidades menores E aí essa produção seria escala então aquele cara que tem uma prioridade pequenininha produz um pouco passa por o melhor passa para o outro é até todo mundo ganhar dinheiro todo mundo prospera o todo mundo melhora a ideia dele era basicamente essa o que ele chamava de democracia Rural mas era um projecto liberal e também por isso ele daqui a pouco vamos esquecê-lo E aí ele vai ficar jogado pelas traças né porque esse tipo de projeto Não interessa para o tipo de luta que vais criar depois no Brasil é que é o que é uma luta mais baseada na luta de classe e e O Liberal não dá para você você a área das ideias liberais necessariamente meio que vão contra essa dinâmica de luta de classe porque eles eles não é ele não reconhecem que as classes é um fator tão importante na hora da criação da política ou a criação da das mecânicas pela qual a lei vai funcionar a classe social não é determina a então Oi para o Marxismo a classe social é é um determinante né então quer dizer é toda dinâmica social está fundamentada nas classes então para um Liberal não tem sentido isso pra fazer o que eu preciso é o seguinte me dá liberdade para todo mundo e vamos todo mundo a luta né E aí assim a dinâmica das classes sociais viram uma coisa mais fluida né então quer dizer aquele cara que é pobre e tem ímpeto ele dá vai chupar e cresce na Muda de teoria né em teoria não só em teoria na prática acontece mas é claro que tem casos que cara só pegou um dado muito f***** demais né o que eu acho que dá dele tá dizendo um dado um grave gente canal se ver com a mão ruim tá ligado ele trocar nasceu o cara nego mas ele também é sei lá o povo o pai dele bate nele para c****** e o passo fome e aí ele foi para violência não sei o que esse cara tipo não é que teve menos oportunidade que um outro cara negro né No que sei lá nasceu de um pai que ele é professor e não sei o que que você acha dessa desse argumento eu acho que a vida é assim né então acaba tendo assim o cara que é rico também às vezes o cara tem tudo na mão e vai ir e não quer mais saber de nada né chegando é claro que tipo assim a gente olhar isso com cautela porque é evidente que assim depois que a um processo de marginalização da população negra brasileira na no começo do século 20 é ao processo de marginalização as ideias eugenistas e sanitaristas vão ganhando força o a lei é um cara que trabalha isso muito bem então isso isso de fato vai dificultar muito o negro ainda que o lado os aspectos por outro lado imagine o seguinte nós temos nessa época por exemplo o Doutor Juliano Moreira que era um homem negro um psiquiatra que era uma celebridade não só no Brasil mas no mundo afora e que era um psiquiatra que lutava contra essa coisa racista de achar que o nega inferior e coisa e tal e não sei o que é então assim essas ideias estavam em debate a população em geral não tinha acesso a experiência B ali né então era uma coisa mais de costume mas de né Aquele monte de imigrante que vão chegando e aí as volta as pessoas vão se misturando e tá então assim a um processo de fato de marginalização da população é que vai dificultar muito a vida dos negros no primeiro momento né E isso claro vai se perpetuar que tem uma MS Porque tem uma inércia exatamente Então o que eu vejo hoje qual o que que eu acho que é o grande problema é o negro brasileiro o grande problema do negro brasileiro é o grande problema do pobre brasileiro entende tá assim e é claro se o negrão mais pobre ele vai ser o mais prejudicado Mas na minha maneira de ver se houvesse uma uma digamos assim se ampliassem as possibilidades para todos os brasileiros os negros seriam beneficiados mas se Gil beneficiar desproporcionalmente sim porque já que ele vai chamar que tem carência de oportunidades eu pensar que por exemplo da população pobre Amauri e negro e a gente trata a população pobre a gente tá por tabela tratando assim um lacinho né É É o que você tá falando da desproporção É assim É claro é porque assim eu não eu não eu não creio em solução a jica isso demora para acontecer então a escravidão acabou há 130 anos é uma história de um país é pouco tempo faz 130 anos é pouco tempo até pouco tempo até e ainda viva é que nasceu no Pará ainda no período de cá visto ela viver titio escravo tá ligado eu então assim é pouco tempo do ponto de vista civilizacional né de uma história de um país estão então assim eu penso que essas Mudanças são sempre lentas para serem efetiva das precisam acontecer e lentamente É preciso que o estrato social o fundamento da sociedade seja bem colocada e tal é claro que porque a escravidão Colonial acontece na modernidade já que a gente tem reações de troca de já que a foto depende aqui a fotografia já tinha a escrita tudo Talvez os registros São fartos isso e tem a Revolução Francesa a ideia de igualdade Fraternidade não sei o que né e ver o cristianismo tal e aí assim tudo isso gera uma certa comoção em torno do assunto com as bases filosóficas que dá uma força para nós como sociedade enxergar vamos que escreveram errado Exatamente exatamente e de repente aquele negócio que aconteceu durante a história da humanidade inteira repente posto agora não é assim né Tu não tá certo e aí assim a gente começa a perceber que a escravidão é um mal é um problema moral e tal não sei o quê então tá bom acabou a escravidão não tem mais não sei o que quer dizer tem tem muito ainda nem escravidão e muito não nesse momento só de pessoas negras ainda lindo assim mas o fato é o seguinte então é isso gera de certo modo uma ligação é Emotion emocional com o problema e eu acho que isso sempre atrapalha a nossa avaliação tu é claro que se eu tô vivo hoje eu quero que o problema seja resolvido eu quero que o racismo desapareça eu quero que todos os negros se forma na faculdade que todo mundo dizer o que tava é claro eu tenho pressa né mas é eu não sei se a minha pressa se justifica do ponto de vista da realidade e não é pode ser que tenha que esperar um pouco mesmo pode ser que eu tenho que me esforçar agora o meu filho se esforçar mesmo é falso ontem se esforçar menos E aí a coisa vai melhorando A questão é que se você quer que algo aconteça mais rápido você tem que agir para que aconteça mais rápido então aí você vai buscar soluções e aí quando você vai buscar essas soluções para que aconteça mais rápido a gente encontra um problema porque elas acabam se de Moraes em muitas vezes porque como que você vai mais rápido você tira de alguém que tem né E você dá para mim que não tem é orelha e você e mais rápido por exemplo é uma solução que as pessoas acabam você pode fazer isso de uma maneira muito direta tá ligado no sentido de você roubar a pessoa mas você pode fazer isso de uma maneira indireta também o mais útil então é E aí a gente acaba entrando pela e talvez seja por isso que você chegou nessa conclusão que o caminho mais lento seja caminho correto que também talvez ir para mim moralmente possível a cota por exemplo é um caminho rápido sim então é Que Eu discordo porque eu acho que enquanto não é tão efetivo quanto as pessoas pensam não é ele ele é um ele é uma espécie de paliativo né as pessoas leem a cota como um paliativo nós já que leva usa a educação básica é ruim e tal você ganha o modo da gente melhorar a vida da população negra a gente oferecendo a ela possibilidade dela estudar fazer faculdade e melhorar de emprego por exemplo é sabe quando a gente tá falando o que é isso é tudo politicagem e a conta para mim a isso sabe por quê Porque é um jeito que você tem um discurso fácil de você vender que eu tô do teu lado tá ligado você põe essa medida que é paliativa porque se você for para pensar o que que é a cota é uma porcentagem das vagas de universidades públicas estão garantidos para negros mas tem muitos negros que precisa fazer faculdade as vagas nas universidades públicas elas não são o suficiente para acomodar todos esses negros se você tem uma porcentagem que não é majoritária com certeza minoritária agregados para eles você vai ter uma pequena parcela da segunda e população negra em então na faculdade que ao longo do prazo é um pequeno incremento no melhoramento da da dessa comunidade Negra mas que tão pequeno que o melhor benefício dessa atitude é você ter essa esse marketing político para usar é que eu vi muito pesado em analisar dessa forma foi mas eu tendo a concordar com esse primeiro assim ó eu acho as pessoas e eu vejo que se tivesse aqui se tivesse a cota mas tivesse ao mesmo tempo e acontecendo uma reforma da Educação de base mas pô cara bota a cota e é isso aí não tem por exemplo eu não sai nunca mais hein então assim essa papo de que não isso aí é sobra tem duração nunca mais sai pode esquecer nunca mais a gente vai ver o sistema de cotas não vai ter mais sem cota acabou agora tá aí para vai ter falta para sempre vai tirar ninguém tem coragem de agora montar móveis para de meia-boca que os 500 anos talvez e olhe lá e olhe lá então assim eu acho que nunca vai acaba Mas por outro lado assim eu sou professor do ensino básico e aí eu olho a coisa da perspectiva do ensino básico Porque para mim Educação não é não é emprego o primeiro para mim Educação não é emprego segunda educação vai fazer faculdade para trabalhar então para mim educação é um processo civilizatório sim de cada indivíduo que começa a estudar então é um sujeito Entra lá no prezinho sei lá no primeiro ano vai até o último ano da faculdade é um processo da vida da pessoa e que ela vai não só aprendendo as coisas técnicas que ela tem que aprender português matemática ciências adorar mas é um processo civilizatório e sociabilidade é desligar a dizer ela de ter contato com outras coisas dentro da sociedade sentir pertencente a personalidade Então imagina assim que nesse processo que longo que demora 13 anos eu acho é do primeiro ano até o final do ensino médio Então nesse processo é uma pessoa que tem uma educação ruim por exemplo ela chega lá na frente não só com déficit de aprendizagem o técnico mas ela chega com déficit de educação mesmo lá no final e aí chega lá no final você fala para ele Putz Mas então vou te ajudar para você fazer uma faculdade de arrumar um emprego melhor Oi e para mim é uma crueldade isso e é você arrastar o sujeito naquela situação terrível eu tenho alunos por exemplo que que chegam no final do ensino médio e Eles não conseguem escrever uma redação minimamente inteligível tá eu acho uma crueldade você vai jogar esse pulando na faculdade ele vai sair do outro lado lá formado por quê de ver o cara sai daí entra lá e vai empurrando sai do outro lado lá formado e aí ele vai ter que disputar com aquele mesmo cara que estudou a vida inteira no colégio caro e tal e quer dizer ele vai acabar tendo ele vai se encontrar com essa dificuldade lá na ponta depois de novo mas será que isso também não é um sintoma se objetivo da parada fosse realmente ajudar a população a comunidade Negra será que é esse traje teria esses sintomas dessa política que você vê que é uma parada que dá uma falsa Esperança Sim ela tem uma falsa esperança é apenas uma miragem tá ligado é uma miragem que foi colocada ali para olha eu vou fazer nosso trabalho aqui nós políticos viu como a gente Progressista e toma do seu lado Vote na gente eu acho que é um a cota é um tema político não tem a ver com educação é a ver com política tem a ver com política porque é uma bandeira lá então é aquele a mesma é só o mal também né Não mano é assim eu acho que faz mal porque eu porque eu tô falando eu acho Cruel você se permite arrastar uma criança e um jovem até lá para lá na frente e tentar resolver de igual depois Entendi então assim aí o que as pessoas sempre me falar não mas pera aí mas é pelo menos tem isso é fora não pera aí pelo menos tem isso não o que você tá me falando que o que geralmente eu acho que a pessoa que defende cota ela tá ela cria um mecanismo para se sentir bem bom então é uma crueldade ao mesmo tempo e é também uma espécie de egoísmo porque o militante pro cota ele gosta de ver que o negro tá na faculdade ele vai lá ele põe na rede social fabricante fica fica Bacana Então é e mais assim cria nele a sensação de que alguma coisa aconteceu e avançou por outro lado voltando eu acho cruel eu acho que o Léo porque eu acho que uma criança tem que ter o direito e tem uma formação inteira completa e aí eu imagino o seguinte se os movimentos que são é que lutaram tantos anos pelas cotas e tal tivessem lá no começo dessa luta na década de 70 final da de certeza que começassem a ter para brigar lá por ensino básico provavelmente eu já situação de cima Seria melhor se é esse atende Será que se fez em cima das cotas fosse feita lá no ensino básico muito provavelmente né se a gente pensar né a assistência levou ao ao estabelecimento das contas teria levado a uma melhora no próprio ensino básico faz todo sentido e eu eu não sei se a gente posição mas a desculpa não não é que eu ia só dizer que isso daí seria inclusive um aprimoramento da sociedade inteira exatamente né colocar mais uma coisa mais mas abrangente que faria com que a sociedade brasileira tirasse mais proveito do que uma cota racial o que as pessoas falam também assim não mas existe os movimentos que lutam pelo ensino básico que tá aí bom primeiro que eu não sei onde eles estão porque também eu tô lá nesse bastan bem aqui não tem nada acontecendo segundo que a não porque aí eles falam aquele negócio de ar não que agora tem ensino da África na escola obrigado te ensinar bom eu tenho sim da fico mas eu não sei quem é o Paula Brito O que que adianta saber quem foi o rei africano de não sei da onde se eu não sei o negro brasileiro que é um cara bacana que foi bom e que pode servir de um jovem negro tal pode crer né então assim é tudo uma coisa para mim para mim político e tem pouco a ver com educação porque porque de novo os movimentos hoje tendem a ver o problema do racismo associado ao problema econômico então quer dizer para ele se o negro fizer a faculdade ele vai ganhar melhor E aí vai o racismo vai sei lá vai acabar não sei vai melhorar ao mesmo tempo em que essas pessoas advogam que o racismo no Brasil é estrutural bom então esse cara que vai sair lá da faculdade lá formado vai trancar racismo igual né ele vai ter que enfrentar ele vai ser médico vai vai enfrentar o negócio do cara entrar no consultório dele e falar o doutor tá aí lá no doutor sou eu verdade então eu imagino deve acontecer isso muito muito até um amigo Raphael Bispo que é um médico conhecido aí nas redes sociais então é que ele vive isso sim né mas ele ele encara esse com de um jeito mais mais leve Positivo na ele se impõe não é não só eu mesmo né e pronto tchau né Eu acho que a gente já estão Curitiba para aquela percepção distorcida que a pessoa te ensina assim a herança que chorar tirar uma foto e postar na internet fazer de vítima entendeu muito melhor porque aí você vai dar para aquela pessoa que tinha percepção distorcida uma referência de popa não esse essa pessoa negra que eu achei que talvez não fosse mete ele não é só ele além de ser o médico é o médico que me deu uma bronca aqui tá ligado então ele vai a crença de um negro e uma função de autoridade se você reage da forma que a gente pensou Alice chora no canto ele vai ver ela lá eu fiz a coisa aqui a fragilidade do carro então ele vai ter uma outra percepção da comunidade negra na minha opinião e aí essa esse ponto é importante que também assim eu acho é a percepção que eu tenho é que as escolhas que o movimento leve movimento uma forma genérica mas que grande parte do movimento negro fez que são átomos quais são movimentos negros tá fazendo quando querem generalizar falou movimento pode quando não quer tem que falar movimento porque tem uns que não são assim então mas em geral as escolhas que que o movimento fez aliado a essa nova geração que está surgindo e rede social e tal não sei o quê que assim é uma é uma Juventude como eu diria para ofender pode fazer é uma cama Juventude muito ignorante que tem a informação que não leu nada que leva Do It que lê post de Instagram é não e dos negros também então aquela negadinha novinha que assim que não sabe nada não leu nada não entendi nada mas mais militar Master militar e de fato militar ninguém fato cria um canal no YouTube ganha milhões de seguidores tal e aliados a isso uma uma uma uma caca de intelectuais muito ruinzinha também que a influencia essa Juventude e aí o debate vai ficar no carnaval barraso o travessão vai descendo cada vez mais cada vez mais e tal e aí vira um negócio absolutamente sentimental e acabou a racionalidade de sidebar não tem mais né que é o que eu vi aquela menina lá USP você não sabe o que é ser preto e Pobre na periferia e não sei o que papá e olhava aqui não fala Caraca pô onde é que tá o Racionais que eu conheci do negro limitado o que nos Assiste aí se você não conhece a música Negro limitado do Racionais que eu ia dizer que negam porque também foram capturados por essa mentalidade né Progressista e tal que que você escutava o cara falou assim cultura educação livros escolas crocodilagem demais vagabundo e drogas a segunda opção é o caminho mais rápido de fácil a morte percorre a mesma estrada é inevitável e ele pega o cara e sacode eu ouvi a isso quando era moleque lá mamando não dá para eu tenho que me posicionar Então você pega o Racionais dos três primeiros discos é paulada e é paulada nos negros então não era Apologia da violência porque ele sempre mostraram que a violência levava água O Homem na Estrada acaba como hoje é a casa caiu com arrasando os corações acabou né não É só acabar sim Mano na Porta do Bar acaba assim né mas vamos na externa também não termina com Fulano morrendo né então é era sempre uma é uma crônica da Periferia de gente da Periferia e que tinha uma visão digamos assim crua do que via né então é aquela é a realidade e você só consegue influenciar aquela realidade você conversar com ela do jeito que ela é né então quando você ouve ou o próprio negro limitado por exemplo do Racionais ou voz ativa que é a primeira música do Racionais que fez sucesso tal é se olha aqui se fala caramba cara é eu tenho que me movimentar não posso me deixar levar pelas influências e tal e não sei o que então tinha isso lá era isso foi isso que eu aprendi foi isso que eu vi meu pai me ensinando para você quer por que você quer fazer alguma coisa vai lá e faz amasse sim o não interessa vai lá e faz e resolve essa parada mete o pé entra Eu sei que você quer que as pessoas te consideram em uma é bom no que você faz tão seja melhor seja melhor que o outro né E foi assim que eu aprendi de repente essas coisas foram sido tiradas dessa Juventude e hoje ele só vem o problema é porque é errado o pit cara Exatamente porque aí a criou essa esse esse essa ilusão do negócio que chama meritocracia aqui também eu acho que é o espantalho criar o espantalho para ficar batendo na ideia de mérito que a única maneira que você tem cara de você conseguiu alguma coisa ninguém vai te dar nada na mão o cara vai te dar com a mãe vai tomar com a outra não fica esperando que você vai ganhar as coisas assim que não vai lá o problema é que competição ela é incentivar a desigualdade cara é pois é não mas é verdade é verdade né porque a lógica é essa lógica a lógica da natureza é essa certo então assim é evidente que numa numa numa sociedade mais livre ela tem a sociedade mais desigual mais porém raramente ruim porém ela tende a ser mais desigual mas no qual essa base é mais alta a base é mais alta é exatamente e numa sociedade que você privilege busca a igualdade a uma tendência de você nivela por baixo em sim porque porque o recurso não é ilimitado não é brigar pela igualdade social é brigar para subir a base é lutar para subir o fortalecimento do indivíduo é isso aí quando você fortalece o indivíduo você você fortalece o grupo da melhor forma possível porque você fortalece o grupo da forma mais homogênea possível é nessa me parece muito sensato me parece muito racional e lógico O problema é que existe gente que lucra com o discurso da Igualdade discurso da Igualdade ele é sedutor a imagina né não ter desigualdade né tu é lindo mas não é a desigualdade que a gente tá se referindo porque tem que a gente tem que definir isso aí porque desigualdade desigualdade eu gosto de ser desigual ao Jean em certas coisas não quero ser igual ele imagina que ele também não queira ser igual a mim nessas mesmas coisas a gente está feliz e desigual então a desigualdade por si só não é algo ruim ela só é ruim quando a gente se refere a dinâmica de poder Talvez sim socioeconômica socioeconômica ou eu poder sobre o outro não é isso é o poder sobre o outro porque eu posso ter poder sobre as coisas do mundo a por exemplo tem uma grande empresa que move eu posso construir um prédio enorme se eu quiser em algum lugar que eu determinar Mas eu posso ver se ela mente tirar a liberdade do indivíduo porque eu tenho esse poder de mexer as coisas mundanas tá ligado Tipo sai da tua casa que eu vou construir um prédio Aí é exata é diferença tipo existe esse poder que a gente não precisa ser igual que é o poder de as coisas mundanas você não sei se é uma boa definição mas existe um outro poder que a gente não sei como é difícil que eu poder de interferir nas outras motivações humanas não sei como eu tô tem que dar um exemplo aí o que o estado estaria aonde alguma coisa eu poder com os meus recursos fazer algo dentro das regras do jogo e a outra coisa eu poder manipular o sistema para tirar uma liberdade individual que tá que é sim justo sei lá eu tô não tô sentindo nada hahaha estão assistindo aqui mas não consegui pois assim eu acho assim a gente precisa acreditar na dinâmica social não existe uma uma tendência das pessoas perceberem que assim juntas elas conseguem mais coisas quando elas se unem né então assim se a gente tem um assim é uma frase do é de alguém agora eu esqueci o nome mais uma frase boa é assim civilização é permanência então se você quer prosperar se uma sociedade que é prosperar ela precisar perceber que assim é na União dessas individualidades que todo mundo vai crescer e essa dinâmica social também vai de certo modo proteger a sociedade desse tipo de Leão faminto então o Claro sim né tanto a sociedade se une e esse sujeito que quer de certo modo prevaleceu sobrepor ao vontade de opinião própria dinâmica social parece que tem de ar e controlar controlar esse tipo de coisa né surgiu né naturalmente né exatamente assim pensando pensando em como que as coisas acontecem naturalmente então o problema é que a na mentalidade Poli e essa ideia de que é a dinâmica social uma dinâmica de poder só mas eu não acredito nisso é claro que o ser humano é mesmo a gente quer e assim se ele tiver oportunidade a gente vai mesmo fazer o jeitinho passar por cima coisa e tal mas eu acho que na dinâmica social a gente ganha porque aí a gente acaba se unindo porque eu sei que se eu ganhar você também ganha você também ganha E aí a livre Associação que era aquilo que eu Rebouças falava a gente se ajuda e a gente cresce junto e se algum que nós de uma hora tiver que crescer para outro canto vai cresce para lá e tudo bem Vai de cada um vai crescendo de acordo com a sua do seu ímpeto só que aparece olhar que a sua individualidade talvez você acordo com a sua individualidade né então ai claro vai ter gente que não vai querer vai né vai tem gente que não vai conseguir e vai passar da nossa ajuda vai também não é mas eu acho muito mais fácil a gente perceber aquele que não tá conseguindo a pegar aquele cara a gente mesmo falar alguém aqui mas vamos vão te dar força aqui tal não tá conseguindo para esperar se despede dizer assim digamos assim que nós sejamos uma sociedade aqui e que você é um sujeito muito Impetuoso para uma coisa para enriquecer tava conseguir lá eu sou um cara mais equilibrado mas é mas ele não ele é um cara que tá lá de boa aí tô então ele não encontra muito bem aquilo que ele deseja então de repente nós dois vamos sentar com ele a sua cara pera aí vem aqui que que você gosta de fazer Então porque a gente conhece a gente percebe a gente tá junto com ele tá o Finn um mestre sempre algo que é importante né se você for pegar a história mais icônica acho que da humanidade que do Herói né e o herói ele às vezes quando ele sempre tem um mestre sempre tem uma figura que guia ele num determinado momento né ele precisa dizer precisa de uma referência né E às vezes isso é uma coisa que eu eu sofri muito confesso Tipo na infância porque meus pais trabalhavam muito eu sentia que eu não tinha essa referência e eu ia para o colégio eu sentia que hora meio bobão comparado às outras crianças porque sei lá apareceu tinha uns pais ensinavam mais não sei se não mais de como lidar com a vida sabe sim e eu acho que isso é importante para c****** mano e agora eu perdi qualquer o primeiro hahaha problema também é que elas Depois dessa vou até dormir já Porque nessa dinâmica que que eu tô que a gente tá chamando aqui de dinâmica social um é a gente consegue quebrar essa ideia do homem seu lobo do homem né e de dividir a sociedade entre opressores e oprimidos a gente acaba colocando todo mundo no assim todo mundo aqui tem que a gente tem que se juntar para gente conseguir fazer e fazer melhor Ah mas e como é que a gente faz aquele cara que já é poderoso que já tem tudo na mão que não ué nós vamos buscar ele lá vamos é nós juntos chegamos lá nós podemos nós juntos conseguimos crescer mais rápido que ele consegue crescer talvez fosse a lógica imagino que sim né eu também e tipo é bilhões e bilhões e bilhões eles valem certa coisa mas existe o valor social de grandes massas de pessoas Reunidas e organizadas que eu acho que supera milhões e milhões de pessoas e milhões e milhões de dólares e as muitas magnitudes tipo é tanto por exemplo você tem qualquer empresa e no mundo tá ligado é ou o cara mais rico do mundo ele não não tem nenhum poder contra a sociedade tá ligado Por mais que ele seja bilionário por mais que ele tenha muito poder contra o indivíduo ele não tem tanto poder assim para destruir a sociedade porque a sociedade muito mais que dinheiro né que ligar a gente pode pensar que até tem esse constante construiu uma bomba joga na cabeça todo mundo e detona tudo tá assim mas pensando assim tentando sair um pouco da abstração que a gente tá é muito mais voltando para a situação brasileira vai lá então nós temos uma situação de desigualdade que se arrasta há décadas sexo senão séculos né então quer dizer a gente vive hoje ainda uma situação de desigualdade é um país extremamente desigual E aí assim de Nossa a gente tem Duas escolhas ou a gente escolhe solucionar essa desigualdade por meio da transferência de renda né Então essa é a escolha que se fez até o momento é a escolha da transferência de renda de tentar diminuir a desigualdade fazendo transferência de através do Estado através do Estado né e através de iniciativas que que que o estado vai garantir que as que essa renda que será transferida para o interior estado rouba dinheiro de todo mundo ele pode dar mais dinheiro para certo grupo da população é isso aí e a outra maneira que a outra maneira é o seguinte ó tira a mão do meu bolso eu gosto mais dessa também é muito bom moço tira a mão do meu bolso eu sou pobre eu ganho pouco mas é o seguinte se eu ganhar pouco e com esse pouco eu consegui fazer o mínimo eu consigo incrementando esse mínimo ao longo da minha vida então a gente a gente conhece gente no Brasil por exemplo que que o sujeito o sujeito que nasce pobre no Brasil a probabilidade de ele morrer pobre é altíssima altíssima é tudo tá contra ele no Brasil mas não é porque eu sou preto que acontece isso é porque eu sou pobre e pobres no Brasil se lasca é um país muito bom para quem tem dinheiro tem rico no Brasil envio super bem Tem tudo aqui o cara bem mas quem é pobre vive muito mal porque tudo é quanto o cara ele paga mais imposto porque ele paga imposto no consumo certo ele paga mais imposto é tudo é mais caro porque tudo tem imposto alto e aí o meu poder e é muito pequeno e aí eu tenho um estado que diz que vai me garantir o mínimo e vai me proteger e coisa e tal mas na verdade ele tá me piorando a minha vida porque eu ganho pouco porque também o sujeito que encontrar tá tem que pagar muito Pedro por mim e não só para mim mas por mim ele também paga e aí a tendência é o sujeito contratar pouco e pagar pouco porque senão ele também quebra Oi e aí é um ciclo vicioso de pobreza e de empobrecimento sistêmico Então o que as pessoas chamam aí de racismo estrutural eu chamaria de se tiver que dar um nome de pobreza estrutural no Brasil é um país que empobrece o pobre e enriquece o rico então assim o que seria para mim um caminho mais viável tira a mão do meu bolso velho tira a mão do meu bolso né tira a mão do meu poder de adquirir aquilo que eu quero tira a mão da minha capacidade de negociar o dinheiro que eu ganho com as coisas que eu quero adquirir E aí assim eu posso me tornar um milionário mas eu vou ter condição de sustentar minha família de oferecer uma coisa melhor para o meu filho de pagar um aluguel uma prestação de uma casa até costuma ser feliz pela sua vida Entendeu eu não precisei rico então todo mundo que falar que que fica colocando essa coisa do problema econômico em primeiro lugar fala o cara me fala porque eu larguei uma professora que eu ganhava cinco vezes mais quando eu comecei a dar aula eu sair de uma empresa e fui ganhar 5x menos cinco vezes menos Então para mim a questão Econômica não é tudo tocando o cara falou para mim né porque o pobre porque eu ia foi velho assim a pessoa se realiza do jeito que ela acha que é bom para ela pode ser com muito dinheiro pode ser um pouco dinheiro o problema é que com pouco dinheiro no Brasil o cara não consegue ser feliz feliz no sentido porque porque ele tá sempre devendo a ser pelos sempre consegue realizar não consegue ter uma vida que ele fala c****** que valeu a pena viver só é isso construí desenvolvi sair daqui cheguei aqui não ele é sair daqui e me fodi mais aí a classe média brasileira é o vive no fio da navalha então o cara ligar um pouquinho ele vai com melhora de vida começa a viajar mais começar a comprar um carro melhor mas ele compra um carro melhor em 40 às vezes ele parcela a viagem e tal e um ano ele tá devendo o cartão de crédito aí ele perde o emprego e aí e aí já era aí a vida do cara vai aí peça para dizer que a gente escuta aí tempo todo tem isso aí assim então assim é caro que um país como esse não vai ajudar ninguém então esse cara que tá lá é recebendo o auxílio e tá E alguém tá dizendo para ele que esse auxílio vai ajudar a chegar entre no lugar é ilusão E aí os outros que viver no Brasil é uma m**** por causa disso porque ser pobre no Brasil é muito ruim o sistema é ele é um sistema tudo errado mano é porrada a gente tem um Jorge tem um irmão RPG onde os sistemas esse jogo velho ele foi feito para ser um menos divertido possível tipos cara porronco é um chato para c****** pô é sério de milhões de pessoas jogando esse jogo mano essa m**** que a gente tá vivendo acho então assim então para usar Pois é ontem entre o racismo nesse nesse brolio né o racismo é um é um elemento de Talvez de que complicador na vida de quem é negro então além dessa dessa pobreza do caramba dessa situação desgraçada que eu vivo ainda tenho de lidar com o fato de que uma algumas pessoas ou e eu também não gosto de pensar o racismo com uma coisa abstrata certo eu acho que tem gente que assista a estou lutando contra o racismo velho você não está tendo contra nada você tá gritando na rua esse e agora ele é nada daqui duas semanas acabou porque não tem racismo abstrato tem gente rápido até aquela pessoa que você sentar com ela e fala assim você não gosta ela não gosta porque porque eu acho que preto é burro é preguiçoso e vendendo da África fica Aquela desgraça é isso aí então tem gente assim tem a gente assim nada acho e Esses caras são os assistem enquanto a gente fica gritando racismo genericamente eu fico só imaginar é igual é igual fazer marcha e protege contra a corrupção exatamente todo mundo é contra a corrupção p**** também é hoje eu tive um debate desde os meus alunos na sociologia foi muito legal porque exatamente esse ponto a gente chegou então eu fico imaginando um assista de verdade the convict para mim o raça ele é um cara convicto ele sabe que ele é e gosta de ser assim para mim não tem racismo inconsciente pessoal assim ai eu tive uma atitude racista sim mas isso é uma afirmação eu não acho que não tem Eu já disse e eu também acho mas aqui um militante não não a gente Pessoal ligado ele não ia gostar de 190 eu não posso falar assim p**** [ __ ] o [ __ ] chegou aqui fez isso de cara não pode falar nem com quem você mata o argumento do acismo inconsciente deles mano se ela tá Esse aumento deles eles adoram eles meu nome existe racismo inconsciente para mim assim o racistas ao do mundo é racista cara de ver daí é que é o negócio é exatamente porque assim a ideia do racismo Estrutural para mim é E é exatamente essa coisa abstrata né cara tu tá com calor que eu não sei que tá a sua mãe é porque eu transfiro Mel mas eu tô bem eu tô bem como baixar aqui na nossa tô tô sossegado é a questão da que isso aqui né vocês colocaram Legal 28 não ele botou no modo esquentar Tava no modo que tá aqui p**** por isso né por isso que o cara tá suando ali p**** mas eu não tô eu sou um cara calor Então mas eu tô bem Saudade pastora também mano esse aqui é o papo tá interessante que eu não tava focado no meu calor Então é isso aí é para mim como é que tá o mesmo então seguinte a ideia de racismo estrutural que tomou conta então assim aham hoje eu escutei um carinha da Globo lá falando isso não porque você sabe né o racismo estrutural e tal e esse que Fulano nunca sentou a bunda numa cadeira e penso assim porque que é estrutural a porque a porque os negros ainda são a maior população carcerária porque os negros aí o pobre porque a justificativa essa conversa sim porque é uma justificativa Econômica para socioeconômica melhor dizendo que eu acabei de descrever como sendo a situação de empobrecimento o sistema não racial então a E aí mais tem surgiu um debate interessante que eu tive com o juiz é é o juiz lá do DF do Distrito Federal e ele falou para mim ele tem que justificar para mim dizendo o seguinte olha por exemplo sistema de justiça é isso acontece a pessoa que tá julgando lá ela tem uma tendência a se o réu for negro aí a condenação é maior então ele fala isso aí tem está aqui descartar isso aí tal só que aí eu bom tudo bem o problema é que assim isso não faz a instituição ser racista não porque o juiz que tá assinando uma sentenção está representando uma instituição eu falei tá bom então quer dizer que se eu vou não prédio como aconteceu comigo eu tenho um amigo que mora no prédio de Bacana aqui em São Paulo e aí eu fui lá e aí o porteiro que é um cara pobretão porque é porteiro de prédio é pobre certo então estava lá então Preto quanto eu pouco mais claro tá mas aí perguntando assim onde você vai eu vou no apartamento de fulano de tal tá mas vai fazer alguma coisa lá você vai trabalhar lá que não é meu amigo vai pessoal tal Ah tá vai como é como é seu nome meu nome é Fulano aí ele liga lá ai só na mesma é o que mesmo não me falando Ah tá você vai fazer o quê lá mesmo é pessoal eu vou fazendo ver se você não tá mentindo né eu vou seu todo citando uma coisa que aconteceu comigo o ano passado carne assim vou falar com ele é meu amigo tá é pessoal que tá ah tá bom aí atende ao seu Fulano tem Fulano aqui querendo a tomar um pode subir tal então eu sou pode entrar vai por aquele elevador ele quero elevador de serviço E aí eu digo o sistema de portaria de prédio é racista e não esse cara que às vezes cara é racista mesmo sendo mesmo como você disse isso mais ou menos que seja o negro branco mas assim isso é muito comum acontecer em portaria de prédio Isso significa que as portarias de prédio são racistas não porque aquele Fulano lá ele gosta de exercer o poder que ele tem é verdade né todo mundo que tem um pouquinho de poder na mão ele gosta de ser se eu puder e se somada esse poder que eu gosto de exercer Eu também acho que o negro merece um castigo e amar eu vou fazer isso lá é E então assim eu acho difícil generalizar dizendo é é estrutural por quê Porque o indivíduo que representa a estrutura Age de forma racista eu acho estranho porque é um problema humano a gente assim em qualquer Instância que a gente tiver se a gente tiver oportunidade a gente vai exercer um poder Oi e esse esse poder for prejudicar o outro a gente vai prejudicar a gente vai tirar daqui Vai por ali vai fazer aqui não sei o que então assim é aí a minha pergunta é assim tá então vamos jogar o jogo e Vamos admitir que o que a estrutura é racista beleza Qual é a proposta como é que muda você cria dentro da estrutura medidas que é são assista ao contrário é bom e vão falar ai não existe racismo reverso fica você vai entrando numa em geral da desgraça que você vai sair nunca melhor fazer acho que o ponto na verdade eu tipo eu você cria benefícios dentro da estrutura para a população negra é benefícios racistas por que segregam na minha opinião não problema é também disso aí é o seguinte a nossa se você tem uma estrutura que é racista e você cria mecanismos para para beneficiar beneficiar a pessoa que tá dentro dessa estrutura como é O que é uma pessoa que está dentro de uma estrutura racista Ah pois é então talvez a estrutura não seja puramente assista talvez a estrutura tenha é braço os artistas na estrutura ou será que não existe nenhuma lei que tenha uma que alguém escreveu era um pouco Assista e colocou nessa lei ali um viés meio despercebidos Será que tem algumas leis assim que acontece se acho que não eu acho que tal eu acho que assim ao fim e ao cabo o que ninguém vai querer admitir mas que na verdade eu acho que no substrato dessa ideia é que tá isso assim só se só se muda uma estrutura substituindo essa estrutura por outra em filosofia por exemplo uma estrutura um sistema Então se ao sistema é ter uma engrenar é uma engrenagem social que roda e funciona então o que que é furar o sistema você sai dele dentro dele você não consegue você pura bolo e sai não é Ou o sistema tem de mudar a estrutura tem de mudar Oi bom então para mim quem fala sobre porque assim eu tô partindo do princípio que que a ideia de que o racismo é estrutural é uma ideia que parte do princípio de que é essa estrutura a estrutura de poder que privilegia a classe burguesa rica no celular e aí eu vou bater lá no Karl Marx e aí assim qual que é a ideia do Karl Marx nós temos uma estrutura né isso aí ele vai dividir super estrutura e substituído e tal que quando e que isso vai mudar quando o proletariado se insurgir e destruir a estrutura arrebentar com ela e criar uma outra estrutura né que vai funcionar uma outra lógica numa lógica e da Igualdade tal aí dá dos meios não é privados de produção mas menos coletivo de produção e tal você largar então aí a minha pergunta é assim Beleza então se o racismo estrutural de novo Como é que muda isso é porque para mim o que você está propondo é mudar a estrutura e aí mudar a estrutura aí a pergunta é outra que estrutura que você quer colocar no lugar você se acha mais preparado do que eu para pensar Qual estrutura é melhor para o país quem são as pessoas que estão propondo uma mudança de estrutura o que que essas pessoas têm a oferecer e é tudo isso é muito sério sério porque se elas mudam estrutura elas elas podem mudar isso já forma que beneficia elas mesmas né Entendeu eu não sei eu preciso que eu não acho que essa galera aqui que é tão política assim sabe tenha motivações altruístas mas eu acho muito eu acho muito assim é muito difícil falar essas coisas que eu falo porque a impressão que dá é que eu acredito no racismo que eu acho que não tem não é isso não tem coisa mas é uma verdade mas tem várias vezes aqui nessa conversa ele falou que da inércia do da do que aconteceu na década de 20 a gente dirigir ou não dá para negar o problema negar que existe algo uma história que colocou uma comunidade numa posição a estratégica de inferioridade em relação a outras comunidades é inegável que isso aconteceu agora vamos para a maneira de encarar é esse a única coisa que eu faço nesse debate a tentar propor uma outra maneira de solucionar isso aí e como seria porque a única que existe até o momento me parece hein senão em todo o movimento igual ao que está em alta né é essa aí da transferência de renda da engenharia social que a engenharia social Trocando em Miúdos a engenharia social e e a minha visão é outra a minha visão é uma visão de liberdade o que o negro precisa no Brasil é ser livre de fato livre de fato e não só de direito para que as leis estão aí tá tudo aí todo mundo é igual perante a lei Vá beleza mas isso não acontece porque porque nós temos uma engrenagem Aí sim uma engrenagem socioeconômica que empobrece o pobre Oi e aí seu negra mais pobre ele é o mais prejudicar hum é isso para mim então resolveu o problema é o seguinte de novo tira a mão do meu bolso sim tira a mão do meu bolso eu quero ter oportunidade por exemplo de ter um plano de saúde eu não tenho hoje eu uso importante do estado do Iamspe lá que eu sou professor no ensino público né concurso a tal mas por que que eu não consigo ter um plano só porque tem cinco plano de saúde no Brasil o caracterizado que controlam tudo aqui não deixa entrar e que aí não consigo aqui é caro demais que é caro parar eles controlam tudo não tem como o cara não tem competição não tem Bom Preço vai Putz Porque que o a taxa de juros é tão alta que que o pobre tá sempre me dar porque tem cinco bancos a por quê que não tem negro na diretoria dos bancos porque tem cinco se tivesse 500 bancos seria mais fácil você ver mais negro minha vida dele a gente ela pode pegar e abrir um banco por exemplo lá não pode lá nos Estados Unidos Em 1880 já tinha bancos geridos por né em 1884 tá acontecendo Abolição ak88 lá já tinha banco com negro dono de banco c****** Então hoje até hoje isso não existe não existe até hoje se não existe aquela de dente é isso isso e o problema é que sabe qual é o problema é que essas pautas que você está apresentando aí elas são portas que elas beneficiam todos mano não beneficiam só os negros tá ligado ele se a sociedade faz a sociedade O que é isso acaba falando isso alimentar a base mano esse é o problema é que não é uma pauta exclusivamente Negra mas é uma pauta que é a melhor pauta para os negros apoiarem na minha opinião não há melhor mas é uma das mais importantes porque esse é liberalismo econômico essa emancipação do cidadão é o que eles mais que todo mundo precisa cara é todo mundo meio que escravo de sistema ela até até quem é bem sucedido certa forma a gente é estava no sistema ninguém tá feliz nessa m**** tá legal então é isso é assim eba a melhoria tá para mim tá aí né assim e veja oque é o que parece um absurdo as pessoas quando vem eu falando isso acho um absurdo dando fico indignado a esse aí é o preto que tá da casa grande é o capitão do mar tá ele quer acabar com a nossa luta não só queria aí Graças a Deus que apareceu um fulano agora aí que é o diabo da Tasmânia desse negócio de movimento nele e tá todo mundo se voltou para ele agora eu vou deixar o eu quero bolo não é aquele cara da fundação Palmares Então todo mundo lá surgiu o verdadeiro radical da coisa então tá lá estamos brigando com ele vai me largar um pouco agora cadê eu tava pô tá sofrendo que toda muito na internet boca cara difícil ver no Twitter os cara vem encher o saco agora deu uma sanitizada lá tal é procurando É sim mas mais assim Putz e agora eu tô aprendendo que não apoia o bolso aí tá América mas assim o fato é o seguinte é a única coisa que eu tô E agora o que parece um absurdo para essas pessoas é o que o André Rebouças palavras em 1864 74 caçamba vende Tô sim o que eu tô fazendo é recuperar um debate que foi jogado fora eu sou o debate a respeito do Adair na lagoa são em favor do coitadismo então é em favor de uma de uma de uma dinâmica é que que muda de cima para baixo entende então eu só estou propondo uma mudança de baixo para cima e para isso a gente tem que tirar o suco de cima de cima das exatamente eu para mim o cima não é o racismo para mim o cima é o estado brasileiro o estado brasileiro é que empobrece o pobre e que torna a vida do negro o inferno na verdade porque se a gente tivesse a comunidade Negra prosperando uma velocidade maior você ia ver os problemas estruturais nas irão desse diminuiu pouco ao mais rapidamente também eu acho que ao longo acho que a medida que que a gente consegue aumentar essa base que a gente tava falando é a gente consegue como solucionar problemas de violência problemas de uma porrada de ordem que estão associadas ao negro porque o negro faz é maior parte da nossa população pobre sim daí e também tem um negócio engraçado porque assim é somada tudo isso existe uma coisa aqui também é atribuída ao racismo estrutural que essa coisa por dentro do eu entro no shopping EA segurança do Shopping vai me seguir lá e acha que eu vou roubar ou então esse do porteiro do prédio correto assim tudo isso é atribuída ao racismo estrutural o que eu digo é o seguinte o problema do Brasil a problema de imaginação moral E por quê Porque no nosso Imaginário Popular criou-se uma cultura Claro por conta das caminhões sim você pega o histórico da escravidão e tal então criou-se no Brasil uma cultura de subalternização do negro então a sociedade brasileira em geral todo mundo preto branco todo mundo ficou faltando está acostumado a ver o negro em determinados lugares e não em outros todo mundo é assim todo mundo adianta falar que você não é todo mundo é um padrão que todo mundo enxerga é um padrão todo mundo é porque porque o nosso olhar se acostumou a ver se criou-se uma coisa enraizada na nossa cultura que eu chamo de Cultura de subalternização também não é uma coisa que eu tô inventando você pega o guerreiro Ramos que é um foi um grande intelectual negro brasileiro e ele dizia assim é o problema do racismo no Brasil é um problema estúpido o primeiro porque ele tá pautado em duas coisas primeiro na inconsciência que o negro tem a respeito de si próprio e na numa ignorante a si próprio e na ignorância que o próprio branco tem a respeito dele mesmo porque porque o branco brasileiro parece que europeu Guerreiro Ramos falava isso na década de 40 como é que eu posso ser racista Ué eu posso ser então ele fala assim é o problema principal é o branco deu um problema psicológico que ele acha que ele não é brasileiro ele acho que ele europeu a gente aqui aquela mania de facinho eu sou descendente de italiano é que eu sou descendente de alemães verdade cara você é cafuzo hahaha a pouco se Deus é Brasileiro velho sem volta o caos e lá se tá fácil aquele exame de DNA lá entendeu É muito difícil você ter no Brasil uma família de linhagem pura que veio da Europa e Manteve muito difícil então o guerreiro vamos falar você é um problema primeiramente dessa coisa do que o que o brasileiro branco não quer ser brasileiro ele ficar se achando uma coisa que ele não é né então é criou se essa essa cultura de subalternização do negro é caro a mídia vai vai ajudando a isso está crescendo na década de até a década de 80 aí parte daquele 90 as novelas tinha nem ela escravo pronto porque só tinha novela de época e a novela de época o negro era escravo tá fazer só que há lugar para negro na escravidão dentro de uma novela é evidente que também a gente tem aqui uma ignorância sistêmica é que não faz novela sobre o Paula Brito por exemplo que foi uma grande né é o sobre o Rebouças ou sobre o Luiz Gama ou sobre celular ou sobre grandes personalidades negras que ele que existiram no Brasil e que não eram escravos lá então é claro então a pagamento dessa memória histórica brasileira E aí o nega acabou ocupando esse espaço da subalternidade né E aí todo mundo tá acostumado com isso então se melhorasse aí voltando-se se melhor a vida de todo mundo se o negro começa a ocupar mais outros espaços essa coisa vai naturalmente esse equacionando né então você e não tá acostumado a ver o negro comendo no restaurante caro nem pense cv1 cv2 cv3 aí pronto aí irmão aí você esquece essa o estranhamento que você teve a primeira vez que você viu um e o ser humano é muito rápido de se acostumar quando ele percebe que o padrão mudou exatamente mudou aí beleza então eu fico eu falo até com a molecada hoje né Fala vocês não sabe o que que é viver a década de 80 ou então meu pai então ver como é que a coisa então meu pai por exemplo ele é uma época ele ele quiser atleta na seletiva era solteiro ele quis fazer atletismo tal ele foi tentar se associar a um clube e não podia mas por quê Porque aqui nós não admitimos negro na caruda c****** aqui em São Paulo Negro podia ser sócio do Corinthians e o time do povo não podia não podia c****** Isso é bizarro o dia não podia ser palestra Italia negro não aí não mesmo né ah não tem não tem então não tinha nega não tinha nego e não cheirar década de 80 70 70 60 70 e fala na cara aqui não nego aí que acontece surgiu em São Paulo aqui o clube aristocrata né que ainda existe até hoje então eu conheço umas pessoas lá e tal mas é olha só na hora e eu falo disso no meu curso Olha só posso falar do meu curso Ó tipo eu tenho um curso para quem não sabe né em que eu tento trazer essa discussão de na minha mãe eu tento colocar essa discussão num trilho Virtuoso novamente então o curso tem um título que a provocação o Brasil é um país racista é uma pergunta aham Então são sete aula Monte é mais de 8 horas de conteúdo cursar no hotmart é um site faz mais cursos Paulo cruz.com.br faz isso agora coloca esse sai e agora o que eu sinto sempre esquece sempre faz agora meu amor que horas você vai estar cursos Paulo cruz.com.br eu tenho uma aula que eu chamo de brevíssima história do movimento nem que uma hora eu falo disso então o que que o que que eu tento me concentrar no curso é mostrar essa força da comunidade do indivíduo então por exemplo o clube ela estou grata para mim é um case de sucesso nesse sentido que é o que que acontece um grupo de profissionais liberais né advogados e tal e funcionários públicos aqui de São Paulo negros Eu quero um amigos de repente tinha essa dificuldade primeiro a gente tem até uma graninha para ir lá se associar no clube mas não deixa aí os cara falaram quer saber Vamos abrir um clube nosso o Leide eu perto de mana cara criar o clube primeiro teve uma sede social aqui no centro de São Paulo e aí começaram a fazer uns bailes umas cores fizeram festa de debutante Comunitária E aí assim vinha gringo para caçar a voga é aquele eu não sei se o Nat King Cole nessa época era vivo né mas enfim de Unimed tinha um monte de artista negro americano que vinha para cá e tal então virou um negócio badaladíssimo aqui em São Paulo e eles construíram depois de uma sede de campo do clube de campo lá no Grajaú com quadra com piscina e tal não sei o que entendi cara e o clube foi cérebro durante os anos 60 mas já que ia ser um p*** curva curva então e assim e o que depois assim segundo a história aqui que eles mesmo conta no documentário tem no YouTube Inclusive eu falo disso não tu sabe o nome do seu comentário aristocrata Clube legal é teste dois ou três episódios de curtinhos que conta a história do clube E aí uma das pessoas falam ao promete assim os filhos as dores foram perdendo aquele ímpeto tá aí o clube foi ficando abandonada hoje a sede que é o clube de campo foi invadida então tem uma disputa judicial Será que os outros clubes eles aderiram aos negros também poderem aí ele é porque quer tirar vantagem competitiva dos cara eu não sei lá se fosse bom eu ficaria lá o problema é que o acho que o clube foi morrendo mesmo né então você pega a frente Nega vou voltar um pouco caro pega frente não tem nada a ver com o fato de ter sido um clube criado por pessoas negras é o padre cleonor é isso é o fato é que ele se tornou o clube segmentado através dela negro que a lá era um clube para negros ervas não que fosse proibido Branco se associarem mas é quando queimado para negros e aí assim se você volta lá para frente Negra por exemplo a frente negra brasileira foi também uma iniciativa individual né de um grupo de negros falam vamos criar uma um esquema aqui que a gente vai educar a população negra que vai oferecer para ele ser um grupo de Advogados é que quando algum negro da foto é sofrerá racismo em algum lugar eles iam lá pavor ao o dono do lugar Ó escuta aqui pera aí que que você fez aqui que você falou nós vamos te processar e também entendeu então eles faziam isso E aí que uma escola que eu alfabetização criar uma carteirinha da frente negra que aí aqui em São Paulo quando o negro é procurar um emprego ele mostrar essa carteirinha da frente aqueles álcool esse aí a gente pode contratar a área que é uma respeitabilidade para o Nemo a carteirinha na frente de gravadoras milhares Aí depois ele se espalhou por outros lugares para não vai falar milhares de Associados e o caramba tal iniciativas individuais o Abdias Nascimento que depois virou ícone da esquerda porque ele depois ele se radicalizou mas assim quando ele se tornou político foi Senador e tal e se ligou o Brizola E aí já viu né mas ele a primeira coisa que o Abdias fez assim relevante na vida dele é como um intelectual e artista brasileiro então ele o poeta e tal e aí ele vai viajar com um grupo de poetas para para o Peru se eu não tô enganado com desse país aqui da E aí ele vai ser uma peça de teatro que era o Imperador Jones do eu de Neil e essa peça o Imperador Jones é um negro mas ele viu o sujeito fazendo o tal do Black Face ela não era um canal que deram nem com a cara pintada em preto ele viu aquilo que não espera aí porque não é preto porque que não colocou um ator negro quer saber quando eu voltar para o Brasil eu vou criar uma compra de teatro só com negros foi o que ele fez o Teatro Experimental do Negro De onde saiu aquela Léa Garcia de onde saiu Ruth de Souza né o próprio Grande Otelo fez trabalhou lá agora é então ele criou uma companhia de teatro só com negros mais veja o que o que é melhor ainda não era companhia para fazer peça da África eles representavam Shakespeare Otelo da hora o Nelson Rodrigues admirava demais o Abdias escreveu peças para o Teatro Experimental do Negro então assim uma baita de uma franquia eu peço depois ele se politizaram aí virou meio um movimento mesmo aí tentaram se partidarizar e tal mas o guerreiro Ramos fez parte do Teatro Experimental do Negro então iniciativas individuais de grande resultado de Grande Impacto nós estamos aqui falando da frente negra hoje né a 80 anos depois Entendi então assim isso para mim onde tá a força da comunidade negra brasileira na hora que ela aprender Aonde a a olhar para si própria de novo e fala assim gente pera aí a gente deu o braço um pouco aqui e a gente esquece o estado ela esquece que a gente é pobre esquece que o que o lema tem dinheiro para caramba você esquece esse negócio esquece da o braço aqui e vamos para cima do negócio Primeiro vamos exigir que os cara Tira a mão do nosso bolso tem que perceber tem que perceber que se ele tem uma porcaria as pessoas têm que perceber que aquilo é roubalheira que a CLT é ladroagem possa canal estava já a transação Olha a cara dele é aquele é o sistema que todo mundo perde né se você não quer que a gente assine cara sabe a pena se você quer que o problema é aquele né dinheiro que está na verdade ele quer que assina a carteira porque ele quer processar você trabalhista é para processar o patrão é na verdade ele pode puxar agora né vergonha é também não dá para escapar muito lá as pessoas têm que perceber cara que aquele negócio de fundo de garantia que ele errou vim aqui Valeu obrigado roupa velho ele é roubo não tem outro nome o cara pegar a tua grana botar no céu aonde e desenvolver menos do que ele pegou caramba e o estado rouba a gente desse desse jeito aí o cara eu não quero ter essa porcaria desse INSS não posso pagar um plano só no pote tem que pagar o INSS e tem que pagar um plano de saúde tem que pagar os dois tem que pagar os dois Putz eu não quero ter 13º paga mês a mês paga mais para mim não não posso que a lei determina que eu tenho que pagar um décimos então que eu faço eu diminua o salário o seu salário anual eu diminuo porque eu vou dividir em três parcelas não em 12 por isso ele é a menos ninguém fala fazer isso tira a mão do bolso de todo mundo e deixa a gente crescer junto como sociedade tira a mão da minha ótimo né cariótipo e esse esse lance aí que surgiu agora aí do bolsonaro tomando leite cara que que tu acha eu acho até o meu meio louco aquela coisa do Poker Hands On e é aquela coisa do clube que vai lá os caras não tomar volante maluco é então eu acho que é estar nessa vibe aí cara tu acha que é a mesma um posicionamento racista e tal Ah não não não não tu não acha que só Sara um negócio que eu não sei eu não sei qual foi a motivação daquilo mas eu tenho para mim eu tenho para mim que assim entra me melhor que ele tava fazendo eu eu vou sonar né não tem a mínima ideia do que tá então bolsonaro não jogam alguém entregou o copo de leite na mão dele falou se bebe aí que nós vamos fazer o negócio tá usando aí eu tomou tomou não estaria assim também assim não querendo atribui a ele uma estúpida assim ó e não tá querendo chamar de burro não vai usar essa marca é ruim é que ele não é sofisticado tá ligada não é burro mas você é burra não vejo a cara é assim essa não dá para ver o cara é burro que ele tá 30 anos lá ganhando dinheiro na boa manda igual agora não é burro é o acho que não eu acho assim eu acho que ele tem que usar os termos técnicos para tratar desse tipo de situação eu acho que o bolsonaro ele é um ele é um estupido pretensioso como diz o Robert musil é um é um conceito eu não tô chamando ele de qualquer coisa como que é qual é o conceito de estrutura porque é o seguinte a estupidez comum que a gente conhece que as pessoas são mesmo nem né meu burro é meio bobas assim meus meio Eng e nós está olhando tá tem essa e a estupidez pretensiosa é aquela que o sujeito ele haja através da sua estupidez terra ele ele tem poder para agir e a sua estupidez se torna um perigo porque ele tem poder de fazer estrago com a senhora antes porque ele também acha que ele tá fazendo uma coisa boa Então é isso parece uma boa definição de bolsonaro tá não é essa mas legal Robert musil tem o uso tem um Mas sabe que engraçado que você falando isso fez eu entendeu porque que ele ganhou as eleições porque eu acho que eu prefiro um cara que faz uma estupidez e pretensiosa do que o cara que faz uma maldade inteligente não eu disse estudei pretensiosa é pretensiosa e pertence não ele ela é pretensiosa porque ele ele acha que ele tá fazendo uma coisa boa ela verdade ele tava fazendo uma estupidez ele ele não é despretensioso não não não não é pretensão é porque assim por é que eu sou bom eu tô fazendo uma coisa boa Então mas eu só sou um estúpido mesmo assim né Por uma caneta na mão para assinar umas coisas só tá então eu acho que eu acho que todo mundo meio que percebi aquele poderia ser isso só que a gente achava que o PT era uma outra organização super conectada fugir da mente inteligente porque esse tem muitas membros inteligentes ali que tinham pretensões maldosas de corrupto está ligado de poder de agregar e já o bolsonaro ele quer fazer o certo mas ele não consegue fazer burro E aí o bolsonaro não quer fazer o que ele acha que é certo não cara não sei se aqui é f*** isso é que é f*** né E aí o cara entra numa de não poder mudar de assunto vamos falar no Floyd ou estragar tudo se conhece você abre essa porta aí velho Aí vai ser Ladeira abaixo e aí eu tenho mais filtro se você quiser é mais dor de cabeça tô com saco cheio desse negócio vamos ter que aguentar esse troço aí ainda um tempão tá querendo arrancar ele fora aí agora mas eu não sei eu não sei nem porque ele tá ele tá na base a posse dof vai todo mundo a média esses caras não quero nem saber eu quero que eu não se f*** também virou político tira a mão do meu bolso velho é isso que eu quero final Vocês conseguem nem isso esse desgraçado conseguindo fazer entrar lá que esse gritando isso aí lá vamos fazer o liberar leva todo mundo bem melhor agora nem isso esses caras Conseguiram fazer tocar ser um pouco de respeito que eu tinha por ele acabou então não tem não conseguiu fazer um mínimo que é tirar a mão do bolso da gente é não mesmo né nada ainda tem uns 30 mil cargos comissionados ela tem uma coisa que eles poderiam só passar uma caneta que vai ficar nada celular então assim quanto não tira a mão do meu bolso serão os meus inimigos Mortais sara todos eles aí vem com esse papinho aí ficou nessa guerra também ajuda para passear e se não fosse ele ia ser não interessa véi né é tudo a mesma m**** ganha essa família custa um milhão por mês e esses vagabundos que estão lá e Surfistinha m********* que de repente achou um lugar para encostar 1 milhão por mês faz a conta mas eu fiz um Twitter falei que tu não me fala aí que que tu não já foi um milhão no mínimo é o que esses caras aqueles quatro cara custam para gente Eu Estou entregando nada para nós estamos tomando Nossa mandando gritando no Twitter aí só Ah não esses fosse pensar na inabilidade deles resolver o problema o dinheiro que custam para a gente muito muito mais do que cem milhão de tosse e sai do poder e pega essa grana e dá para gente distribui essa grana aí vai ser muito melhor eu pego assim ó não vender tudo estado e distribuir para todo mundo em parcelas iguais aí faz telas grandes de 200 milhões em 6 vezes não sei que virou Sodoma e Gomorra hahahaha tenta fazer a população tá viciada em droga tá todo mundo louco cara antes que não cara eu acho que a questão é manter a ordem se é tirar estrutura do estado e manter a ordem Como que você tira a estrutura do estado e manter óleo porque relógio menores Na minha opinião núcleo de menor eu acho também acho que é muito grande Tá certo é muito grande é e dividindo dividir-para-conquistar onde vende em status que ela está dormindo país até meio sei lá Quantos países aí no no continente para Brasil aí depois cada cidade o seu país é aí quando é que a cidade virou seu país Aí a gente vê bem o que acontece dali né não tem uma lixa está em aqui e uma botsuana José ultemar tem um trabalho que vai ter o botsuana e que você tem uma opção legal senhora porque eu sou besta que eu também não sei de repente tá muito bem lá em países africanos estão muito bem eu falei porque eu falando comigo na minha rápido aqui um buraco aí velho é um país muito pobre é é sei lá mas Ilha da vida então É mas se o cara tá no continente e se sente tem uma livre né o transporte se que as pessoas podem se movimentar o cara sai vem aqui pronto é bom e tu não fala português a mesma cultura você vai ter uma competição entre Esses pólos de sociedade se você As pessoas escolhem o melhor necessidade de uma m**** ela vai isso aparecer e sumir do mapa pode ser A ideia é melhor que aí deve gente é a visita é muito ruim cara OK ideia talvez sem uso peça gente o comunidade vocês têm que perceber uma coisa velho esses o sistema é o problema do sistema é é que assim todo mundo tá ferrado velho então assim não adianta você não vai arrumar o negócio com cota com não é assim não é porque porque você vai continuar sendo pobre é quanto é você colocar um uma olhadinha num buraquinho quando eu tenho o assistencialismo vai manter você pode aí você pode não adianta o sistema de transferências tem que se informar e olha olha só eu acho que é muita ignorância mesma segurança o sentido de não saber mas então assim eu tenho conversado com muita gente eu tenho conversado muito conversar com muita gente esquerda inclusive é e o que eu e o que eu penso o seguinte a muito ignorância em jogo e as pessoas vêm uma pessoa que se forma dentro de um pensamento de esquerda Então você quer Lapa ela demonize as outras coisas então é dificilmente você vai ver uma pessoa de esquerda lendo o autor que não seja de esquerda tá a ponto de não lá não gostam de se envolver em um de bar nada eles gostam que eles sabem que eles já estão certo eles Encontraram o caminho correto para que que ele vai se Então eu disse ali o dos Artistas eu achei isso eu acho que tem um pouco disso assim mas eu tenho conversado assim às vezes a coisa o diálogo fui eu e o a lei a gente conversa muito disso aí não é então assim não dá para negar não dá se a gente for sentar mesmo fala ópera vamos deixar o sentimento de lado Oh e vamos olhar como é que a coisa funciona lá e aí assim se a pessoa se a pessoa deixar de lado a ideia que ela tem que o Estados Unidos é o Satan é a grande potência opressora do mundo e tal e olhar cal patriarcal eu sei o que ela tá aí olhar a gente como um como ele se desenvolver economicamente a não foi porque ele é colônia colonialismo EA dominação se a pessoa deixar um pouco de lado esse discurso e tentar olhar a coisa mais como ela ocorreu ele vai chegar essa conclusão aqui que um a liberdade é muito melhor e é muito melhor porque você faz você quer porque você inclusive você não quer fazer nada você não faz e as pessoas que você conhece que com as consequências mas aí assim é é muito melhor do que você depositar sua esperança no ambiente burocrático no pai nos pais and é e assim e esse papo de transferência de renda e tal e aí a gente só fica tão ridícula que aí o sujeito que o sujeito que nunca foi aqui no Paraguai ele cita Suécia a mas olha a Suécia lá tem um sistema lá porque o estado é grande não sei o que cara você nunca foi não se não sabem como é que é isso aí para com esse negócio aí você não sabe o que você tá falando você leu no livro de alguém que eu vi um vídeo no YouTube um vídeo no YouTube e tá repetindo um negócio né você não sabe o que que era a Suécia antes de ser isso aí que ela é hoje você não entende que a Suécia é um negocinho comparado ao Brasil você tem um monte de coisa tá eu não conheço essa é muito boa que teu estado grande vai saber as vezes tem um post enorme de petróleo de base na Suécia e ele só tira esse dinheiro e invece no estado obrigado então assim é assim gente precisava assim é problematizaram palavra é ruim mas no bom sentido do termo dia sim a vão discutir se essa é a melhor forma mesmo que eles não querem discutir Esse é o problema eles não querem nem ouvir você falar para ele assim cara mas olha assim o Rebouças queria isso o café não interessa mas gosto por isso é uma mulher por isso que eu não queria morrer bolso porque né que foi o que um militante do movimento ele falou para mim uma vez eu falei para ele porque que vocês não falam por exemplo do reembolso ensinar porque Rebouças era a chapa branca é a resposta que o cara me deu e ele achou que ele me convenceu o que que esse chapa-branca tá porque ele era amigo do Imperador porque ele é amigo da monarquia então ele vai dentro do sistema Indy era o negro da casa tá ligado tá ligado assim e aí como é que você vai discutir com o cara não dá não tem discussão mas se o cara não tá aberto Nem para ouvir o que eu chamo de mestres porque são mais o Paula Brito quer um cara que saiu do nada do nada arrumou um emprego numa tipografia e o que que ele fez ele juntava graninha e até ele consegui comprar Um tipógrafo usado e começará a trabalhar por conta e abrir a sua tipografia numa portinha e começará a imprimir coisas lá e começar a publicar e de repente tinha amor tipografia do Rio de Janeiro incrível o cara que tinha um sonho vi um na minha empreendedor na primeira metade do século 19 Aliás quando eu eu amo tava propaganda no meu curso aí o ano passado quando eu relancei ele regravei tá ficou bonitão eu tinha feito uma versão caseira E aí depois um amigo me ajudou fez uma proposta a gente regravou numa produtora ficou bacanudo tal e aí quando eu tava propagandeando o curso de novo eu eu propagando.de o Paula Brito que a última aula do curso Então as três últimas aulas são André Rebouças que a maior aula do curso que é o revólver para mim a grande referência quantas horas tem essa aula assim aula do repouso deve ter quase uma hora e meia Aí tem uma aula que é do é Ernesto Carneiro Ribeiro e foi um médico ele se formou em medicina mas ele abandonou a medicina para ser professor não é então ele ele ele foi professor do Clóvis Beviláqua foi o autor do primeiro Código Civil brasileiro foi professor do Rui Barbosa foi professor do Castro Alves foi professor de Tobias Barreto ver por ser o cara era f*** seu Sérgio cara que lindo olha a foto dele tem uma foto única que circula por aí Negrão barbo dão para uma branca assim uma barba longa e tal mas assim uma sua idade Não só professor e médico mas também um gramático filólogo tem gramáticas dele publicadas e não sei o que assim uma sumidade brasileira e também ninguém dá nem aí para ela não puxa o outro tá aula a sexta aula sobre ele e a sétima aula é sobre o Paula Brito pro quando apresentei o palavras como empreendedor cara a militância vem para cima de uma assim prendedor no século 19 sendo só quer vrau só quer um bravo ele sempre me deu não tem noção do que que é isso aí não sabe o que que é empreender eles acho que empreender teu é ser dono de uma grande empresa tem dia então ele é baralho eles acharam que você era pura e não é ruim e sempre Para eles é não é possível que o negro não sei que ela fosse um empreendedor porque eles acho que empreendedor é você ser dono de uma grande Walmart e do Walmart c****** Então assim é o cara que disse que eu não sou dono dos meus medos de produções aí eu dei eu me considero um empreendedor do seu professor eu não tenho né mas eu me considero porque o que eu faço a empreender naquilo que eu acredito eu nem meu trabalho ao empreendimento Tá certo então assim é mesmo se eu fosse empregado de uma empresa Essa é a visão do grande Geraldo Rufino que é um é um amigo querido que ele fala mal se você emprega você também pode ser um empreendedor dentro da empresa que você tá trabalhando porque empreendeu uma mentalidade um bom então é se a pessoa tem alguém casadinho prender ela consegue dentro do espaço onde ela tá crescer e ser cada vez melhor né Então é eu acho que falta muito isso de referência então quer dizer onde estão essas referências Porém para essa Juventude da Periferia que tá quê que as referências são todas ruins né então o pretinho lá na periferia ele não acredita mais que ele pode ser o dono de uma de uma editora ele nem sabe que o primeiro editor brasileiro foi um negro ele não sabe que o maior psiquiatra que o Brasil teve na virada do século 19 para o século 20 reconhecido mundialmente premiado mundialmente recebeu o prêmio na Alemanha recebeu prêmio na Espanha recebeu prêmio da Itália se vemos no Japão foi para o jacaralho palestrar no Japão ganhou uma comenda do Imperador japonês então era um negro não sei né cara era o Juliano Moreira já não tem o Art hoje na Gazeta do Povo da semana passada é um artigo Então tem um esforçado poder para escrever sobre essas pessoas né sobre as referências sobre essas referências negras que a gente perdeu que não tem mais e assim eu acho fundamental que aquele rapazinho negro que mora lá na periferia e tal e que agora também tem o programa de já no teu pai por perto e que a mãe trabalha o dia inteiro e aí que as referências vão subindo o que quer mas o que acontece com com esse carinha é uma coisa que tá também numa música do Racionais ele se espelha em quem tá mais perto e quem tá mais perto desse cara é o traficante é o é a malandragem da Periferia é aquele pessoal que não quer saber de nada certo então eu lembro Por exemplo quando era moleque Ah eu tenho muitos amigos a gente tem moral pra não vai achar uma Portolândia né Aí tem um grupo hoje amigos do brasileiro aliás um beijo um abraço para os meus amigos do Porto Alegre amigos de infância e sempre quando eu vou em algum lugar só manda um abraço lá para o grupo agora vamos explicar do grupo não um abraço aí pessoal do bortolandia tá eu então por que não chega nem sempre a presença então assim mas os caras lembra a gente fala sobre isso que tinha muitas vezes para eu era moleque eu tava indo para escola que um monte de no bar sexta-feira eu vou aí hoje não hoje eu vou lá na escola eu estudar então assim porque eu tinha uma referência meu pai Por Exemplo foi a minha grande referência um cara que viveu do absolutamente do nada né e que de tanto minha mãe impressionar-se com a minha mãe morou em favela minha mãe pegava a cabeça de peixe no fim da feira para fazer pirão veio de Minas para cá com a mãe e mais seis irmãos meu meu meu vô vou comprar cigarro foi embora para Minas nunca mais apareceu aqui aí e aí a minha mãe com 12 anos ela já trabalhava já tinha uma conta no na vendinha pela fé e eu pago de a tal eu venho aqui com 12 anos Sei lá eu era uma criança que cuidar de um bebê então É mas a minha mãe nunca se deixa abater por isso então quando ela conhecer meu pai meu pai também fez foi criado só pela mãe e tal e os dois se conheceram e se casaram ela quando caso ela já começou no outro painel eu não quero morar vida inteira de aluguel em então você pode dar um jeito aí então meu pai quer sentar na cabeça e ela apareceu nada no meu pai trabalhava a semana inteira final de semana vai entregar folheto de desses coisas que entregam no farol arranjo de final de semana e falava durante a semana e tal e bebi uma pinga lascada né minha mãe falava que a gente passa a noite assim lendo e bebendo né quando eu nasci meu pai não bebia mais mas ele bebeu muito assim na época que ele já era casado e tal mas um dia ele de tanto minha mãe pegar no pé e tá ele falou beleza Vai sim eu eu sei que eu preciso ganhar mais porque aqui tem que comprar uma casa Se eu ganhar mais eu preciso melhorar de cargo aqui onde eu trabalhando auxiliar de escritório da puder a melhor ele tá para eu ganhar melhor eu preciso estudar e para estudar eu tenho que parar de beber porque senão não vou conseguir suas coisas vai rolar ele parou de beber foi no médico eu quero parar de beber então nós se fala beleza então faz o seguinte agora você não bebe mais parou deu para ele lá um remédio para controlar a ansiedade tá ele disse que ia trabalhar meu pai sempre contava aí tem dia que ele ia trabalhar ele descer do ônibus tremendo de crise de abstinência ele sentava no meio fio ficava tremendo lá sozinho na hora que melhorar ele subir no ônibus de volta a trabalhar a série fez faculdade saí fui fazer ele quer 4º ano ensino primário aí ele fez o que chama de madureza que é o pé de Mobral a distância né fez as provas passou e tal aí foi a estimularam ele ela vai fazer um curso técnico tá de trabalhar com uma família de italianos para os quais Ele trabalhou mais de 50 anos atrás certo que ele já trabalhava coisa eles estimular ele não Toninho vai estudar Você é tão bom em contabilidade vai fazer contabilidade tá entrando um curso técnico contabilidade terminou em entrou para fazer ciências contábeis né terminou emendou e fez direito c****** quando eu nasci meu pai estava terminando a faculdade direito Ele conta por exemplo que ele tinha uma jaqueta jeans que se ele soltar se ela ia sozinha para faculdade porque ele só quer aquela já que ele ficou ele foi estudando quase dez anos com a mesma roupa o e ficava devendo os cara apertar bem lógico tu tá devendo 4 mensalidade assim não dá tá E ele cantava os cara mostrar o boonzi Olha minha nota pelo amor de Deus você terminar esse aqui não posso sair não posso trancar e tal tá bom vai pega mais seis meses aí tá assistindo aqui para trás então ele se formou em duas faculdades assim terminou aí quando eu nasci já a vida já tava um pouco melhor né então eu tive a oportunidade de estudar né assim eu estou Escola Pública até o Ensino Médio Ensino Médio foi já no colégio particular que ele pagou mas a faculdade eu paguei já minha primeira faculdade ou menos paguei eu já trabalhava então eu mesmo encarei e paguei a faculdade tal então assim meu grande e sempre ela meu próprio pai para que depois que meus pais se separaram mas eu passei o cara muito presente depois eles ele é a tua amizade com a minha mãe mesmo sem voltar para casa e tal e ele foi assim eu posso dizer que meu pai foi meu grande amigo sim deixa a ponto de antes dele morrer 2012 ele veio me informar mas não viu mudando de profissão e ele me deu até uma caneta que ele ganhou e falou se essa aqui é para você assinar o seu primeiro livro quando você publicar e tal meu pai daquele aqui em casa e tomar um café comigo assim eu vou passar aí no final da tarde a gente sentava lá e ficar tomando café conversando tal um grande incentivador do meu do meu gosto pela leitura e tá então era minha referência esse molequinho da periferia hoje ele já não tem mais essa referência tá E aí Putz cara de frequentemente com ele ele tem falta eu acho que poderiam ter mais referências para esse moleque mas eu arrumei também 15 ter algumas referências surgindo por aí a gente conversa com uma galera aí que eu sei porque a referência para essa garotada aí tipo eu sinto que no cenário Eu sei que não é tão sofisticado mas um cenário de rap ou cenário até do trump tem diferença de tipo que moleque ele pode vencer a música por exemplo tu pode mas a música é uma roleta do caramba né que assim de 1 Milhão na internet agora não é tão mais boleta quanto antes né Tipo eu acho que a internet ela permitiu que você tenha artistas médios que antigamente não tinha oxigênio para eles porque só deixou esse dinheiro para artistas muito grandes porque você dependia de uma gravadora para ganhar dinheiro para lançar disco que é verdade que a gente ia ser um depende porque você tem uma distribuição que internet e eu acho que mudou o jogo mudou dinâmica aí então você tem uma quantidade legal você mas realmente tem que ser mais do que música e tem que ter uma referência intelectual acadêmica também né E outra também não cara poder que a música Tem um outro problema no Brasil por exemplo que não tem mercado sim o cara vai fazer isso aí beleza mas ele e aí qual é o caminho para um músculo de rap para ir no Brasil hoje assim o caminho do músculo de rap no mundo vai se pegar o mercado de rápido americano né o cara vai fazer rap daqui a pouco ele vai ser produtor daqui a E aí ele vai crescer a um caminho a um caminho de mercado para o cara aqui no Brasil é uma é ruim o negócio aí aqui se ao caminho é extremamente nebuloso é muito difícil então quer dizer se cara vai ser vai chegar uma hora que aí ele vai ter que escolher o que ele vai fazer porque hoje vai ficar velho fazendo rap a gente vai ficar ruim fazendo rap na minha opinião hoje em dia porque o cara pode fazer o rappi dele por no YouTube por Spotify começar a minha vila mas depois a cara não quer por onde ele vai dar tempo eu falei ele tem onde vai ter cada vez mais é poblico E aí ele tem dinheiro e aí ele pode crer abrir a empresa dele de produção é uma outra sabe tudo é prima Mas a gente não é um caminho abre caminho então eu tenho um concordo com vocês não acho que não é um caminhão que eu acho Eu também acho que é um caminho que eu tô dizendo assim aqui esse caminho ele é eu acho que ele queria primeiro de enxergar não as caveiras por exemplo se eu não sei eu quero ser um pro o musical no Brasil cara quanto que custa uma mesa de sente de sol é uma grana uma grana cara eu pude eu não concordo Cara eu acho que dá para você comprar Tipo se você for miserável claro você não vai conseguir produzir música mas tipo se cara se você consegue comprar um iPhone ou qualquer celular é bom aí obrigado você já consegue produzir uma coisa da hora existem aplicativos que você consegue fazer uma batida tá ligado eu acho que o Hoje em dia não tem mais tanto problema técnico que eu acho que ela vontade hoje é mais forte eu acho que a questão do moleque entender que ele tem essa ferramenta para utilizar eu acho que é muito mais uma questão de acesso à informação do que uma questão de capacidade técnica é porque eu acho que tá muito mais barato a gente de produzir música de qualidade é uma coisa que a gente tava conversando com a lei inclusive esse papo né então você gente tava por exemplo do a gente vê pouco por exemplo a militância Negra falando sobre essa coisa do analfabetismo digital por exemplo assim o amor da Periferia tinha que ter essas ferramentas mais fácil a mão nunca não sabe que com pouco recurso Ele faz muita coisa então também isso não chega lá é difícil chegar lá para ele então ele até sabe que tem atrás até ouvir ver no YouTube tá daquela mais aí como é que vai comprar um fone e nove dez sei mas não fazer aí até iPhones mais baratos cara tipo você pode pegar um um celular de 400reais aí você vai lá e compra um microfone de lapela de 50 reais você vai ter uma qualidade de som mais interessante você pode baixar o aplicativo que tipo não vai ficar igual cara você vai estar nova desvantagem mas eu não sei como argumentar que não tem uma um combo cara começar porque mano eu eu por exemplo o Igor também a gente começou do nada mano Eu quase peguei hoje em dia em 2020 eu acho que essa barra tá mais alta só pode ser pode ser eu acho que por exemplo Vamos ver que eu quero criar um canal do YouTube de games em 2020 eu não o mal é bicão a Logitech c920 cara o que é uma o que você falou se eu vou começar um troço eu não posso te amo tá bom então eu vou secar naturalmente esse não Nunes e com a cena Vocês já viram que é melhor fazer que tá mas é que tá o Whindersson Nunes Não surgiu 2020 sendo. Um né assunto duas pessoas aí mais Então essa é a outra o tamanho do Windows assim então e assim eu acho para que por exemplo você vai começar um cara hoje no mínimo que tem que ter um microfone bom Tá ligado não dá para começar com aquele chiado fazer os vídeos qual eu fazia do Call of Duty com a imagem toda entrelaçado uma m**** concordo tem que ser microfone bom mas não é sinceramente microfone caro porque existem microfones bons barato né é tipo é essa de esse tipo de informação é a informação que tem que se chegar É eu sei disso porque meu pai levar lá na Santa Efigênia eu vi um monte de coisa eu sabia que existia Sim eu sou curioso pesquiso mas é É isso aí vem inclusive daquela que só duas referências tem aquela questão de você tá se aquela questão do Ensino Fundamental de você ensinar a criança a lei de verdade né de interessar é isso é isso é então até ela chegar aí a ponto dela poder perceber que ela o que ela pode fazer o que ela é capaz de fazer sozinho então aí um caminha longa né não é o primeiro tem que acreditar que é capaz né então eu quer dizer a questão da referência entra aí né então Puts é muito por exemplo a gente está sofrendo isso no ensino público agora com essa coisa dela não tem aula e tal então assim aí o grande dilema é postei aluno que não tem computador o aluno que não tem celular que a luz que o celular é aquele celular que não é um não é um smartphone é Tem aluno que o smartphone é é o smartphone mais é já tá desatualizado que já não atualiza mais nada ele não consegue baixar o negócio então é o dilema do Estado nesse momento é esse uma grande parte da dos alunos do seu público não tem recurso tecnológico para poder assistir online pois eu não tem mais sentido cada cinquenta por cento da população brasileira não pensamento seriamente Exatamente é isso então assim na internet não é então assim e outra nós vivemos num país ainda ainda é assim Acho que está mudando inclusive com essas coisas tecnológicas tal que assim é fazer uma faculdade ainda é importante né ainda é ainda da faculdade é senão ele quer dizer se do ponto de vista social e a sua empresa da importante isso a gente vai se formar E isso ainda é importante do Brasil e uma grande parte das profissões ainda tem esse tipo de exigência tal A então por exemplo do Brasil você tira o rabo lá que é o caso do Luiz Gama né É o caso do Antônio Pereira Rebouças do pai do André Rebouças que eram que eram advogados sem diploma ou ele não pode mais que tem quem tem a OAB não deixa certo já me ajudando mais não tem garantido o monopólio de uma organização que você quer menos concorrência e pode então quer dizer você vê os caras e que antigamente podiam hoje já não pode mais tá assim então nós temos ainda uma realidade que essas referências que eu tava falando agora pouco poder me ajudar assim o carinha a se ver como alguém impossível não é sim então e e eu acredito muito na organização Comunitária assim né então eu acho que também tem um problema assim houve uma grande nos últimos sei lá 30 40 anos aí uma grande desagregação e Comunitária dentro das periferias a entrar aquela coisa mais de tá mais junto tá isso tudo foi se perdendo né porque também o o pós-modernismo para usar uma palavra do jordan Peterson que ele gosta então pós-modernismo é individualista e assim não a comunidade que prospere o sol indivíduo então assim é uma comunidade não é né assim o que eu tô querendo dizer o seguinte nenhuma sociedade na história da humanidade a conseguiu prosperar sem que eles passar esse um grande tempo juntos trabalhando junto para aquele negócio crescer assim tá para chegar um termo bom das coisas e tal então o fato da Periferia ter-se desagregado enfraqueceu a prova Periferia E aí o que que aconteceu causou isso eu eu acho eu tendo achar eu já andei dizendo isso que isso é política de estado E por quê Porque você torna aquelas pessoas reféns de vez mais frases mais frases e sempre dependendo de alguém para ajudar então eu acho que é uma coisa do estado mesmo do Estado de dificultar sua vida para te oferecer depois de uma facilidade exato aí eu acho que num determinado momento essa coisa se tornou política de estado aí é primeiramente cruel né que é encontrei na rede cruel é extremamente Cruel então assim é a piora do ensino público por exemplo trouxe Claro há uma série de iniciativas errôneas que foram tomadas ao longo dos anos tem relação à pedagogia coisa e tal então assim pessoal falar hoje Ai o Paulo Freire Quando eu Paulo foi ver o menor dos problemas da educação no Brasil então você pega assim vai desde a constituição quando ela fala assim é a educação dever do Estado ferrou velho o meu não vai funcionar é feito para não funcionar Tá Escrito Lá educação é um dever do Estado acabou não vai funcionar põe na tua cabeça que não vai funcionar não é isso aí ai mas que estado não sei o que ela tá bom ainda que nós tivéssemos um ai porque aí já viu cara né ai mas a educação na Coreia do Sul a educação pública é boa e não sei o que tá bom mas deve ter sempre um colégio Zinho particular que é melhor que aquela pública lá que é porque cara é público é sempre o pior do que aquele que a particular e para chegar nesse nesse nível que a Coreia do Sul chegou ficam porque eu pagaria um particular nela traz vezes é o nível de educação deles talvez não reflita o sistema de educação por é político mas sim a cultura dos caras lá porque exatamente a cultura do coreano é mano você vai estudar você vai se dedicar velho mas você vai você vai porque a cultura ajuda a cultura ajuda então assim é então se começa desde isso a constituição passando pelo ECA que que acabou com a ordem o eca foi o fim da ordem na escola porque se acabou com a figura de ordem porque aí o aluno virou uma vítima do aluno certo então quer dizer E aí junto aí só pedagogia que disse que o aluno não é um depósito de conhecimento e o professor não é o detentor do conhecimento da verdade os dois estão lá aprendendo a babau a junto a isso também junta também as lei de diretrizes e bases da educação juntas é um conjunto de coisas o que o que quando você junta tudo é um negócio feito para não funcionar não vai funcionar não adianta você pode criar um sistema eu agora vamos mudar o seu que lá o com aquele chama lá essa nova educação que eles inventaram aí tá vai não vai mudar nada porque a coisa tá toda já gripada é uma engrenagem que está emperrada e que adianta ser não adianta não vai funcionar não tem nada de ensino a distância Cara eu acho que isso é bom para quem gosta de estudar para quem tem autonomia o exige muito e aí se não tem autonomia não vai inclusive o que é legal aqui agora esse período nebuloso de pano dizia e o caramba lá que a gente tá vivendo tá mostrando inclusive para muita gente que o home excluindo é uma coisa tão simples assim né Tem mais enlouquecer hum casa cara Tira essa criança daqui pelo amor de Deus cara de frente o senhor tem vários pais creme tapamos não tá indo no colégio mas eu não posso deixar meu filho sem aprender nada você que tem alguns pais tentando ensinar os filhos sentem É isso aí um efeito legal Dá para anemia né mas tá muito difícil porque não é fácil né tem que pensar é num precisão né cara não é você pode saber ensinar o seu filho aquelas coisas da da vida familiar da moralidade família aquela coisa da educação normal dos Pais tava né agora aí na matemática matemática entendeu não é um negócio simples você tem que saber tem gostar do livro da Matemática no teu filho vai o filho vai estar lidando com pai não é com professor é uma dinâmica diferente é não é complicado o negócio então assim tem muita gente que estava vivendo agora um verdadeiro dilema Infernal com as crianças em casa e ele tendo de participar da educação da criança de um lar lhe defendendo a internet o homeschooling o cara tem então assim eu acho ensino a distância Eu acho assim legal se eu acho eu não achei do analfabetismo o sentimento que a escolha o que eu falei esse processo de educação exige socialização tem uma sociabilidade em tem que ter mas será que a gente precisa de ter uma escola que nem a gente tem um prédio grandão por todo mundo lá dentro será que ele não podia ter uma escola onde o aluno vai em várias classes espalhadas pela cidade ou pelo bairro dele e ele não necessariamente ele precisa aprender dentro de uma instituição mas ele pode aprender dentro de várias instituição dentro de um uma lógica do que você precisa saber tá ligado ele pode pegar nada você não deixa eu cuidar você pode fazer umas coisas de centralizar você pode fazer o curso de matemática no lugar tá ligado você faz o curso de história em outro lugar você faz o curso de Filosofia em outro lugar e você tem vários cursos Você pode ter a necessidade de ter uma quantidade de certa de curso para se aprovar e conseguiu diploma O que é mais fácil do que só ir para escola eu acho que é melhor porque você dá a oportunidade do aluno te escolher a classe que ele quer e escolher mais né Tem mais e também escolher nada cara o cara tem que ir lá aprender outro agora cala a boca sentar Ilha escuta o que eu tô falando e decora essa porcaria e aí daqui duas semanas vai fazer uma prova tudo é melhor do que isso é errado eu acho assim tudo é melhor do que isso de um ponto de vista da nossa da nossa não vontade de obedecer a determinadas Regras eu acho importante eu continuo achando esse modelo formal importante porque ele me ensina a ter regra e eu acho que esse se você de centraliza você tenha dispersar também a noção de ordem então assim eu ir para escola eu tenho que sentar eu ter que esperar bater o sinal para eu poder levantar você e tudo isso dá para gente uma noção de ordem a e é importante não é importante assim num período da vida pode ser que depois você vai vamos supor que conforme o sujeito vai avançando Você pode até aí criando essa coisa mais de um homem é mais dinâmica depende no ensino médio já fica mais de nada você pode ser você então eu nem acredito no ensino médio obrigatório Pois é mas que chegar aprendeu a ler aprender escrever Cara você não quer fazer faculdade não quer fazer larga você vai trabalhar o problema aqui Aí o cara não pode trabalhar também então tá mas eu acho o seguinte que de repente do ensino médio de repente fica assim mais dinâmico mas eu acho que tem que ter um período em que tem que ser aquela coisa formal porque eu acho que aquela coisa formal tem muito a nos ensinar Oi e esse muito a nos ensinar é o seguinte a gente precisa de um ordem para gente atingido de nossos objetivos e essa noção de ordem importante desde ainda que depois eu vá flexibilizar e Até em alguns casos eu vai esquecer isso aí vai rejeitar mas eu não posso crescer sem saber que isso existe sem saber que existe é mas você só tem essa referência de ordem na escola não é possível não existe até uma hora tipo todo dia à noite todo dia a dia pensa ordem tipo a hora é universal Pô você consegue perceber ordem tipo você pode ter a ordem tem olha na tua família é que vai ter que falar exatamente isso aí aí você tem aí você colocou um ponto por exemplo antigamente mesmo as crianças que não tinham ordem na sua casa e isso acontece certo eu quero a casa bagunçada ou então a família separada agora quando ele chegava na escola lá ele tio que ele não tinha em casa para dizer para um mousse em casa é tudo zoado aqui eu te e para levantar para ir la comer um negócio para voltar então ela isso ajudava muito aquela criança aqui na casa dela tinha mais dificuldade de terça a referência de ordem né agora o que acontece o seguinte ele se o cara não tem isso em casa ele também não tem na escola aí meu amigo aí acabou aí você não consegue sentar o Fulano por 15 minutos para ele ouvir o que você tem para dizer aí eu Acabou lá então é isso que eu tô que eu tô precisando eu concordo com você eu acho que tem que ter um momento onde ele é socializado onde ele deixa de ser bicho e vi um ontem ele tem que parar por exemplo hoje cara as pessoas tão caro Isso é uma dinâmica do mundo atual mas assim cara você não consegue fazer alguém parar por 15 minutos para fazer nada uma molecada assim eles não aguentam sim 15 minutos adulto Também não aguento eu confesso que não é muito criança é e não e acho que nem adulto cara você pega um eu sou um cara que eu vou à igreja assim eu vivo falando esse cara ninguém ouvir isso aí que você tá falando e as pessoas ouvem 10 minutos do seu sermão acabou você vai falar 40 50 você tá falando sozinho ninguém mais presta atenção no sermão de mais de 15 no meu celular no pode cancelar foi do padre lá tem gente que fica mas nem nem a questão de ficar ou não a pessoa não fica no celular Ela não fica nem lá ela vai embora não ela some a cabeça dela fica pensando eu também aí eu já tá pensando que ela vai ter que pagar a conta amanhã são disso é o flor que eles ficaram rico ele não é o c****** a única sessão dinâmico porque dinâmica Qual é o seu irmão não é um cara Sentado lá blablablá monocórdio ele foi do peteca que ele fica fazendo pirotecnia E aí mas a pessoa não presta atenção lá no seu irmão vai prestar atenção na fila tem que ir né O legal vai ser o reteté então então tem esse lance mas assim aprender é atenção se você tem que parar e prestar atenção se não você não atende aí sim eu e inclusive tive muita dificuldade de aprender quando era criança que eu tinha dificuldade de sentar e prestar atenção hoje tem hoje tem ciência para estudar até de atenção só que você tem que ir lá e vai no psicólogo não mas eu acho que não ela deve de atenção é porque eu só não gostava meu saiu tudo chato sempre o Thiago meu filho acha tudo chato toda hora de falar isso né hoje foi engraçado porque hoje eu entrei mais tarde para dar aula online e ele começou mais cedo e agora ele saiu lá entra no meu cafofinho onde eu fico lá dando ó e aí eu falei Oi e aí tudo bem fogo não tá bem então ela tá bem ela tá eu tô tendo aula é como é que vai estar bem não cara eu não gosto muito legal Larga de ser preguiçoso eu te entendo Cara sou tão preguiçoso que eu tô você pois é ainda mais tão ruim assim para mim E aí assim um tempo atrás ele começou a fazer Beach desculpa sozinho baixou o programa tá um papá fazendo o cara foi p*** agora é o caminho agora né eu não fico forçando o picolé tem que fazer isso aqui daquilo mas eu gostaria muito que ele encontrasse um caminho ainda não achou Aí eu acho que é importante Se ele pegar alguma coisa para fazer aquele ama aqui não vai dar dinheiro eventualmente era assim eu tô nessa não tô acreditando porque eu sou um exemplo de escolher uma profissão quando eu era aquela aí vim te levar mudei então então é a minha relação com ele é bem livre então fica aí eu só não quero que ele que ele não acha que ele não precisa achar alguma coisa né fica nessa daqui a pouco tá com vídeo tá contrito não achou nada assim ainda moscando vendo vídeo no YouTube aí é de jogando fortnite não tem ó tá mais jogando fortnite adota a gente até perdoa então assim cara é ele não gosta de escola né mas o que eu tenho dito para ele sempre assim Filho assim não tem jeito fudeu ela tem uma outra cara a vida é isso é bom a maior parte do tempo da nossa vida a gente a gente não quer fazer que não é prazeroso fazer as coisas para elas são poucas é assim pouca gente consegue trabalhar por exemplo fazendo coisa que é prazerosa boca gente eu não sou jeito cara pouca gente hoje eu vejo que eu também assim sou sortudo quê Porque amo que faz thanos aquela Total assim nem que se fala de trabalho então quer dizer como é que uma pessoa fica casada a vida inteira se ela não encontra a alegria naquela rotina que é o casamento não faz sentido Não faz sentido manter o time entendeu então assim fala o cara assim e no casamento Você quer o maior de experiência de você fazer coisa que você não quer fazer do teu casamento Mas é isso é o casamento é um é um é um jogo de CD cara o tempo todo só que você deu e tal senão não dá então claro como a gente tá falando agora pouco como esse mundo nosso atual ele é o mundo que tem de individualismo cara ninguém quer ficar casado ninguém quer estudar ninguém quer fazer nada e é virar uma árvore mas é só sorver absorver não tem treinamento a molecada na escola hoje e de atendimento é muito engraçado porque você pega molecada na escola hoje você fala para ele fazer uma redação assim tipo aquelas redação assim como você acha que você vai estar daqui 10 anos e tal cara maioria escrever coisa assim elevada só quero estar com meu carro minha casa minha família então agora lá aí o sujeito entrega a redação Você tá lendo aí você olha para ele pela por cima da lente do óculos assim ele tá lá com fone e nem aí para o como é que esse cara acha que essa casa esse carro essa família vão chegar até ele se agora era a hora dele tá começando a construir se ele tá lá é tipo quantos anos o que ele acha que esse negócio vai acontecer invariavelmente ele é um determinista aumento tem que ter um histórico a coisa vai acontecer no vai acontecer tem como 14 anos um 14 anos sendo Tô brincando se você acha que você vai ter uma casa um carro e uma família daqui x tempo não dá depois da sua posição inicial e não é claro né mas eu tô falando a escola pública não cara na escola pública aqui é que você tem em casa de casos né Eu me lembro que você tem que tipo sei se vai se esforçar para c****** na no colégio Aí vai parecer que você tá lutando para atingir seu cara e quando na verdade foi grande pena de tempo você só foi muito bom no sistema burocrático que tinha um chá gregol nada com ser humano A Profecia silêncio foi importante para essa voz ecoar para eternizar é a voz da rebeldia e quando ele tá falando dele Exatamente é por isso que eu dei aquela palavra tá todo mundo perceber assim ah ele tá falando dele mesmo kkkkk dele mesmo aí mas é porque não dá para excluir todos os casos Tá ligado não dá para você por uma regra na parada não dá para você falar é assim que tem que ser e é isso tem não eu acho na terça e regra para que para que existam pessoas como você exemplo eu tô imaginando você como um cara assim que não gosta muito dessas regras que estão por aí estabelecidas mas para existir um cara como você tende a regra seguem porque não tiver regra para ninguém não eu nunca trai não que eu não tô escutando que a necessidade de ordem regra é fundamental eu só tô escutando que sistema acreditar não é bom e não é bom e não importa aquele que precisa de sua seleção do jeito que está fazendo uma m**** a gente está jogando infância das crianças há milhares milhões de crianças jogo do lixo é minha opinião é eu tenho um sentimento muito forte sobre isso cara para ser sincero tipo não que tá jogando lixo não tô falando que não é ruim foi muito bom ser Alfabetizado tá ligado muito bom entendeu que Napoleão fez que foi a revolução francesa ou sei lá saber como o universo surgiu está ligado é ilegal sabe essas coisas é importante mas eu poderia ter aprendido todas essas coisas não sistema muito superior muito infinitamente superior e a gente chegou na numa situação da sociedade humana que já tem ferramentas já tem tudo a gente só não tem vontade e inspiração para mudar sistema tá ligado mas eu eu concordo que a porta esta ordem é eu acho que a exceção exige a regra então assim a regra para mim continua sendo assim o sistema é chato é chato poderia melhorar mas eu não acho que dá para que dá para fazer uma coisa assim E aí já essa talvez queria melhorar amanhã poderia melhorar sim por exemplo é recurso inclusive Então se tornar a aula mais dinâmica aliás aliás cara vou aqui pronto a e talvez talvez ia assim tem ai a imensa maioria dos professores não gosta que faz um Eu acho que isso conta muito também a verdade também ajudei aula também sete anos dava aula de inglês só cadaval no curso inglês sim então tinham os cara lá que não gostava de dar aula eu acho que amanhã é o grande problema quando eu dava aula quando as pessoas vão pouco qualquer parte do mundo de dar aula para mim sempre foi o pai do aluno dava aula na escola de burguês a e o pai do aluno achava que o aluno que o moleque podia todo dentro da Fé então então assim mas assim eu falo isso por experiência própria sem modéstia à parte eu gosto só se me deixar eu sou eu ainda sala de aula e pau vai esse eu os alunos entenderam que eu tô querendo fazer aí rapaz cara se o negócio de liga aí nós vamos hoje a aula acabou nós ficamos conversando blá blá blá blá blá blá hora que eu falei gente acabou vamos parar tal porque é legal eu gosto é o negócio que eu gosto de fazer e tal é mas acho que tem um contingente enorme de professores que não gostam do que fazem então a aula vai ser sempre uma porcaria aí já era então eu ainda tenho estendo não é o sistema que isso é mais é eu citei não mas eu não é só o sistema educacional nesse lente é a o sistema educacional sofrendo impactos do sistema econômico e em seguida desvaloriza o professor mas também tá no sistema educacional Porque ele trava o salário de professores pelo seu público não mas eu acho que a pessoa não gosta de você não é porque ela ganha mal ela gosta de fazer porque é porque assim lá atrás pela teve de escolher uma profissão aí ele escolheu essa eu quero fazer matemática que foi lá fazer mas não era isso vai ensinar e vocação e o Tente se você não tem vocação para ensinar você vai ser o professor minha boca você vai passar a informação e tem que ser passada e hoje ainda é pior é porque assim já na tua geração o que acontece então nessa geração que começa a lidar com tecnologia que ele tá no seu que lavar e é muito pior porque assim nós estamos um ponto em que se por isso que eu não concordo poder ficar essa ideia ridícula que o ministro da educação fala toda vez que ele tem oportunidade é ele dá uma defecada pela boca nesse sentido quando ele faz o seguinte educar que do que é os pais da escola só instrui isso é mentira e ele não sabe o que ele tá falando ele é o mês da educação ele não sabe o que ele tá falando muita gente repeti isso também não sabe o que tá a escola educa também e agora é muito mais necessário isso porque porque se atualmente do jeito que o sistema tá podre Se o professor não tem uma conexão afetiva com seus alunos ele não dá aula e ele não consegue lecionar não consegue passar informação nem fazer nada se essa conexão afetiva não acontecer e essa conexão afetiva é educação é uma pessoa tem que olhar para você lá dentro da sala de aula e falar puts esse cara merece a minha atenção um essa conexão ela é afetiva porque antigamente assim era rígido se sentava e tinha que eu vi pronto que você falasse um laço e a para diretoria tomarão suspeita lá como agora o sistema virou qualquer nota o aluno faz o que ele quer se ele quiser ficar jogando papel você ele joga se ele quiser sair da sala ele sai ele quiser bater na tua cara ele bate então então é virou agora ainda mais importante que o aluno tem uma conexão afetiva com com o professor e essa conexão afetiva ela é educação se ele não tiver com um modelo que que ele quer ouvir já era meu amigo então então assim dizer que a escola não educa é uma estupidez a estupidez pretensiosa você acabou de O que as escolas estão cada vez mais liberais e que não estão educando quando deixa os alunos quando a prova os alunos mesmo ele jogando o papel no Professor ou batendo em professores como acontece em algumas alguns colégios públicos tipo a escola educa mas a gente vê as escolas públicas falhando miseravelmente nesse papel também porque junta essa coisa da da total do total desregramento da coisa com aquele professor que não quer tá lá fazendo aquilo que ele faz mas nunca mais um Ao Total desligamento da coisa necessariamente Porque existe um sistema que tem regras porcas em não é o total de ganhos em cima tá ligado e eu acho que é grande porte regras pode fornecer por exemplo por exemplo antigamente assim o sujeito mijou fora do Penico você manda ele para dentro ele tomou uma suspensão tarde erro é hoje velho E ai preencha o formulário sei o quê aí leva para o céu aonde aí relatasse chama não sei quem aí faz no seu que ela tem que ligar para o pai do Papa aí eu ninguém faz aí falar ah não Putz velho não dá então burocratizou muito mais porque agora sim aí o aluno tem o direito também de E aí assim muito provavelmente essa sua tentativa de disciplinar o de punir o aluno vai se voltar entrar para você aí se ferra então assim piorou muito mas isso é prova que a gente não precisa ter um sistema é que tenha prédio e todo mundo tá lá para ser educação porque a gente tem crédito não tá lá em uma educação O que precisa ter é uma estrutura de hierarquia uma um planejamento de educação e uma dinâmica onde o aluno passa por as esteira mas essa esteira ela não precisa tar num prédio ela não precisa estar necessariamente centralizada é o problema é assim como é que você faz isso na periferia para você é uma criança é um e você rapaz Ita qualquer uma ser professor tá ligado e você capacita qualquer um criar uma sala de aula ou uma garagem dele não sei o que se faz um sistema de classificação dessas pessoas e você abre para qualquer um quiser abrir uma conta antes de essa escola que a gente conheceu hoje ela assim né Você pode ter isso era o preceptor no era uma pessoa e ensinar né casa ensinando os lugares então o pessoal se formava na faculdade alegado por um lugar e lá e alugava uma portinha e começar a educar era assim que acontecia Eu acho que isso aí se der a excelente porque você não tem para o exercício funciona nessa quantidade de gente que a gente tem hoje para sair educada né Eu acho que funciona velho porque você pode colocar a tecnologia que aumentou muito um professor dentro da sala de aula sala de aula não precisa ser aí a gente vai contra o seu argumento precisa até aquela Integração Social que eu concordo né mas e hoje ela pode ser virtual também o que abre esse leque de você não precisa ter todas as aulas presenciais né Você pode ter aula de socialização você possa socializar o indivíduo através do esporte também né a sociedade tipo existem tantas soluções tá legal porque a gente vai ficar preso a um sistema que a gente já viu que não dá certo não é da hora mano não é da hora a gente colocar 400 macaquinho tá ligado Bafana fala dava fã Desculpa cara é que mas não faz sentido colocar 400 seres humanos é crise meu filho estiver assistindo ele vai tá dando pulo de alegria aí eu tá me complicando a vida eu consertar isso que você tá fazendo aí você não tem noção cara você tá causando Numa família mas eu não tô comentando aqui regras estrutura é errado tá ligado ou que o senhor tipo você falou o professor na sala de aula que você mais gosta não é essa dinâmica que você tem que ter essa interação com os alunos e e tal e e não se deu melhor sala de aula senão aquela que você tem 100 porcento de controle Sim e como que você consegue por cento de alunos que querem estar ali né não é tipo sem ter de meu ponto é assim como eu poder é o melhor dos mundos se você já entendeu esse ponto eu não sei não eu acho que é o melhor do mundo só não acho que ele seja viável né esse pode eu acho muito difícil a gente conseguir fazer isso com um banho nenhum do super populoso que a gente tem mas eu acho eu acho a ideia ótima eu acho a ideia muito boa mas assim primeiro tem que aumentar a quantidade de alfabetizadores que Bora para festa é bom você tem que apontar o futuro que a gente quer a ideia é boa a ideia é bom então assim primeiro a gente tem que reverter uma situação grave que é cada vez têm menos Professor isso vai ter que aumentar a quantidade de professores e tal que cada vez têm menos pessoas com conhecimentos f***-se eu acho que é tem muitas pessoas que seriam potenciais professores mas se hoje Oi e o seu trabalho muito mais valorizado em outra área ainda tá ligado você não é que a gente não tem professores na minha opinião a gente tem milhares e milhões de professores aí em potencial não fazendo outra que estão fazendo outra coisa mas se você quiser um sistema aqui para ele faz sentido que ele cria uma sala de aula e consegue ganhar tanto dinheiro quanto ele vai ser aquele dinheiro infeliz que vai querer mudar num piscar de olhos tá ligado [Risadas] legal legal é É isso aí vamos vamos trabalhar para isso acontecer amanhã a gente volta nesse assunto aí fala o muito obrigado pelo papo cara putz foi um prazer ligado de bom eu não sei ainda não acabou o tempo que vai ter pelos aí ele diálogo a legal legal legal bacana eu tenho que botar meu celular para carregar lá que vai valer aqui lembrando que você pode mandar 20 Rais o super chat e mandar uma pergunta ou uma exclamação qualquer coisa que você quiser cara deixa achar aqui de tycho Nossa tô no grupo errado aqui louco onde é que eu tô Cadê o grupo do Flu grupo Barbies porque eu não tô achando a Luana Azevedo Dantas mandou vir então e falou E aí Paulo manda um salve para Aracaju você palestrou no Liberty Open 2019 legal um abração aí um beijão para o pessoal de Aracaju foi um prazer tá aí com vocês muito bom bacana é um Oi Oi lulu um beijo para você e a Yasmim seja mandou 20 a ele falou nunca imaginei o Luke Cage 1 dia no flor hahaha Adorei eu pareço com um monte de gente agora é um cada hora é um negócio aqui em casa Washington É isso aí também Parabéns pela sua representação e coragem Paulo muitas Palmas coração e três cá sempre que vejo você nos vídeos eu lembro do garrosh grito infernal do ou hahaha beijo a todos coração Preto gostei o da Rocha f*** eu não sei o que é isso é coisa de personagem Redstone o Felipe mesmo não sei Paulo O que você acha do libertarianismo já teve contato com os argumentos é Thomas sowell é um grande argumentador negro dessa vertente A política o estado é um grande causador Oi Negra quando legaliza a escravidão muitas perguntas a Ricardo que tá com vocês eu não sei se o sol é um cap porque eu acho que o sol é ele é essencialmente é um conservador assim então se pude eu falei de regra falei digo um monte de coisa aqui então quer dizer eu acho que o libertarianismo ele ele ele peca Porque para mim para mim né para mim a visão de mundo é uma concepção de ordem de regras é importante então assim eu não consigo porque eu libertar ele é um não tem né então assim Cada um faz o que quer cada um vai atrás do seu e vamos que vamos né e achando que a ordem se vai se estabelecendo e que por si só urso e só então não acho que isso seja possível mas a ordem se estabeleceu por si só no universo né Ah não eu acho que ela se também seu que Deus ordenou eu sou um crente Poxa eu tô mais perguntou maluco que essa história ordem se estabeleceu por si só esse negócio mas é viver eu também eu também mas aí deixa eu vou já tô orando aqui fala um negócio desse aqui tô tomando o sangue do cordeiro engraçada que conversando com aleta cara tá aquelas parada que eu falo eu jurava que ele era de alguma igreja não é religião de matriz africana tá curtir umas parada então boa e tal e aí o cara Cristão para c****** aprender não eu sou professor de Filosofia que só cristãos ou evangélicos Ok mas eu quando eu vou falar de mitologia na escola eu levo mitologia africana legal porque eu tenho que desmistificar essa ideia de Que Oxalá é e o que Oxalá é macumba né que Xangô é macumba então eu falo não é como é como torna ecomuseus alguma coisa só quer da África então o nosso O problema é que a gente que a gente ainda tem religiões de matriz africana e você não tem religião grega que acredita mais em Zeus mas tinha né Então essa Associação que ainda existe entre a religião de matriz africana EA mitologia africana torna as coisas mais difíceis mas eu adoro mitologia africana é beleza é você acha que o estado é um grande causador de opressão Negra quando ele realiza escreve doença meio móveis né É É pois é o Buzz e a já falava disso é pega lá o basear que fala que o o estado é um quando ele a escravidão é transformar a lei instrumento de injustiça Total o bastia que era um Liberal as pessoas Acho que liberar o gosta de qualquer nota Mas não é verdade a errar errar e a p*** muito difícil hein beber um ano entre ventou ainda a gente 20reais então rapaziada Valeu Gabriel mandou 39 reais e 90 centavos como ver a questão de racismo inverso pois a palavra racismo foi criada na França em um conflito contra franceses brancos salvo de Osasco flor bom essa informação não conhecia que que você acha isso aí eu não sei também o bom é então eu para mim acismo é ainda hoje o resquício daquela ideia biológica de que existem raças e que essas raças são distintas entre si e que uma são melhores que as outras isso para mim É racismo no sentido próprio do termo tudo que vem depois é é tentar esconder isso para transformar em outra coisa por exemplo tem um grande filósofo ganense africano que chama I appear ele fala que assim qualquer ideia de racismo que não seja essa biológica é você tentar é vendo aqui minha é metonímia é metáfora né No fundo no fundo é isso não tem outra explicação então assim Claro é hoje quando fala assim não existe racismo reverso e Coisa e Tal é porque porque o movimento transformou o racismo é numa coisa de relação de poder então o racismo está estritamente ligado as relações de poder entre negros e brancos que é a influência do pensamento marxista dentro da ideia de luta de classe luta de classes não é então assim para mim não cara para mim racismo isso isso é tão é tão bizarro esse tipo de abordagem que leva a esse tipo de excrescência que aconteceu recentemente de um rapaz negro entrar no Facebook lá e ofendeu e o branco tem que morrer vamos dar tido nos Brian morre racistas aqueles lá aí ele foi processado pelo Ministério Público e o juiz o absolveu sob alegação de não existir racismo reverso c****** escreveu um artigo sobre isso não quis ter um artigo meu na Gazeta e o título do Twitter que acreditava nisso não o juiz tem um artigo meu na Gazeta do Povo que chama anti-racismo como ideologia em que eu falo desse caso especificamente e eu eu mostro por quê que esse juiz tá louco da cabeça porque você vem então assim OK ponto que a gente precisa realmente não existe reveste racismo e racismo racismo. = é isso que eu digo no artigo não faz sentido para levar você não é racismo só tem um O problema é que a ideia de que não existe racismo reverso é que eles fazem uma relação entre o racismo é só contra o negro Portal escritório porque só o branco porque só o branco teve poder sobre o negro é é é o que promete não é verdade se você quer alargar a história para sempre tipo você pegar desde Será que não existiu nenhuma Instância onde uma esfoliação com a maioria Negra tinha escalas Branco Sexy no lugar os meios humanos escravizaram milhões de milhões os muçulmanos arrancamos milhões ou Laurentino Gomes agora nesse livro escravidão sempre me perguntam se o livro é bom então você aquela ele fala isso lá também que assim os tem muitas obras hoje a respeito disso né os mouros escravizaram por exemplo as perguntas era f*** demais cara ainda galera moro Pô então entendi tá assim é o Mouro de Veneza hoje eles eles assim na época da escravidão Colonial Por exemplo quando os portugueses chegaram lá no no continente africano os mouros já escravizavam Dentro do continente africano Há Mil Anos e eles escravizavam não só no continente africano mas na Europa nós que avisaram milhões de europeus milhões isso aí é é história tá mulher um negócio não espero que não seja com vídeo milhões e milhões aqui uma pior para que ele tosse assim ó fazendo tudo aqui no microfone então assim é mas o que se você pega uma pessoa aí que a não existe acima reverte Tá bom também então e quando os mouros lá do norte da África e tal que eram pode podiam ser pretos como eu mas é um Escuros para escravizaram os europeus e tinham poder sobre os europeus eles eram racistas contra os europeus essa é uma pergunta que você pode fazer o quê que você acha e eu acho que não não não assisto não porque eles só estavam seguindo o poder mas não era porque eles eram brancos é porque eles tinham poder mesmo e Fascismo é uma coisa moderna a ideia de raça sinto que a gente fala surgiu com a ideia do racismo biológico né Depois de evolucionismo não é o Galton que inventou essa porcaria depois do Darwin ainda tá aumento eu não sou eu não faço isso é uma ideia é uma ideologia é uma ideologia que faz não escravizavam porque não mas não escravizavam porque eles acreditavam que só que eram inferiores ou não era só porque se podiam é entendi entendi a escravidão Colonial para o esquema racismo o português por chegou lá no continente africano querendo escravizar o africano porque era africano eles camisa ficando que tinha mercado de escravos no continente África fala pro aqui vamos aqui pegar aqui sem contar que os próprios mouros né eles eles invadiram a península ibérica e escravizaram muitos europeus ali na né Portugal Espanha e tal e ficaram lá em instalados lá sofrendo resistência tal dos ibéricos por setecentos anos e é por isso que inclusive o a tese do Gilberto Freyre né que o português não quer comer ser racista porque ele para ela me isso aí eu falo disso no curso tem um tempo até eu tenho umas gravuras por exemplo de Dom João sexto Aliás não é só uma gravura o do João sei se ele é chamado de negro pela esposa do General de Napoleão ela chama ele de negro você vê uma gravura por exemplo de Dom Dinis O de Dom Afonso Henriques que são os reis fundadores de Portugal carnes São árabes só era para casa do carro nariz adunco assim com tudo para baixo a pele morena aí o cabelo o cabelo crespo então assim os portugueses têm lá acho que 12 povos que água que que formam o povo português tal então É a tese do racismo ela vai se estabelecer no final do século 18 e aí que ela vira um é né a favor da escravidão a não a gente tem que avisar porque isso é um pouco atrasado tá não sei que ela é claro que na cultura popular por exemplo né quando você por exemplo um dos grandes o que o que eu inclusive escrevi isso quando Eu tratei do a relação da Igreja Católica com a escravidão tem um um padre Jesuíta chamado Jorge benci que escreveu um livro não lembro o título de leite mas ele ele ele é isso século 17 como é que o senhor ele tinha que tratar os escravos tão assim ele tava preocupado porque tinha muita crueldade né E aí então ele tenta estabelecer umas regras assim não não cê não pode pegar o sujeito é amarrar lá e detonar e não sei o que Total mas a concepção dele a respeito do africano é totalmente racista sem dizer que o negro é mais propenso a licenciosidade o negro é mais propensa a preguiça e que ele tem que ser mesmo doutrinado e que se você deixar ele solto ele vira um bicho do mato em uma concepção racista antes do do racismo biológico mas existiu uma noção por exemplo foi se estabelecendo no Imaginário Popular uma noção de que o o africano era atrasado e de fato era né Assim se for pensar do ponto de vista de mesmo a Europa ficado menos sofisticado agora Claro tá vamo índio também era menos sofisticados mas é problema o problema é o seguinte é que na época colonial a África da opulência já tinha passado E é porque se você for pensar na África dos grandes reinos de cuxe vou pensar assim é tiveram grandes reinados Na época na África sofisticados também para a época em que pegava como é que fica as culturas pirâmide de digitar é e olha até hoje olha olha a sofisticação por exemplo de de um túmulo de um Faraó é o aquela coisa sofisticada que tá assim é tecnologicamente avançada uma das primeiras faculdades do mundo não foi aquela faculdade timbuctu que existe lá no na região do Mali se eu não tiver enganado é que era uma faculdade os muçulmanos Que estabeleceram tal mas era uma faculdade de Fato né então assim África teve o seu período de opulência mas na época colonial por questões internas como está com briga muita muita guerra interna então não sei falar eu já tinha passado aquele período de opulência Então se tornou o continente mais frágil digamos assim do ponto de vista de avanca elogia de Então acho que muito também pelas próprias guerras internas né então antes do dos doces E aí está o inglês chegarem lá então quando chegaram encontraram já um continente mais fragilizado né E que ajudou a se estabelecer esse tipo de comércio de pessoa de pessoas lá de Neve sai então mas assim a coisa do racismo mesmo vai aparecer o século 18 19 que aí vamos falar não pode escravizar porque eles são atrasado tá olha já se consolidou e classificações e tal bom é o Steven scorcese mandou 20reais e falou Professor Boa noite Ciro Gomes chamou o vereador Fernando Holiday de capitãozinho do mato por não concordar com as pautas do movimento negro no programa Morning Show da Jovem Pan como senhor reagir a uma a esse fato E então também escreveu um artigo sobre isso que aí o título é que história é essa de Capitão do Mato né então assim é eu acho que é racismo no sentido Em que sentido porque a pessoa achar que o negro deve pensar ou agir de tal ou qual modo é determinar o Age tal qual modo Então isso é racismo como é que pode preto de direita preto não sei o que é emprego não pode pensar por si só bem não é eu tô falando então quer dizer para mim você é racista se a pessoa acha que eu tenho por ser negro eu tenho que pensar determinado modo isso para mim é querer que eu terei me escravizar é querer que eu Seja escravo de pensamento alheio exato então eu quero saber do celular véu você só é negro de verdade quando você está entendeu né então assim eu ouço muito isso né Ai esse aí e ele falou com desdém né É isso aí é preto Oi Rita eu não gosto desse termo inclusive na Rita negros de direito que é um tempo que que é o gostam de usar mas eu já disse que eu não sou preto de direita eu sou preto velho só isso e se eu quiser pensar como alguma coisa que a esquerda gosta de pensar ela eu vou fazer é que eu não vejo sentido então não peço mas mas não porque eu sou preto eu tenho que pensar dessa ou daquela maneira que você é de direito é que as pessoas que se denominam com direito ou acabam pensando de forma semi lá que você pensou É pode ser isso eu assim cara eu sou livre o meu Twitter lá a única coisa que tá escrito no Twitter adição é um homem livre é isso que eu sou legal fato de eu ser conservador é porque eu a minha visão de mundo é essa mas poderia ser outra e eu não seria melhor ou pior se pensar de outra maneira então ninguém vai me encontrar Ah entendeu inclusive ou eu se não fui eu que criei eu populares esse tempo que a escravidão ideológica então é o seguinte a pior escravidão é essa é do pensamento da pessoa você querer que ela pensa edital qual modo porque ela que você é pobre você tem que ser de esquerda quer coisa mais estúpida do que essa então sou pobre aí que eu não quero ser disse que não que eu quero que não quero ninguém me enchendo meu saco mas me deixa eu solto para eu fazer o que eu quiser eu sou pobre mas eu quero ser rico posso não pode não pode não pode por pessoas ou de esquerda vou falar para mim não pode Sabe por que que você não vai conseguir eu já sei que hora que vai te ajudar é rapaz não porque o negócio é mais forte porque eu porque você é proprietário é porque você não é burguês você é dono dos meios de produção como é que você quer ser rico não é é uma na cabeça de uma pessoa marxista mesmo assim é uma impossibilidade você não desce para você se tornar não e ainda que você se torne que você entre trabalhando você consiga ganhar muito dinheiro você sempre vai ser um proletário porque você não é dono dos meios de produção os cartão do século 19 uma é essa que eles querem dizer que o meio de produção 19 né eles estão lá na Revolução Industrial e o avô atrasadaço acho que ele atrasada Desculpa bom o Palmeiras tem mundial a boca de esquerda espera um pouquinho eu fiquei destaque para trocar Eu gosto muito de alugar com vocês eu eu gosto sim eu não concordo mas eu mas vamos sentar vamos conversar sim esse é o certo é que eu conversava com ela de semana eu participei de uma live com ml fiquei até emocionada porque a participou Orlando Silva Café do PC do b Oi Carine me surpreendeu porque o problema não é contra o impeachment ele tava contra seus manifestações antes que tá aula e tal achei mais barato sitef depois de uma um fio lá no Twitter e agradeci a ele especialmente que achei muito bacana tá cara nós estamos sendo de alugar entendeu Não é porque eu acho que você tá pensando tudo errado que eu não posso sentar com você a gente pode encontrar uma convergência qualquer Então essa animosidade que começou acontecer assim quer dizer começou a acontecer não que sempre foi assim mas essa animosidade é burra entende porque assim a gente sempre vai ter que conviver equilibrando essas coisas lá então assim então uma hora vai ser mais adequado que as coisas caminham como você quer outra vai ser mais adequada que caminho como eu quero e tá como eu penso né que assim cara é nesse equilíbrio que esse se é para gente falar em democracia tem que ser assim né a gente precisa aprender a ceder quando for necessário não está fora de moda CD Paulão vendeu a fora de uma aí melhor aí não dá né ela se brigar negócio é tô Oi gente tem que impeachmar cara entendeu eu tenho pouco eu vou defendendo bolsonaro no palco do bolsonaro quero deixar bem claro porque ela é bem claro e do rei mandou r$ 50 e falou eu concordo com Monark e o próprio Lobão utiliza os mesmos argumentos lipinho streamer até pouco tempo atrás trabalhava recebendo salário mínimo e o emprego braçal e hoje em dia consegue ver de internet com sem cabeça Você é mil cabeça por Live não entendi nada é aquela que é uma coisa que você falou que hoje tem muito mais Possibilidade é isso que tá falando não tá eu concordo internet a internet é um período em que as grande divisor de águas a da humanidade é a minha honra o Melo mandou vir então e falou porque você não transforma o curso e o livro E é isso que eu tô fazendo aliás eu estou devendo hem já faz tempo ao meu editor está pistola e nem fala nada fala porque ele é uma pessoa e vai para o céu mas é isso é isso o curso é o esqueleto do veículo da hora da hora lembrando você pode aí no site que tá na descrição se você pois já depois depois tu olha lá é que você pulou um cara por aí palmeirense Mundial você começou a lei daí no terminal Palmeiras não tem mundial c****** verdade Professor Paulo que você acha de lugar de fala O que é Marxismo se você precisa explicar casa parece uma rapaz não vai o que é Marxismo porque o seguinte a eu escrevi também escreve sobre já tem um artigo meu lá longo em que eu vou as contas alguém é por exemplo eu quero ler todos esses ativos aí eu faço Gazeta do Povo site do Gazeta do Povo pelo povo para o meu nome é economistas tal tem legal então assim não é qual o problema então a ideia de lugar de fala o que que é a grande pessoa é até de Camila Ribeiro que é que escreveu um livreto lá sobre isso tal bom então é o cara você não entende bulhufas essa é a verdade tem bosta nenhuma do que tá escrito naquele troço é uma confusão desgraçada de fucou com mistura um monte de tralha e para dizer o seguinte para dizer o seguinte Olha nós vivemos numa estrutura de poder em que cada pessoa fala de um lugar É certo que aconteceu sou pobre preto da Periferia a minha visão de mundo é de pobre para ele a periferia E aí se você é um cara rico Playboy mora não sei aonde a sua visão de mundo é rico Playboy que mora não sei de onde aí quando você vai falar sobre isso É racismo por exemplo você fala do lugar do rico Playboy que mora não sei aonde né E que provavelmente você não vai ter a mesma perspectiva que eu que sou pobre e ferrado o preto que mora na periferia até aí beleza até beleza isso é onde você mora de fato vai influenciar o modo como você vai ver a coisa mais isso não é determinante a nossa me especializar no assunto por exemplo é ou e assim porque tem duas coisas diferente você falar sobre o assunto do ponto de vista do conhecimento sobre o assunto é uma coisa você falar sobre assuntos do polícia da experiência do assunto é outra beleza até aí nós estamos de acordo com o problema é que a questão a a teoria do lugar de fala diz o seguinte que é o lugar de onde você fala determina o modo como você vai ver a coisa eu não acho que isso seja verdade porque ninguém determinado por nada eu posso me especializar no assunto e posso falar tão bem quanto qualquer outra pessoa exceto se eu não tiver experiência daquilo e aí eu vou ouvir o que você tem tem uma me dizer em relação a experiência mas é não você também não pode me calar exatamente no fim das contas mesmo sem experiência é o meu feedback é uma análise que dá uma informação ali ele pode ser levanta um debate possa ser útil pode não ser mais Esse é o direito sim mas no fim das contas essa conversa apareceu porque as pessoas achavam que o sol os brancos falavam dos assuntos então assim não nós também queremos falar então opção cavar o pênalti e o pena que é o lugar que fala um cai ó lugar de falar deixa eu falar com ela sou eu p**** nunca consigo falar esse assunto eu tenho que falar entendeu o que eu concordo então o problema mas é deixar o cara fala tu não pode falar comigo Fala aí pronto acabou essa cola né Tá para nos sentidos em vez de deixa eu falar não Fala só eu falo né então a no fim das contas a seguinte opressor fica quieto porque o Oprimido quer falar é isso e ao fim e ao cabo é isso é Marxismo é mais um jogo de poder é fucou fucou entendeu é criar estruturas de poder onde umas pessoas são oprimidas e outras são opressores da UEFA E hoje você leu os próximos cara quem quiser entender porque que o dia que a Marcilene o artigo está explicadinho lá pega o trecho de fogo tá tudo lá é isso concordo plenamente Paulo 100% lei Eu já li muito tá tu tá esse último que tu leu foi do Palmeiras não tem mundial foi muito ruim tá o Raul Melo mandou vir então porque você não transforma costurando eu já foi o Mateus ml nasce Furtado salve galera do flor Professor Paulo Cruz Monark que você achou do Jordão pretensão retirado a internet Depois do debate com slavoj zizek karaokê eles o que ele se ele sítio na internet porque tem várias coisas e a esposa dele tá com câncer tá ligado mas ele também teve um procedimento médico ele tava com depressão ele ele ele começou a usar o remédio para tratar a depressão viciou viciou a ele se internou em uma clínica de reabilitação e ao mesmo tempo que está acontecendo esposa dele tá com câncer terminal você vai morrer infelizmente e é isso que tá passando por um momento difícil é por isso que você fala lá na Rússia né Tá festa lá na rua se você não sei agora ele saiu mas é mas ele tava internado na Rússia porque encontrar lá na Rússia um remédio um tratamento só que ele foi para lá c****** ele tava lá até pouco tempo atrás foi brilhando lá se retirou da internet não é porque ele escreveu debate com o cara tu é o Gabriel Henrique mandou vir então convido Alessandro Santana Professor Paulo conhece ele o Alessandro já comentou do forno para o canal bater um papo com ele vai ser muito da hora e também falar de jogo de fliperama vai ser tão do Zap Valeu Gabriel é manda lá no discord' do flor Quem é que tá na descrição aí para que tem lá uma parte que é a sugestão de convidados alguma coisa convidados é que aí você manda os convidados lá a gente dá uma olhada beleza para o Bruno Boninho mandou vir então Monark Quanto é 100 linguiça de mais uma linguiça tem uma pergunta sem nem linguiça mais uma linguiça Quanto dá uma linguiça que você tá sem linguiça essa dar mais uma linguiça se for com essa é uma coisa que eu tá bom 99 linguiça de mais duas quanto é que dá uma das 50 linguiças + 50 linguiças mais duas mais uma mas lá se ela for ela quer falar que eu não entendi essa cara saiu barriga o prima pergunta o professor você acha racista aquelas piadas que viraram meme exemplo nego engana né eu dou o dinheiro para ela do ponto eu dou risada para caramba teu tem um monte esse negócio aí tem gente que acha que é assim isso aí ó 2 nada bebê consome é é uma viagem caroçinho p*** piada piadas não tem gente que não gosta tá mas não gosta não ver Sai fora que tem uma tem algumas alguns a movimentos no movimento mas assim até algumas mensagens racistas travestidos de piada também ou não Por exemplo realidade são bons assuntos para fazer recentemente teve na internet aí um cara que ele ele postou o seguinte meme que era assim é o que negros estão fazendo 2020 aí os cara quebrando tudo e tal lado e o que Branco se for fazer 2020 os cara indo para o espaço então lançamento da revista para c****** travestido de piada sim ou não não sei ele mas não é não tá querendo reforçar o estereótipo é tá né esse negócio não é racista é E por quê Porque ele tá dizendo que ele tava Branco Fala gente boa tá indo para lua preto faz bagunça que você claramente assista não tem como eu não ser para minha opinião vou concordar com vocês mas eu não sei eu vou pensar depois tá bom tá tá vamos lá o talco formando ouvir então salve família agora com a mudança do Igor vai virar mais forte na semana Talk Flow cara você vai trabalhar muito mais você tá f***** f***** já foi e acabando Corolla aí que você vai trabalhar duas vezes mais mesmo é quanto que ele mandou despertar então só 20 tá o que for pão na mão sobre a feira Espera aí p**** a gente falei com de doação de 500 mais George professor já viu o filme do filme infiltrados na Klan sim muito ruim E se sim o que achou da fala da ativista com a misture por favor faça um vídeo A respeito até o estoque clicar Michael era um ativista radical que existia lá na década de 60 tal mas eu acho eu fui muito ruim porque é ruim é ruim é um filme ruim é ruim na história é o também a história legal filme ruim foi mal dirigido por que o Spike Lee ele ele quer ficar toda hora passando uma mensagem né ele transforma o filme insultando A campo com filme Contra o trump na caçamba pô aí não dá né que tá assim quem assistiu faça a coisa certa cara eu ou mal com ex são obras-primas do Spike Lee vemos um infiltrado na Klan um sou besta carai a história é boa mas com atores ruins e com a direção boba de querer ficar mandando mensagem para o Presidente da República bobeira tão p******** do infiltrado é E aí pela figura do negro lá uma figura do que o Ben Carson sabe-se para ridicularizar o brincar trabalho entendeu tudo bem causa que a p*** figura né mano eu acho Olha aquele história do Empreendedor né mas eles não gostam mas ela mas eu acho uma boa história o Diego Mariano mandou aqui vir então para ver se o Paulo descobriu há pouco tempo e gosto das suas ideias Obrigado uma coisa que sempre me deixou encucado foi que eu não via figuras negras além do esporte da música Me senti incomodado com isso porque queria seguir a beleza é é o que bom que bom que você encontrou agora tenho Professor Paulo é isso então Paulo Muito obrigado pela moral beijar ela fez Lisboa Prazeres Desculpa aí que ela vai chegar em casa tarde aqui eu sou da madrugada amanhã não tenho aula de manhã então eu tô mais os mais perfil ai não esqueça que se você quiser comprar o curso do Professor Paulo tem na descrição vai lá falar com cinquenta por cento de desconto Olha aí esse tempo de pandemia e tal eu baixei pela metade né tá lá duzentão pode dividir em 12 vezes nem dói as 7 aulas são mais de oito horas de conteúdo 8 horas de conteúdo aí parceiro não curso para negro fazer assim é um curso Se você quer ter um Panorama da história do negro brasileiro e quer enriquecer o seu o seu a sua ferramenta para poder falar sobre esse assunto tal né e eu acho que o curso é válida para todo mundo então a gente tem que a gente melhora enquanto o Brasil o quis fazer um curso que nos melhorasse enquanto o brasileiro sim para saber da nossa história conhecer e encontrar um caminho para esse tema do racismo em casa se usar uma toalhinha aqui para gente hoje aí cara é por nada é um processo custa 8:00 aqui com as quase 10 horas mas deixou umas m***** também então não foi só aula Rua de Naldinho Pereira mandou por último aqui com Adelaide razão Cadê os lados você tá fazendo mano tava na verdade não vai fecha vou fechar aqui fica bom no fogo 15 minutos depois Live fazendo há também o pano áudio tal e tweet.tv barra de Lucas Lucco e já vou te ajuda tanto que são aí não no meu monitor não está pensando força lá já muito obrigado você assistir o fro não esquece que a gente tá no Spotify iTunes Google podcast dizer e todas as outras plataformas do mercado obrigado e tchau

Trivia

Curiosidades do episódio

O que o pessoal achou

Comentários


Compartilhe com seus amigos